Recenseamento (canção)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Recenseamento"
Single de Carmen Miranda
Formato(s) 78 rpm
Gravação 27 de setembro de 1940
Duração 2 min 46s
Gravadora(s) Odeon Records
Composição Assis Valente

"Recenseamento" é um dos sambas compostos por Assis Valente para Carmem Miranda, recém chegada dos Estados Unidos em 1940. Como numa crônica, a canção aproveita-se do censo brasileiro de 1940, que era o assunto do dia, para contar a história de uma família do morro que serve de pesquisa para os censores.[1][2] Cantando esta canção, Carmem Miranda dava vida a uma mulher do morro que esclarece que seu companheiro não é malandro: "O meu moreno é brasileiro, é fuzileiro, e é quem sai com a bandeira do batalhão".[3] Diz ao censor que a casa é humilde, mas que nela não falta "pandeiro, uma cuíca, um tamborim um reco-reco, um cavaquinho e um violão", dando a canção uma proposta de também exaltar a cultura brasileira.[3]

"Recenseamento" havia sido mostrada a Carmem Miranda junto com "Brasil Pandeiro", mas ela rejeitou essa canção, dizendo: "Assis, isso não presta. Você ficou borocoxô."[4] Ela não gravou "Brasil Pandeiro" e isto ficou a cargo dos Anjos do Inferno e, posteriormente, dos Novos Baianos, que fizeram a versão mais conhecida e aclamada no disco Acabou Chorare (1972).

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Tárik de Souza, Tem mais samba: das raízes à eletrônica. Editora 34, 2003. ISBN 8573262877
  2. ArtCultura: revista do NEHAC, Núcleo de Estudos em História Social da Arte e da Cultura, Edições 4-5
  3. a b Ana Rita Mendonça, Carmen Miranda foi a Washington, p.128. Editora Record, 1999. ISBN 8501053929
  4. Carô Murgel, "Assis Valente". mpbnet. Acesso: 15 de junho, 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]