Resgate (álbum de Resgate)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Resgate
Álbum de estúdio de Resgate
Lançamento 1997
Gravação 1997
Gênero(s) Rock cristão, Britpop
Duração 30:32
Idioma(s) Português
Formato(s) CD, download digital
Gravadora(s) Gospel Records
Produção Paulo Anhaia
Arranjos Resgate
Cronologia de Resgate
On the Rock
(1995)
Praise
(2000)

Resgate é o quarto álbum de estúdio da banda brasileira de nome homônimo, lançado em 1997.

Com a vontade da banda em produzir um disco com característica vintage, seus integrantes, juntamente com o produtor Paulo Anhaia investiram em uma sonoridade crua, com experimentações de guitarra. Sem masterização, o resultado final gerou timbres que, na visão de seus integrantes são, até hoje inéditos na carreira do Resgate. Assim, foi o primeiro disco do grupo com influências do britpop. O baixista Marcelo Amorim disse em 2011: "O CD não foi masterizado, o Paulo e o Zé apenas checaram os níveis de áudio e a sequência das músicas, isso foi feito na cozinha da casa da mãe do Paulo no computador dele. Por isso na ficha técnica aparece - Masterização: Mother's Kitchen. Queríamos um som cru, e foi o que aconteceu. Até hoje acho esse CD muito atual, na tendência, na linguagem e no som, ele é de 1997. Nunca mais tiramos aquele mesmo som da batera, o Paulo tava inspirado".[1]

Conhecido por conter muitas das letras mais complexas na carreira da banda, Resgate abandonou o humor apresentando em seu antecessor, On the Rock.[2] Em janeiro de 2014, com a remasterização da discografia do Resgate, o álbum passou a ser vendido em formato digital.[3]

Em 2015, foi considerado, por vários historiadores, músicos e jornalistas, como o 50º maior álbum da música cristã brasileira, em uma publicação dirigida pelo Super Gospel.[4][5] Mais tarde, foi eleito pelo mesmo portal o 6º melhor álbum da década de 1990.[6]

Faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as composições por Resgate, exceto "Antes" e "Em Todo Lugar", creditadas a Zé Bruno.

  1. "Liberdade"
  2. "Pouco Importa"
  3. "E daí?"
  4. "O Jantar"
  5. "Terceiro Dia"
  6. "Antes"
  7. "No One"
  8. "Em Todo Lugar"

Ficha técnica[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
O Propagador 4 de 5 estrelas.[2]
Rafael Porto 4.5 de 5 estrelas.[7]
Super Gospel (favorável)[8]
Banda
Músicos convidados e equipe técnica

Referências

  1. (2011) Créditos do álbum Pretérito Imperfeito, mais que Perfeito por Resgate. Sony Music Brasil.
  2. a b «Resgate - discografia e obra». O Propagador. Consultado em 6 de março de 2015. Arquivado do original em 21 de maio de 2015 
  3. «Resgate de Resgate». iTunes. Consultado em 7 de março de 2015 
  4. «Sites cristãos produzem lista dos 100 maiores álbuns nacionais». Super Gospel. Consultado em 2 de setembro de 2015 
  5. «Os 100 maiores álbuns nacionais da música cristã». O Propagador. Consultado em 2 de setembro de 2015. Arquivado do original em 1 de setembro de 2015 
  6. «100 melhores álbuns dos anos 1990». Super Gospel. Consultado em 11 de março de 2018 
  7. Porto, Rafael (8 de fevereiro de 2013). «Resgate - Resgate (1997)». O Gospel em Xeque. Consultado em 8 de março de 2015. Cópia arquivada em 8 de março de 2015 
  8. «CD Resgate (Resgate) - Análise». Super Gospel. 23 de dezembro de 2015. Consultado em 22 de janeiro de 2016 
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Resgate é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.