Lista de futebolistas estrangeiros do Sport Club Corinthians Paulista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Este artigo lista todos os futebolistas e treinadores estrangeiros que já vestiram a camisa do Sport Club Corinthians Paulista ao longo da história do clube.

*Última atualização em 30 de janeiro de 2018

Técnicos[editar | editar código-fonte]

Por ordem cronológica[editar | editar código-fonte]

Apenas técnicos nascidos fora do Brasil

# País Nome Período Jogos
1 Itália Rafael Perrone 1910–1911 18
2 Espanha Casemiro González 1912–1914 e 1916–1917 39
3 Itália Virgílio Montarini 1929–1931 75
4 Uruguai Pedro Mazzulo 1933–1934 30
5 Argentina Joseph Tiger 1944 e 1946 22
6 Portugal Joreca 1948–1949 52
7 Argentina Jim López 1960 26
8 Paraguai Fleitas Solich 1962–1963 70
9 Argentina Filpo Núñez 1966 e 1976 34
10 Argentina Armando Renganeschi 1978 21
11 Uruguai Darío Pereyra[1] 2001 6
12 Argentina Daniel Passarella[2] 2005 15

Categorias de base[editar | editar código-fonte]

Por país[editar | editar código-fonte]

Apenas técnicos que treinaram o time principal

Argentina
Daniel Passarela, o últímo treinador estrangeiro do Corinthians, durante sua carreira como jogador.
Espanha
Itália
Paraguai
Portugal
Uruguai

Jogadores[editar | editar código-fonte]

Por ordem cronológica[editar | editar código-fonte]

Apenas jogadores nascidos fora do Brasil

# País Nome Período Posição Jogos Gols
1 Itália Luiz Fabbi 1910–1913 ATA 15 4
2 Itália Police 1910–1917 LAT 63 5
3 Itália Rafael Perrone 1910 ZAG 11 0
4 Itália José 1911 VOL 3 0
5 Portugal Casemiro do Amaral 1911–1914 e 1918 GOL 28 0
6 Espanha Casemiro González 1912–1919 ZAG 81 1
7 Portugal Horácio 1914 GOL 3 0
8 Líbano Amendoim 1929 VOL 1 0
9 Portugal Melo 1933 VOL 7 0
10 Itália Waldemar 1934 ATA 5 0
11 Hungria José Lengyl 1934–1940 GOL 138 0
12 Uruguai Graham Bell 1943–1944 ZAG 10 0
13 Croácia Yube 1947 ATA 1 0
14 Itália Rato 1952–1954 ATA 7 0
15 Espanha Espanhol 1961–1962 ATA 38 9
16 Líbano Adnan 1965–1970 MEI 48 6
17 Polónia Alex 1965 MEI 6 0
18 Portugal Joaquim Rocha 1971 MEI 5 0
19 Argentina Buttice 1974 GOL 14 0
20 Argentina Veira 1976–1977 MEI 20 4
21 Uruguai Taborda 1978–1982 VOL 44 2
22 Uruguai Daniel González 1982–1983 ZAG 72 2
23 Chile Júlio César 1982 ATA 5 0
24 Uruguai De León 1985 ZAG 51 0
25 Japão Koichi 1994 MEI 2 0
26 Paraguai Villamayor 1996 LAT 12 0
27 África do Sul Mark Frank Williams 1996 ATA 3 0
28 Colômbia Rincón 1997–2000 e 2004 VOL 158 11
29 Paraguai Gamarra 1998–1999 ZAG 80 7
30 Argentina Ávalos 2000–2001 ZAG 6 0
31 Uruguai Santiago Silva 2002 ATA 5 0
32 Argentina Tévez 2005–2006 ATA 78 46
33 Argentina Sebá 2005–2006 ZAG 40 1
34 Argentina Mascherano 2005–2006 VOL 26 0
35 Chile Johnny Herrera 2006 GOL 9 0
36 Bolívia Arce 2007 ATA 34 5
37 Chile Suárez 2008 ZAG 4 0
38 Uruguai Acosta 2008–2009 ATA 39 9
39 Argentina Herrera 2008 ATA 59 22
40 Argentina Escudero 2009–2010 LAT 13 0
41 Argentina Emiliano Vecchio 2009 MEI 0 0
42 Paraguai Edgar Balbuena 2009–2010 LAT 16 0
43 Argentina Defederico 2009–2010 MEI 40 3
44 Argentina Mariano Torres 2009 ATA 0 0
45 Paraguai Bobadilla 2010 GOL 0 0
46 Peru Ramírez 2011–2012 e 2014 MEI 54 5
47 China Zizao 2012–2013 ATA 5 0
48 Peru Guerrero 2012–2015 ATA 130 54
49 Argentina Martínez 2012 ATA 19 2
50 Chile Maldonado 2013 VOL 8 0
51 Uruguai Lodeiro 2014–2015 MEI 11 0
52 Paraguai Ángel Romero 2014–atualmente ATA 165 27
53 Colômbia Mendoza 2015 e 2017 ATA 31 3
54 Inglaterra Byatt 2015 ATA 1 0
55 Paraguai Gustavo Viera 2015–2016 VOL 2 0
56 Paraguai Fabián Balbuena[4] 2016–atualmente ZAG 108 10
57 Inglaterra Turquia Kazim[5] 2017–atualmente ATA 35 4

