Raimundo Wall Ferraz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wall Ferraz
Estátua de Wall Ferraz em Teresina
Prefeito Teresina Teresina
Período - 1975-1979
- 1986-1989
- 1993-1995
Antecessor(a) Joel Ribeiro
Freitas Neto
Heráclito Fortes
Sucessor(a) Bona Medeiros
Heráclito Fortes
Francisco Gerardo
Deputado federal  Piauí
Período 1983-1985
Vice-prefeito Teresina Teresina
Período 1963-1967
Vereador Teresina Teresina
Período 1955-1963
Dados pessoais
Nascimento 14 de março de 1932
Teresina, PI
Morte 22 de março de 1995 (63 anos)
São Paulo, SP
Cônjuge Eugênia Ferraz
Partido UDN, ARENA, PP, PMDB, PSDB
Profissão professor, historiador, advogado
Assinatura Assinatura de Raimundo Wall Ferraz

Raimundo Wall Ferraz (Teresina, 14 de março de 1932São Paulo, 22 de março de 1995) foi um advogado, historiador e político brasileiro. Faleceu no exercício de seu terceiro mandato como prefeito de Teresina em 1995.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Frase na estátua da Avenida Frei Serafin.

Filho de Raimundo Leôncio Nogueira Ferraz e Ana Wall formou-se em Direito, Geografia e em História pela Universidade Federal do Piauí, tornando-se professor da instituição, membro do Conselho Estadual de Educação e advogado. Foi também professor do Instituto de Educação Antonino Freire.[1][2]

Prefeito de Teresina[editar | editar código-fonte]

Palacete da Fundação Wall Ferraz, em Teresina.

Membro da UDN viu sua carreira política deslanchar ao ser eleito vereador de Teresina nos anos de 1954 e 1958 e vice-prefeito do município em 1962 sendo o último político nessa condição a exercer a presidência da Câmara Municipal no quatriênio seguinte à sua posse. Durante o primeiro governo Alberto Silva (1971/1975) foi Secretário de Educação, acumulando por um breve período a Secretaria de Governo e com a ascensão de Dirceu Arcoverde ao governo do estado foi nomeado Prefeito de Teresina (1975/1979).

Com a reforma partidária realizada pelo Governo Figueiredo ingressou sucessivamente no PP e PMDB sendo eleito deputado federal em 1982 com três quartos de sua votação oriundos da capital piauiense. Em 1985 foi eleito Prefeito de Teresina na primeira eleição direta para o cargo findo o Regime Militar de 1964 tendo como candidato a vice-prefeito o jornalista e deputado estadual Deoclécio Dantas e no ano seguinte colaborou para a vitória da oposição na disputa pelo governo do estado.

Em sua nova gestão como alcaide rompeu sua aliança com o governador Alberto Silva e liderou uma dissidência partidária que fez de Heráclito Fortes seu sucessor em 1988. Encerrado o seu mandato coordenou a campanha de Ulysses Guimarães à presidência da República em 1989, porém suas divergências com o diretório regional do PMDB recrudesceram a ponto de fazê-lo ingressar no PSDB levando consigo todo o seu grupo político e na condição de tucano recompôs-se com Alberto Silva e foi candidato a governador em 1990 pela coligação Movimento de Integração do Piauí num pleito onde foi derrotado em segundo turno por Freitas Neto.

Em 1992 conquistou o seu terceiro mandato de prefeito de Teresina falecendo na capital paulista em 22 de março de 1995 onde se encontrava para tratamento de saúde em face de um acidente vascular cerebral. Foi substituído pelo vice-prefeito Francisco Gerardo. Em 1996 um de seus filhos, o jornalista Rodrigo Parentes Fortes Ferraz, foi eleito vereador de Teresina pelo PSDB.

Wall é tio do procurador de justiça Rômulo Ferraz, que faz carreira política em Minas Gerais e exerce atualmente a Secretaria de Desenvolvimento Social daquele estado (no Piauí, o mesmo que de Justiça).[3]

Memória[editar | editar código-fonte]

Em sua honra foram batizadas uma avenida e uma ponte na capital piauiense também uma fundação assistencial vinculada a Prefeitura de Teresina. No ano de 1995 uma lei estadual criou setenta e três novos municípios no estado do Piauí, um dos quais batizado com o seu nome.

Referências

  1. BASTOS, Cláudio de Albuquerque. Dicionário Histórico e Geográfico do Estado do Piauí. Teresina; Fundação Cultural Monsenhor Chaves, 1994
  2. SOARES, Sidney. Enciclopédia dos Municípios Piauienses. Fortaleza; Escola gráfica Santo Antonio. 1972
  3. «Rômulo Ferraz toma posse como secretário de Defesa Social de MG (g1.com)». Consultado em 2 de outubro de 2014