Richard Carapaz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Richard Carapaz
Richard Carapaz por la Agencia de Noticias ANDES.png
Richard Carapaz em 2017
Informação pessoal
Nome nativo Richard Antonio Carapaz
Nascimento 29 de maio de 1993 (26 anos)
El Carmelo
Estatura 170 cmVisualizar e editar dados no Wikidata
Cidadania Equador
Ocupação Ciclista desportivo (d)Visualizar e editar dados no Wikidata
Informação equipa
Equipa atual Movistar Team
Desporto Ciclismo
Disciplina Estrada
Tipo de corredor Escalador
Amador
2011-2013

2014
2015

04.2016-07.2016
Panavial-Coragem Carchense
RPM Equador
Strongman-Campagnolo
Lizarte
Profissional
01.2016-04.2016

08.2016-12.2016
2017-
Strongman Campagnolo Wilier
Movistar Team (stagiare)
Movistar Team
Maiores vitórias
Grandes Voltas

Giro d'Italia Jersey pink.svg (2019)
GV - Maillots complementares e etapas:
Giro d'Italia:
3 etapas

Estatísticas
Richard Carapaz no ProCyclingStats

Richard Antonio Carapaz (El Carmelo, Carchi; 29 de maio de 1993) é um ciclista equatoriano. Actualmente corre para a equipa espanhola Movistar Team e é o primeiro corredor equatoriano a ganhar tanto uma das três Grandes Voltas depois de fazê-lo no Giro d'Italia de 2019 como uma etapa numa delas depois de vencer na oitava etapa do Giro d'Italia de 2018.

Trajectória[editar | editar código-fonte]

Richard Carapaz é um ciclista carchense, nasceu a 29 de maio de 1993 na comunidade La Praia, parróquia El Carmelo, departamento Tulcán (conhecida como a capital do ciclismo equatoriano). A sua carreira iniciou aos 15 anos de idade na equipa amadora Panavial-Coraje Carchense (hoje Coraje Carchense), em seus inícios treinou com ex-glórias do ciclismo carchense e equatoriano como Juan Carlos Rosero (+) e Paulo Caicedo. Pouco depois alinhou na equipa equatoriana o RPM Team onde se adjudicou a Volta a Guatemala de 2013 na categoria Sub-23 e também foi o vencedor do Campeonato Panamericano em Estrada Sub-23 no ano 2013.[1]

No ano 2015 transladou-se a Colômbia onde correu para a equipa colombiana Strongman-Campagnolo; converteu-se no primeiro estrangeiro a ganhar a Volta da Juventude da Colômbia e uma etapa do tradicional Clássico RCN.

O seu desempenho desportivo chamou a atenção de equipas europeias e no ano 2016 foi contratado pela equipa Lizarte. Posteriormente, em 2017, iniciou-se na equipa de provas da sua actual equipa Movistar Team e teve a oportunidade de ser o primeiro equatoriano em competir na Volta a Espanha onde foi participante de uma tentativa de fuga numa etapa de montanha.

Em 2018 converteu-se no primeiro equatoriano a ganhar uma etapa e vestir a camisola branca do Giro de Itália.

No Giro d'Italia de 2019 ganhou duas etapas, adjudicando-se a t-shirt de líder ao termo da 14.ª etapa.[2]

A 2 de junho de 2019, Richard Carapaz consagrou-se como campeão do Giro d'Italia.[3]

Palmarés[editar | editar código-fonte]

2013

2015

2016 (como amador[4])

2018

2019

Resultados nas Grandes Voltas e Campeonatos do Mundo[editar | editar código-fonte]

Durante a sua carreira desportiva tem conseguido os seguintes postos nas Grandes Voltas:

Carreira 2017 2018 2019
Giro d'Italia -
Tour de France - - -
Volta a Espanha 36º 18º -
Mundial em Estrada MaillotMundial.PNG - 71º -

-: não participa
Ab.: abandono

Equipas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Richard Carapaz sorprende en México elcomercio.com
  2. «Richard Carapaz cumpriu 26 anos e é primeiro no Giro d'Italia». Periódico Expectativa (em espanhol). Ibarra, Equador. 30 de maio de 2019. Consultado em 1 de junho de 2019 
  3. «Richard Caparaz leva-se o Giro d'Italia: Equador celebra o título de seu ciclista». Depor (em espanhol). 2 de junho de 2019. Consultado em 2 de junho de 2019 
  4. Esta victória profissional a conseguiu como amador na equipa aficionado de Lizarte mas indica-se dado que é de especial relevância.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]