Categorias de base[editar | editar código-fonte]

Por país[editar | editar código-fonte]

Apenas jogadores que jogaram no time principal

África do Sul
Argentina
O argentino Carlitos Tévez foi campeão brasileiro em 2005 com a camisa do Corinthians.
Bolívia
Chile
O chileno Claudio Maldonado conquistou da Recopa Sul-Americana de 2013 com a camisa do Corinthians.
China
Colômbia
Croácia
Espanha
Hungria
Inglaterra
  • Inglaterra Turquia Kazim (2017–atualmente)
Itália
Japão
Líbano
Paraguai
Peru
Polônia
Portugal
Uruguai
Naturalizados estrangeiros

Observação: Quando Marcos Senna, Deco, Liédson e Roger Guerreiro atuaram pelo Corinthians, eles ainda não haviam se naturalizado.

Não-oficialmente

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Técnicos[editar | editar código-fonte]

Fleitas Solich, o segundo treinador estrangeiros com mais jogos pelo Corinthians

Apenas técnicos nascidos fora do Brasil

Mais atuações[editar | editar código-fonte]

  1. Itália Virgílio Montarini – 75 jogos
  2. Paraguai Fleitas Solich – 70 jogos
  3. Portugal Joreca – 52 jogos
  4. Espanha Casemiro González – 39 jogos
  5. Argentina Filpo Núñez – 34 jogos
  6. Uruguai Pedro Mazzulo – 30 jogos
  7. Argentina Jim López – 26 jogos
  8. Argentina Joseph Tiger – 22 jogos
  9. Argentina Armando Renganeschi – 21 jogos
  10. Itália Rafael Perrone – 18 jogos
  11. Argentina Daniel Passarella – 15 jogos

Jogadores[editar | editar código-fonte]

Paolo Guerrero, o maior artilheiro estrangeiro da história do Corinthians.

Apenas jogadores nascidos fora do Brasil

Mais atuações[editar | editar código-fonte]

  1. Paraguai Ángel Romero – 165 jogos
  2. Colômbia Rincón – 158 jogos
  3. Hungria José Lengyl – 138 jogos
  4. Peru Guerrero – 130 jogos
  5. Paraguai Fabián Balbuena – 108 jogos
  6. Espanha Casemiro González – 81 jogos
  7. Paraguai Gamarra – 80 jogos
  8. Argentina Tévez – 78 jogos
  9. Uruguai Daniel González – 72 jogos
  10. Itália Police – 63 jogos

Mais gols[editar | editar código-fonte]

  1. Peru Guerrero – 54 gols
  2. Argentina Tévez – 46 gols
  3. Paraguai Ángel Romero – 26 gols
  4. Argentina Herrera – 22 gols
  5. Colômbia Rincón – 11 gols
  6. Paraguai Fabián Balbuena – 10 gols
  7. Espanha Espanhol – 9 gols
  8. Uruguai Acosta – 9 gols
  9. Paraguai Gamarra – 7 gols
  10. Líbano Adnan – 6 gols

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Corinthians contrata Pereyra, 3ª opção». Uol. 5 de dezembro de 2000. Consultado em 30 de janeiro de 2018. 
  2. «Daniel Passarella é o novo técnico do Corinthians». Terra. 1 de março de 2005. Consultado em 30 de janeiro de 2018. 
  3. «Rincón é o novo técnico do Corinthians Sub-20». Terra. 21 de setembro de 2009. Consultado em 30 de janeiro de 2018. 
  4. «Corinthians contrata Balbuena e registra zagueiro na CBF». Estadão. 15 de fevereiro de 2016. Consultado em 31 de janeiro de 2018. 
  5. «Corinthians anuncia o acerto com o turco Kazim: "O gringo é da favela"». Globo Esporte. 6 de janeiro de 2017. Consultado em 31 de janeiro de 2018. 
  6. «Corinthians tem trabalho, mas vence "pai" inglês em amistoso». Terra. 25 de janeiro de 2015. Consultado em 30 de janeiro de 2018.