Rashid (cantor)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rashid
Informação geral
Nome completo Michel Dias Costa
Também conhecido(a) como Rashid
Nascimento 21 de março de 1988 (32 anos)
Local de nascimento São Paulo, SP
Brasil
Nacionalidade brasileiro
Gênero(s) Rap
hip hop
Ocupação(ões)
Instrumento(s) Vocal
Período em atividade 2006 - presente
Gravadora(s) Foco na Missão
Afiliação(ões) Projota, Terceira Safra, Artigo, Kamau, Emicida, Max B.O., MC Marechal, Pentagono, Rael da Rima [1]
Página oficial rashid.com.br

Michel Dias Costa (São Paulo, 21 de março de 1988), mais conhecido como Rashid, é um rapper, produtor e empresário brasileiro. Seu álbum Crise foi eleito o 39º melhor disco brasileiro de 2018 pela revista Rolling Stone Brasil[2] e um dos 25 melhores álbuns brasileiros do primeiro semestre de 2018 pela Associação Paulista de Críticos de Arte.[3]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns

  • 2016. A Coragem da Luz
  • 2018. CRISE
  • 2019. Sessões Selo Sesc #4 (ao vivo)
  • 2020: Tão Real

Mixtapes

  • 2011. Dádiva e Dívida
  • 2012. Que Assim Seja
  • 2013. Confundindo Sábios

EPs[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

  • 2010. Diário de Bordo 1
  • 2011. Diário de Bordo 2
  • 2011. Selva
  • 2011. Vou Ser Mais
  • 2012. Diário de Bordo 3
  • 2013.Coisas dessa Vida (álbum Confundindo Sábios)
  • 2014. Diário de Bordo 4
  • 2014. Gratidão
  • 2015. Depois da Tempestade part. Alexandre Carlo
  • 2015. Diário De Bordo 5
  • 2015. A Volta
  • 2017. Abre Caminhos
  • 2018. Aeroporto, Hotel, Show
  • 2018. Interior part. Rapadura Xique-Xico
  • 2019. Não É Desenho

Vídeos Musicais[editar | editar código-fonte]

  • 2010. Selva
  • 2011. Nova Ordem - part. Emicida & Projota
  • 2012. Quero Ver Segurar
  • 2012. R.A.P.
  • 2013. Vou Ser Mais
  • 2013. Virando a Mesa - part. Daniel Cohen
  • 2013. Bate e Gol
  • 2014. Chapa Quente - LYRIC VIDEO
  • 2014. Patrão - part. Tassia Reis
  • 2014. Gratidão
  • 2015. Tudo Que Você Podia Ser - Tributo Milton Nascimento
  • 2015. A Cena - part. Izzy Gordon
  • 2016. Homem do Mundo - part. Criolo
  • 2016. Cê Já Teve Um Sonho?
  • 2016. Primeira Diss - LYRIC VIDEO
  • 2017. Abre Caminhos
  • 2017. Bilhete 2.0 - part. Luccas Carlos - LYRIC VIDEO
  • 2017. Estereótipo
  • 2017. Musashi
  • 2017. Se Tudo Der Errado Amanhã - part. Ellen Oléria - LYRIC VIDEO
  • 2017. Sem Sorte
  • 2017. Mal Com o Mundo
  • 2017. Química
  • 2018. Música de Guerra
  • 2018. Pés na Areia (Promessas) - part. Godô
  • 2018. Aeroporto, Hotel, Show
  • 2018. Bilhete 2.0 - part. Luccas Carlos
  • 2018. Interior - part. Rapadura Xique-Xico
  • 2019. Não É Desenho
  • 2019. Todo Dia - part. Dada Yute
  • 2019. Sobrou Silêncio - part. Duda Beat
  • 2019. SSNS (Vevo Sessions)
  • 2020. Pipa Voada - part. Emicida e Lukinhas
  • 2020. Casca (Vevo Sessions)
  • 2020. Blindado

Livro[editar | editar código-fonte]

Ideias que rimam mais que palavras - Vol. 1 é o primeiro livro assinado por Rashid. A obra é um lançamento da Foco na Missão e chegou ao mercado em maio de 2018. Com duas mil cópias iniciais, o livro esgotou-se em pouco tempo e já segue para a segunda tiragem [novembro, 2018].

No livro, Rashid fala das letras de suas músicas ressaltando os detalhes de histórias pessoais que agora estão imortalizadas em seu repertório. A primeira fase de sua carreira, de 2008 a 2014, é revista com outra perspectiva e mostra a vida real por trás de composições como "Hora de Acordar", "Dádiva e Dívida", "Confundindo Sábios", "Diário de Bordo" e "Gratidão".

Desde o lançamento, o rapper passou a circular também nos meios literários, tendo participado de eventos como a 25ª Bienal Internacional do Livro, em São Paulo (SP), 18ª Feira Nacional do Livro, em Rio Preto (SP), e Encontre-$e, em Salvador (BA).

Em março de 2019, saiu a nova tiragem da obra, desta vez com mil exemplares.

Referências

  1. Anderson Hebreu. «MC Rashid é a bola da vez». Noticiário Periférico. Consultado em 15 de Abril de 2010 
  2. Antunes, Pedro (21 de dezembro de 2018). «Rolling Stone Brasil: os 50 melhores discos nacionais de 2018». Rolling Stone Brasil. Grupo Perfil. Consultado em 28 de dezembro de 2020 
  3. Antunes, Pedro (30 de novembro de 2018). «Baco Exu do Blues, Gilberto Gil, Duda Beat: os 25 melhores discos brasileiros do segundo semestre de 2018, segundo a APCA». Rolling Stone Brasil. Grupo Perfil. Consultado em 28 de dezembro de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Rashid (cantor)