Relâmpago do Catatumbo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O fenômeno à noite.

Relâmpago do Catatumbo (em espanhol: Relámpago del Catatumbo)[1] é um fenômeno atmosférico que ocorre na Venezuela, somente sobre a foz do rio Catatumbo, onde ele deságua no lago Maracaibo. Os poderosos e frequentes relâmpagos sobre esta área relativamente pequena são considerados o maior gerador único do mundo de ozônio troposférico.[2][3]

Origina-se de uma massa de nuvens de tempestade a uma altura de mais de 5 quilômetros e ocorre durante 140 a 160 noites por ano, 10 horas por dia e até 280 vezes por hora. Ele acontece sobre e em torno do lago Maracaibo, geralmente sobre o pântano formado onde o rio Catatumbo deságua.[4]

Depois de aparecer continuamente ao longo dos séculos, os relâmpagos cessaram no período de janeiro a abril de 2010, aparentemente devido à seca.[5] Isso levantou temores de que poderia ter sido extinto de forma permanente.[6] O fenômeno reapareceu após vários meses.[7]

Referências

  1. «Fogonazos: Catatumbo, the everlasting storm». Fogonazos.blogspot.com. Consultado em 27 de julho de 2010 
  2. «Fire in the Sky». Consultado em 16 de agosto de 2008 
  3. Revista Exame, ed. (12 de agosto de 2015). «Conheça o local atingido por 28 relâmpagos a cada minuto» 
  4. «Catatumbo Lightning - Congo». Real Travel. Consultado em 27 de julho de 2010. Cópia arquivada em 1 de julho de 2011 
  5. «Catatumbo Lightning». Wondermondo 
  6. Carroll, Rory (5 de março de 2010). «Drought extinguishes Venezuela's lightning phenomenon». The Guardian. Consultado em 3 de janeiro de 2013 
  7. Guttman, Matt; Robert Rudman. «Venezuela's Mysterious Catatumbo Lightning Phenomenon Vanishes for Months, Then Reappears». ABC News. Consultado em 3 de janeiro de 2013 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a Venezuela é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.