Ricardo de Évreux

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Brasão de Armas dos condes de Evreux

Ricardo de Évreux (c. 1011 - 13 de dezembro de 1067) foi Conde de Évreux entre 1037 e 1067, conselheiro Guilherme I de Inglaterra e arcebispo de Ruão.

Mandou edificar em Saint-Sauveur-le-Vicomte, a Abadia de Saint-Sauveur de Evreux, tendo no entando sido sepultado na Abadia de Fontenelle.

Relações familiares[editar | editar código-fonte]

Foi filho de Roberto II de Évreux (989 - 1037), arcebispo de Ruão e conde de Évreux e Ruão.

Casou em 1040 com a já viúva de Rogério I da Tosny e Godeilda, de quem teve:

  1. Guilherme de Évreux (? - 1118), conde de Évreux)
  2. Inês de Évreux casado com Simão I de Montfort (10301087) foi o 3º senhor de Montfort-l'Amaury.
  3. Godehilde, freira na Abadia de Saint-Sauveur de Evreux, mandada edificar na localidade de Saint-Sauveur-le-Vicomte, por seu pai.[1][2]

Referências

  1. Foundation for Medieval Genealogy : Count of Evreux
  2. Pierre Bauduin, La première Normandie (xe-xie siècles)