Reynaldo Boury

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade(desde junho de 2017). Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Reynaldo Boury
Nome completo Reynaldo da Costa Boury
Nascimento 25 de março de 1932 (85 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade brasileiro

Reynaldo da Costa Boury (São Paulo, 25 de março de 1932),[1] mais conhecido como Reynaldo Boury, é um diretor da televisão brasileira. É pai da roteirista Margareth Boury, e do diretor Alexandre Boury fruto de seu casamento com sua esposa Itacy. Reynaldo iniciou sua carreira na TV, ainda como cameraman na TV Tupi, mas foi durante a inauguração da TV Excelsior, seu grande momento, ao finalmente se consagrar como diretor de telenovelas. Dirigiu a novela Redenção, a maior novela de todos os tempos, pois teve 596 capítulos. Boury se tornou então um diretor de TV tarimbado, e com bastante nome no mercado televisivo.

Reynaldo Boury trabalhou em grandes novelas da TV Excelsior e mais tarde na Rede Globo.

No dia 13 de setembro de 2010 foi oficializada a sua contratação pelo SBT para dirigir a novela Amor e Revolução de Tiago Santiago. Em 2012 substituiu o diretor Del Rangel, que foi demitido pela emissora, na direção geral da novela Carrossel e em 2013, dirige a versão brasileira da novela Chiquititas.

Foi homenageado na Argentina pelos 58 anos de carreira, durante o Festival Y Mercado Ficción Internacional. O evento reúne, em Buenos Aires, artistas e as principais redes de televisão da América Latina.[2]

Trabalhos na Televisão[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f g h i «REYNALDO BOURY». Memória Globo. Globo.com. Março de 2012. Consultado em 14 de fevereiro de 2013 
  2. Ricco, Flávio; Carlos, José (15 de novembro de 2012). «Marcos Caruso, o Leleco de "Avenida Brasil", será dono de cabaré em novela das seis». Coluna Flávio Ricco. Universo Online. Consultado em 21 de fevereiro de 2013 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]