Rio Mosa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mosa
O Meuse ou Mosa através de Maastricht.
Mapa
Comprimento 950 km
Caudal médio 400 m³/s
Foz Mar do Norte
Área da bacia 36.000 km²
País(es)  França,  Bélgica,  Países Baixos

O Mosa (em francês: la Meuse, em alemão: Der Maas, em neerlandês: Maas, valão Moûze) é um rio de 950 km de comprimento que tem sua nascente na França, no planalto de Langres, em Bassigny. Dá o seu nome ao departamento francês de Meuse e ainda à cidade neerlandesa de Maastricht.

O Meuse banha Neufchâteau, Commercy, Verdun, Sedan, Charleville-Mézières, depois atravessa a Bélgica (Dinant, Namur, Huy, Liège) e os Países Baixos (Maastricht, Ruermonde, Venlo) em direção do mar do Norte e seus principais afluentes são o Vair, o Chiers, o Chiers, o Lesse, o Hoyoux, o Ourthe e o Roer na margem direita, o Viroin, o Sambre, o Mehaigne e o Geer na margem esquerda.

Seus diversos meandros através das Ardenas constituem importantes pontos turísticos. Nos Países Baixos, o rio se mistura ao Reno para formar um largo delta comum denominado delta do Reno–Mosa–Escalda, no Mar do Norte. [1]

O Mosa foi a fronteira ocidental natural do Sacro Império Romano-Germânico desde a sua criação no século IX até à anexação da maior parte da Alsácia e da Lorena pela França, após o tratado da Paz de Vestefália em 1648, e da anexação do Principado de Liège em 1792, também pela França. Nostalgicamente é mencionado no hino da Alemanha.

Referências

  1. Editores da Barsa (1967). Enciclopédia Barsa, volume 2 Ed. Encyclopaedia Britannica [S.l.] 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre hidrografia em geral é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.