Repositório

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um repositório de software é um local de armazenamento de onde pacotes de software podem ser recuperados e instalados em um computador.

Visão Geral[editar | editar código-fonte]

Repositórios podem ser apenas para determinados programas, como para linguagens de programação, ou para todo um sistema operacional, normalmente um sistema operacional Unix-like como o Linux. Os operadores de tais repositórios normalmente fornecem um sistema de gestão de pacotes, instrumentos destinados à pesquisa para instalar ou manipular pacotes de software a partir de repositórios.[1]

Linguagens de programação como Perl[2], Python[3] e Ruby[4] possuem repositórios que estendem a funcionalidade da linguagem de programação.

Distribuições de Linux usam programas para baixar pacotes de repositórios, como apt para Debian e derivativos como o Linux Mint e o Ubuntu, yum e DNF utilizado em sistemas baseados no Fedora Linux, pacman em sistemas Arch Linux, entre outros.[1] Como cada distribuição tem diferentes colaboradores, filosofias e motivações, seus repositórios podem ou não conter certos softwares.

Referências

  1. a b Chris Hoffman (27 de Junho de 2012). «How Software Installation & Package Managers Work On Linux» (em inglês). HowToGeek. Consultado em 14 de Agosto de 2017 
  2. «The Comprehensive Perl Archive Network» (em inglês). Consultado em 14 de Agosto de 2017 
  3. «PyPI - The Python Package Index» (em inglês). Python Foundation. Consultado em 14 de Agosto de 2017 
  4. «Rubygems.org» (em inglês). Rubygems.org. Consultado em 14 de Agosto de 2017 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Informática é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.