Reservas bancárias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações.
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

As reservas bancárias são depósitos de bancos em contas do seu banco central (por exemplo o Banco Central Europeu ou a Reserva Federal, neste último caso incluindo fundos federais, mais moeda fisicamente depositada na caixa-forte do banco).

Os bancos centrais de alguns países estipulam depósitos compulsórios mínimos. Mesmo quando não existe tal exigência, os bancos costumam manter, voluntariamente, algumas reservas, chamadas reservas desejáveis, para fazer frente a situações inesperadas, como uma corrida aos bancos.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

Vogel, Harold L. (2001). Entertainment Industry Economics: A Guide for Financial Analysis. New York: Cambridge University Press. ISBN 0521792649

Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.