Requeijão da Serra da Estrela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Requeijão Serra da Estrela
Requeijão Serra da Estrela (3).jpg
País de origem
Cidade
Origem do leite
Pasteurizado
não
Gordura láctea
18 a 20%
Conteúdo proteico
19 a 20%
peso
150 a 400 gramas
Textura
cremosa
Designação
Açafate é um cesto de verga usado na produção do Requeijão da Serra da Estrela

O Requeijão da Serra da Estrela DOP é um produto de origem portuguesa com Denominação de Origem Protegida pela União Europeia (UE) desde 5 de fevereiro de 2005.[1]

O soro destinado ao fabrico do Requeijão Serra da Estrela tem que ser obtido a partir da laboração do Queijo Serra da Estrela, isto é, com leite da raça ovina Serra da Estrela.

Trata-se de um produto com elevada percentagem de proteínas e baixo teor de gordura. Pode ser consumido simples, desfeito em leite ou café, misturado com mel, doce de abóbora com ou sem pedaços de noz, avelã ou amêndoa[2].

Agrupamento gestor[editar | editar código-fonte]

O agrupamento gestor da denominação de origem protegida "Requeijão da Serra da Estrela" é a ESTRELACOOP - Cooperativa dos Produtores de Queijo Serra da Estrela, C.R.L..[1]

Área geográfica de produção[editar | editar código-fonte]

A área geográfica de produção de matéria-prima, transformação, pré-embalagem e acondicionamento está circunscrita ao seguinte território:

Concelho Freguesias
Carregal do Sal Todas
Celorico da Beira Todas
Fornos de Algodres Todas
Gouveia Todas
Mangualde Todas
Manteigas Todas
Nelas Todas
Oliveira do Hospital Todas
Penalva do Castelo Todas
Seia Todas
Aguiar da Beira Carapito
Cortiçada
Dornelas
Eirado
Forninhos
Pena Verde e Valverde
Arganil Anceriz
Barril do Alva
Cerdeira
Coja
Pomares
Vila Cova do Alva
Covilhã Aldeia de Carvalho
Cortes do Meio
Erada
Paul
Sarzedo
Unhais da Serra
Verdelhos
Guarda Aldeia Viçosa
Corujeira
Cavadouce
Faia
Famalicão
Fernão Joanes
Maçainhas de Baixo
Meios
Mizarela
Pêro Soares
Porto da Carne
São Vicente
Seixo Amarelo
Vale Amoreira
Trinta
Vale de Estrela
Valhelhas
Videmonte
Vila Cortês do Mondego
Vila Soeiro
Tábua Midões
Póvoa de Midões
Vila Nova de Oliveirinha
Tondela Canas de Santa Maria
Ferreirós do Dão
Lageosa
Tonda
Lobão da Beira
Molelos
Mosteiro de Fráguas
Nandufe
Parada de Gonta
Sabugosa
São Miguel de Outeiro
Tondela
Trancoso Aldeia Nova
Carnicães
Feital
Fiães
Freches
Santa Maria
São Pedro
Tamanhos
Torres
Vila Franca das Naves
Vilares
Viseu Fragosela
Povolide
São João de Lourosa
Loureiro de Silgueiros

Valor económico[editar | editar código-fonte]

Segundos dados de 2019, foram produzidos neste ano cerca de 35.486 kg de Requeijão Serra da Estrela DOP, sendo o nono queijo com DOP mais produzido em Portugal (cerca de 1,8% da produção nacional). O preço médio deste requeijão, incluindo IVA, foi de 1,20 euros por kg[3].

Produção[editar | editar código-fonte]

O sistema produtivo do Requeijão Serra da Estrela DOP é composto por 107 explorações abastecedoras de leite e 7 queijarias certificadas (dados de 2020)[4].

Referências

  1. a b Requeijão da Serra da Estrela na Base de Dados DOOR da União Europeia. Acesso 2014-05-13
  2. Requeijão Serra da Estrela - Denominação de Origem - Caderno de Especificações,
  3. Inovcluster (2021). O Estado da Arte dos Queijos com DOP/IGP em Portugal e na Europa, Dados da DGADR
  4. Inovcluster (2021). Avaliação da Qualidade Físico-Química e Microbiológica do Leite de Pequenos Ruminantes, António Moitinho Rodrigues do Centro de Apoio Tecnológico Agro-Alimentar, Dados da DGADR

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre culinária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.