Rings (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Rings)
Ir para: navegação, pesquisa
Para o curta-metragem de 2005, ver Rings (curta).
Rings
Rings (PT)
O Chamado 3 (BR)
Rings2017.jpg
 Estados Unidos
2017 •  cor •  102 min 
Direção F. Javier Guetierrez
Produção Walter F. Parkes
Laurie MacDonald
Roteiro David Loucka
Jacob Aaron Estes
Akiva Goldsman
Baseado em Koji Suzuki
Elenco Matilda Lutz
Alex Roe
Johnny Galecki
Vincent D'Onofrio
Aimee Teegarden
Bonnie Morgan
Gênero Horror psicológico
Música Matthew Margeson
Cinematografia Sharone Meir
Edição Steve Mirkovich
Jeremiah O'Driscoll
Distribuição Paramount Pictures
Lançamento
Estados Unidos3 de fevereiro de 2017
Brasil2 de fevereiro de 2017
Portugal9 de fevereiro de 2017
Idioma Inglês
Orçamento US$ 25.000.000[1]
Receita US$ 83,080,890[1]
Cronologia
The Ring 2
(2005)
Página no IMDb (em inglês)

Rings (no Brasil: O Chamado 3) é um filme de horror psicológico sobrenatural americano, dirigido por F. Javier Gutiérrez, e roteirizado por David Loucka, Jacob Aaron Estes e Akiva Goldsman. O filme é produzido por Walter F. Parkes e Laurie MacDonald.[2] É o terceiro filme da franquia The Ring e ocorre 13 anos depois de The Ring (2002). O elenco inclui Matilda Lutz, Alex Roe, Johnny Galecki, Vincent D'Onofrio, Aimee Teegarden e Bonnie Morgan.

A fotografia principal começou em 23 março de 2015 em Atlanta. O filme foi lançado nos Estados Unidos em 3 de fevereiro de 2017. O filme tem 7% de aprovação no Rotten Tomatoes e arrecadou US$ 83 milhões em todo o mundo contra seu orçamento de US$ 25 milhões.[1][3]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Em 2013, em um avião com destino a Seattle, o passageiro Carter revela a Faith que viu a fita de vídeo amaldiçoada de Samara Morgan. Faith diz a outra passageira Kelly que Carter viu a fita de vídeo, Kelly revela que ela também viu a fita. Ela pergunta a Carter se ele fez uma cópia e depois dele dizer que não, o avião começa ficar com turbulência, enquanto Samara sai do monitor da cabine do piloto para Carter e eventualmente faz com que o avião cai.

Dois anos depois, em 2015, o professor Gabriel da faculdade compra um videocassete velho uma vez possuído por Carter, descobrindo uma fita VHS dentro. Em outro lugar, Julia vê seu namorado Holt indo para a faculdade, mas fica preocupada quando ele não retorna suas ligações. Ela quer encontrá-lo, quando uma menina em pânico, Skye, faz uma chamada de vídeo para Julia perguntando sobre o paradeiro de Holt. Julia encontra Gabriel, seguindo-o para uma área privada da faculdade, onde um grupo de pessoas conhecidas como "Os Sete", estão envolvidos em um experimento envolvendo o vídeo amaldiçoado, assistindo e filmando-se, antes de passar a tarefa a outra pessoa, chamada de "seguidor".

Julia reconhece Skye, que a leva para seu apartamento para que ela assista o vídeo, mas Holt contata Julia, alertando-a para que não assista. Julia se tranca no banheiro, Skye é morta por Samara. Holt chega pouco depois. Não querendo deixar Holt morrer, Julia assiste ao vídeo, experimentando uma visão de uma porta, e uma marca é queimada em sua mão. Voltando-se para Gabriel para ajudar, ele percebe que a cópia de vídeo de Julia é maior que a cópia de vídeo original. Ela o observa, descobrindo novas imagens que sugerem o destino do corpo de Samara.

