Regente (astrologia)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Júpiter, o maior planeta do sistema solar, é regente do signo de Sagitário.

O regente, conhecido como planeta regente, é um termo astrológico que deriva da associação dos planetas do sistema solar com os signos por meio de suas semelhantes características básicas.[1]

A relação signo e planeta divide-se, de acordo com a astrologia tradicional:[1]

  1. Áries - Marte (segundo a astrologia moderna, Marte seria o regente, e Plutão, co-regente)
  2. Touro - Vênus e Terra (Terra também é regente de Touro)
  3. Gêmeos - Mercúrio
  4. Câncer - Lua
  5. Leão - Sol
  6. Virgem - Mercúrio
  7. Libra - Vênus
  8. Escorpião - Plutão (segundo a astrologia moderna, Plutão seria o regente, e Marte, co-regente)
  9. Sagitário - Júpiter
  10. Capricórnio - Saturno
  11. Aquário - Urano (segundo a astrologia moderna, Urano seria o regente, e Saturno, co-regente)
  12. Peixes - Netuno (segundo a astrologia moderna, Netuno seria o regente, e Júpiter, co-regente)

Referências

  1. a b Silva, Carlos. «O que é um planeta regente?». Terra. Consultado em 18 de março de 2010 
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.