Rio Darling

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rio Darling
Darling-near-Bourke.jpg
Localização
Continente
País
Localização
Coordenadas
Dimensões
Comprimento
1 472 kmVisualizar e editar dados no Wikidata
Hidrografia
Tipo
Bacia hidrográfica
Área da bacia
710 000 km2Visualizar e editar dados no Wikidata
Afluentes
principais
Barwon River (en), Bogan River (en), Little Bogan River (d), Culgoa River (en), Warrego River (en), Paroo River (en), Frenchmans Creek (en)Visualizar e editar dados no Wikidata
Caudal médio
100 m3/sVisualizar e editar dados no Wikidata
Foz
História
Origem do nome
Ralph Darling (en)Visualizar e editar dados no Wikidata

O Rio Darling é o terceiro maior rio australiano, com uma extensão de 1390 km; o rio parte do norte de Nova Gales do Sul e conflui com o Rio Murray, em Wentworth, no mesmo estado.

A altitude da origem do Rio Darling é de 119 metros.

O Darling em Wentworth, New South Wales.
Encontro do Rio Darling com o Rio Murray em Wentworth, Nova Gales do Sul.
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Austrália é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Rio Murray (em inglês: Murray River) é um rio da Austrália com cerca de 2.530 km de comprimento desde a sua fonte na Cordilheira Australiana até a sua foz no oceano Índico.

Nasce nos Alpes australianos e escoa a parte sudeste do país, desaguando no oceano Índico perto de Adelaide após ter recebido a contribuição de seus dois grandes tributários: o rio Murrumbidgee e sobretudo o rio Darling. Embora sendo o mais longo da Austrália, o fluxo apresenta um débito fraco para um rio desta importância por causa das precipitações insuficientes nas regiões que cruza e do uso volumoso de suas águas para a agricultura e para as cidades próximas de suas margens.

O Murray, largamente presente na mitologia dos Aborígenes (que lhe chamaram Millewa), não foi explorado no curso da primeira metade do século XIX pelos europeus instalados no país mas fez um grande papel na navegação e no desenvolvimento das atividades agrícolas na Austrália. Sua fauna e sua flora endêmica oferecem um rico patrimônio natural, mas hoje estão ameaçadas pela introdução de espécies invasoras e pela grande exploração das suas águas.