Renfe Operadora

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Renfe)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde junho de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Renfe Operadora, E.P.E.
Comboio de alta velocidade Renfe Série 102, fabricado pela espanhola Talgo em parceria com a canadense Bombardier
Tipo Entidade Pública Empresarial
Fundação 2004
Sede Madrid, Espanha
Website oficial www.renfe.com

Renfe Operadora (conhecida simplesmente pela marca Renfe) é uma das entidades públicas empresariais que explora a rede ferroviária espanhola. Como o seu nome indica é herdeira do legado da RENFE (Red Nacional de los Ferrocarriles Españoles), empresa criada em 1941, da qual se desprendeu a Renfe Operadora, no dia 1 de Janeiro de 2005, passando a RENFE a chamar-se ADIF (Administrador de Infraestructuras Ferroviarias). A criação da Renfe Operadora deveu-se à Lei do Sector Ferroviário (LSF), que exigia a separação da exploração dos serviços de transporte e da administração de infraestruturas, pelo que se tiveram que se formar duas empresas: ADIF e Renfe Operadora.

Estrutura da empresa[editar | editar código-fonte]

Na sua origem, Renfe Operadora herdou o modelo de gestão das Unidades de Negócio da antiga RENFE, fazendo cargo daquelas que puramente afectavam a exploração dos serviços de transporte, que eram:

  • Alta Velocidad
  • Larga Distancia
  • Media Distancia
  • Cercanias
  • Mercancías
  • Mantenimiento Integral de Trenes.

Em Janeiro de 2006, a Renfe Operadora sofre uma grande reestruturação interna, que reduz as divisões comerciais a quatro:

  • Dirección General de Servicios Públicos de Cercanías y Media Distancia: Encarregada da gestão dos comboios de Cercanías e Media Distancia.
  • Dirección General de Servicios de Larga Distancia: Encarregada da gestão dos comboios que antes pertenciam às Unidades de Negócio de Grandes Líneas e Alta Velocidad (Excepto AV. Media Distancia, que passam a Media Distancia)
  • Dirección General de Servicios de Mercancías y Logística: Encarregada dos serviços de Mercadorias
  • Dirección General de Fabricación y Mantenimiento: Encarregada da fabricação e manutenção do material ferroviário, que se conhece comercialmente como Integria: Fabricación y Mantenimiento.

Serviços ferroviários[editar | editar código-fonte]

Rede completa de ferrovias espanholas. Legenda:
  Linhas de alta velocidade
  Linhas de bitola ibérica
  Lihas de bitola métrica
Café da manhã num trem de alta velocidade.
Trem de Cercanías em Madrid.

Tradicionalmente, desde a sua fundação, a Renfe Operadora separou completamente os seus serviços de Média e de Longa Distância. No momento, a divisão é mais flexível, existem serviços com links entre os ramais.[1]

Longa Distância[editar | editar código-fonte]

As linhas de "longa distância" são serviços não subsidiados, que geralmente incluem grandes serviços de bordo, como uma cafeteria, classe preferencial, reclinação de assentos ou emissão de filmes. O nome de cada uma das viagens oferecidas geralmente indica os serviços e o tipo de trem, embora às vezes existam diferenças dentro das viagens com o mesmo nome.

Os serviços de alta velocidade incluem:

  • 'Alta Velocidad Española' : é o serviço de alta velocidade em linhas longa-distância. Estes são os trens que alcançam a velocidade mais alta, até 310 km/h, e que circulam de origem para destino por linhas de alta velocidade.
  • 'Alvia' : são os serviços que são parcialmente distribuídos por linhas de alta velocidade e por linhas convencionais. Alcançam uma velocidade de 250 km/h.
  • 'Altaria' : são os serviços compostos de um trem arrastado por uma locomotiva. Eles podem funcionar parcialmente em inhas de alta velocidade, com uma velocidade máxima de 200 km/h.
  • 'AVE City' : Serviços de dia de alta velocidade em comboios de gama média sem serviços preferenciais de classe ou de valor agregado durante a viagem. Seu objetivo é oferecer rotas similares ao AVE a preços mais competitivos.

São serviços convencionais e podem viajar a velocidades de até 200 km/h:

  • 'Euromed' : serviço estabelecido para aproveitar as características do Corredor Mediterrâneo.
  • 'Talgo' : eles consistem em um trem arrastado por uma locomotiva.

Além disso, a Renfe Operadora faz várias linhas noturnas com uma velocidade máxima de até 200 km/h, algumas das quais são parcialmente conduzidas por linhas de alta velocidade:

  • 'Trenhotel' : Trem noturno que inclui um vagão-restaurante.

Média Distância[editar | editar código-fonte]

As linhas de Média Distância podem receber subsídios, em particular para cada linha, geralmente pelos governos autônomos, e globalmente através de um acordo com o governo do estado conhecido como contrato-programa. [2] Todos os serviços têm benefícios semelhantes, com classe única, sem cafeteria a bordo e a possibilidade de usar bicicletas.

As diferenças entre os modelos de trens usados ​​pelas linhas de média distância fazem que existam vários nomes para os serviços de acordo com o modelo usado.

Cercanías[editar | editar código-fonte]

A Cercanías Renfe é a denominação comercial do serviço de comboios suburbanos da Renfe. Existem várias redes de caminhos de ferro exploradas pela Cercanías Renfe em toda a Espanha. Em Barcelona, desde o dia 1 de Janeiro de 2010, o serviço é gerido pela Generalitat de Catalunya e operado pela Renfe.

Presidente[editar | editar código-fonte]

O actual (e único) presidente da Renfe Operadora é José Salgueiro Carmona, procedente da presidência da antiga RENFE.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]