Gabriel fala para eles irem até a cidade de Sacrament Valley, onde Samara foi enterrada. Mais tarde ele percebe que a marca na mão de Julia é braille e vai avisá-los. Chegando na cidade, Julia e Holt vão até a igreja, explorando o cemitério. Eles encontram um túmulo não marcado, mas quando eles abrem os restos de Samara não está lá. Julia e Holt são pegos, mas são levados a um cego chamado Burke, que afirma que o corpo de Samara foi sepultado pelo padre local, mas uma inundação veio pouco depois, levando a cidade a enterrá-la em outra cidade. Ele também observa a marca de Julia e avisa para ela tomar cuidado.

Rumo fora da cidade, Julia e Holt são parados devido a um acidente de carro e Gabriel estava envolvido. Ele tenta advertir Julia de sua descoberta, mas é fatalmente eletrocutado por um poste que cai em cima do carro. Depois de experimentar uma visão da mãe de Samara, Evelyn, Julia e Holt retornam à cidade. Enquanto Holt faz perguntas sobre o destino de Evelyn para Karen, Julia vai para a igreja seguindo suas visões. Ela descobre uma câmara escondida debaixo da torre do sino e encontra provas de que Evelyn foi aprisionada lá enquanto estava grávida, mantida em cativeiro pelo padre depois de ser estuprada antes que ela escapasse aos oito meses e meio da gravidez.

Julia visita Burke e explica suas descobertas. Ele de repente a ataca, revelando que ele não era apenas o padre, mas o pai biológico de Samara, cegando-se para escapar do alcance dos poderes de sua filha. Julia o empurra para baixo das escadas e é atraída para seu quarto, descobrindo o esqueleto de Samara escondido atrás de uma parede. Burke tenta sufocá-la até a morte, mas um enxame de cigarras voa, convocando Samara pelo celular de Julia. Samara então remove a cegueira de Burke para que ela possa matá-lo. Holt chega, depois de ter descoberto a verdade, e juntos, ele e Julia cremam o cadáver de Samara.

Enquanto Julia está no chuveiro, Holt percebe uma mensagem de voz de Gabriel, que o avisa do braille. Holt tenta traduzir a marca da mão de Julia. No banheiro, Julia tira a pele da marca, revelando a pele cinza embaixo. Ela começa a tossir cabelos pretos, de onde nasce uma cigarra. Julia tem um flashback de Samara dizendo "Eu sinto muito, mas isso não vai parar." De repente a cópia do vídeo de Julia é enviada a todos na lista de contatos, Holt tenta desconectar o computador, mas o vídeo começa a ser viral, a tela onde Holt estava traduzindo a marca na mão de Julia acaba revelando que significa renascimento. Julia olha para o espelho: o reflexo dela é o de Samara.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Matilda Lutz como Julia
  • Alex Roe como Holt Anthony
  • Johnny Galecki como Gabriel Brown
  • Vincent D'Onofrio como Galen Burke
  • Aimee Teegarden como Skye Johnston
  • Bonnie Morgan como Samara Morgan
  • Daveigh Chase como Samara Morgan (flashback).
  • Chuck David Willis como Blue
  • Patrick R. Walker como Jamal
  • Zach Roerig como Carter
  • Laura Wiggins como Faith
  • Lizzie Brocheré[4] como Kelly
  • Karen Ceesay como Comissária de Bordo
  • Dave Blamy como Primeiro Oficial
  • Michael E. Sanders como Piloto
  • Randall Taylor como Pai de Holt
  • Drew Grey como Sam
  • Kayli Carter como Evelyn Borden
  • Jill Jane Clements como Karen Styx
  • Adam Fristoe como Chris
  • Rick Baker como Vendedor

Produção[editar | editar código-fonte]

