Rio Shimanto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Rio Shimanto
O rio Shimanto
Comprimento 196 km
Nascente Monte Irazu
Altitude da nascente 1 336 m
Caudal médio 500 m³/s
Foz Mar do Japão
Área da bacia 2 270 km²
País(es)  Japão
Rio Shimanto está localizado em: Japão
Rio Shimanto
Coordenadas 32° 56' 2" N 132° 59' 45" E

O rio Shimanto (四万十川 Shimanto-gawa?), é um rio da ilha Shikoku, no Japão. Com 196 km de comprimento e uma bacia hidrográfica de 2270 km²[1], é o mais longo da ilha. Nasce no monte Irazu, a 1336 m de altitude.[2]. Como não tem barragens no seu curso, é considerado como o "último rio puro do Japão".[3] Por isso é popular como destino turístico para rafting e canoagem.[4] As águas estão repletas de trutas ayu, que os locais pescam no início do verão.

O Shimanto e os seus afluentes contam com um total de 47 pontes[5], as quais foram declaradas pela prefeitura de Kochi como Património Cultural da Vida Quotidiana (生活文化遺産 Seikatsu Bunka-isan?) em 1993. As pontes são construídas sem parapeitos, para que sejam simplesmente submersas, mas não levadas por enchentes do rio. As ilhas de areia e as margens têm vegetação cerrada muito apreciada por aves, como as garças. A partir de Nakamura, a cidade na prefeitura de Kochi que fica perto do estuário, pode-se subir o rio em caiaque ou canoa.[3]

A região em redor da nascente do rio inclui a cidade de Yasuhara e a parte norte da cidade de Tsuno, e contém muitos destinos turísticos de grande beleza natural e cénica, como o carste Shikoku, os planaltos de Tengu, a floresta das nascentes do Shimanto, a casa das nascentes do Shimanto e paisagens naturais sazonais.[6]

Tempura de algas[editar | editar código-fonte]

O rio Shimanto é famoso por conter algas designadas "Aonori" (literalmente, "alga verde"). Com um sabor menos pronunciado a peixe que as algas oceânicas, esta planta é consumida para alimentação humana, na forma de flocos secos com arroz, como um puré com molho de soja e mirin, ou apenas seca. É porém na forma de tempura que o aonori é mais consumido. Combinado com farinha e ovo, o aonori lembra uma pequena esponja de cor verde forte. O sabor é intenso, fresco e telúrico, com o processo de frutura a conferir um toque estaladiço.[7]

Referências

  1. 国土交通省河川局, 2009, p. 3.
  2. 津野町役場 (2015). «四万十川源流点(不入山)» (em japonês). Consultado em 16 de junho de 2015 .
  3. a b Michelin guide. «River Shimanto». Consultado em 15 de novembro de 2019 
  4. Japan Monthly Web Magazine. «The Crystal Clear Appeal of Shimanto River». fevereiro de 2017. Consultado em 15 de novembro de 2019 
  5. 国土交通省河川局, 2009, p. 6.
  6. Shimanto Kuroshio Ryokan Association. «Shimanto River & Its Sinking Bridges». Consultado em 15 de novembro de 2019 
  7. Gastro Obscura. «Shimanto River 'Seaweed' Tempura». Consultado em 15 de novembro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Rio Shimanto