Em 2014, a Paramount Pictures anunciou o inicialmente intitulado The Ring 3D, com direção de F. Javier Gutiérrez.[5] Em agosto de 2014, a Paramount estava em negociações com Akiva Goldsman para escrever um terceiro rascunho do roteiro, que já havia sido trabalhado por David Loucka e Jacob Aaron Estes.[6] Em novembro, Gutiérrez postou uma foto no Instagram que mostrava que o título da sequência havia sido alterado para Rings.[7] Em 16 de janeiro de 2015, Matilda Lutz foi escalada para o papel principal.[8] Alex Roe foi escalado como o protagonista masculino em 20 de março de 2015.[9] Aimee Teegarden se juntou ao elenco em 27 de março de 2015,[10] e Johnny Galecki assinou contrato para estrelar o filme em 1 de abril de 2015, interpretando Gabriel, um professor que orienta e ajuda tanto Holt e Julia.[11]

Filmagem[editar | editar código-fonte]

A fotografia principal do filme começou em 23 de março de 2015, em Atlanta, e terminou em 31 de maio de 2015.[12]

Recepção da crítica[editar | editar código-fonte]

No Rotten Tomatoes, o filme tem uma taxa de aprovação de 7% com base em 97 avaliações e uma classificação média de 3,2 / 10, tornando-se o filme com pior classificação da trilogia. O consenso crítico do site diz: "Rings pode oferecer aos fervorosos fãs da franquia algumas emoções puídas, mas para todos os outros, pode parecer um ciclo infinito de mitologia confusa e pontos de trama recheados".[3] No Metacritic, o filme tem uma pontuação de 25 em 100 com base em 23 críticos, indicando "geralmente avaliações desfavoráveis".[13] As audiências pesquisadas pelo CinemaScore deram ao filme uma nota média de "C–" em uma escala A+ F, menor que a B- e C+ conquistada por seus respectivos predecessores.

Possível sequência[editar | editar código-fonte]

Ao CinemaCon, o executivo da Paramount, Rob Moore, disse que, se o filme for bem-sucedido, mais sequências poderão ocorrer anualmente, tomando o lugar da franquia Atividade Paranormal.[14]

Referências

  1. a b c «Rings (2017)» (em inglês). Box Office Mojo 
  2. Max Evry (23 de março de 2015). «Production Begins on Horror Sequel Rings» (em inglês). comingsoon.net. Consultado em 23 de março de 2015. 
  3. a b «Rings (2017)». Rotten Tomatoes. Consultado em 16 de fevereiro de 2017. 
  4. https://instagram.com/p/3K-1b-zBFN/
  5. «Paramount Sets F. Javier Gutiérrez To Helm 'Ring' Threequel». Deadline. Consultado em 18 de julho de 2014. 
  6. «Akiva Goldsman Circling 'Ring 3′ Rewrite». Deadline. Consultado em 29 de novembro de 2014. 
  7. «Photo by fj6utierrez». F. Javier Gutiérrez. Consultado em 29 de novembro de 2014. 
  8. Sneider, Jeff (16 de janeiro de 2015). «Paramount's 'The Ring' Reboot 'Rings' Casts Newcomer as Female Lead (Exclusive)». thewrap.com. Consultado em 20 de março de 2015. 
  9. Busch, Anita (20 de março de 2015). «Alex Roe Takes 'Rings' At Paramount». deadline.com. Consultado em 20 de março de 2015. 
  10. Lincoln, Ross (27 de março de 2015). «Aimee Teegarden Joins Paramount's 'Rings'; Clemens Schick To Menace 'The Lake'». deadline.com. Consultado em 27 de março de 2015. 
  11. D'Alessandro, Anthony (1 de abril de 2015). «Johnny Galecki Hooks On To Paramount's Horror Threequel 'Rings'». deadline.com. Consultado em 3 de abril de 2015. 
  12. Evry, Max (23 de março de 2015). «Production Begins on Horror Sequel Rings». comingsoon.net. Consultado em 23 março de 2015. 
  13. «Rings reviews». Metacritic. Consultado em 10 de fevereiro de 2017. 
  14. http://www.comingsoon.net/movies/news/675589-cinemacon-paramount-pictures#/slide/1

Ligações externas[editar | editar código-fonte]