Rob Fusari

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Rob Fusari é um produtor musical e compositor, possivelmente mais conhecido por seu trabalho com a artista americana Lady Gaga.

Início[editar | editar código-fonte]

Fusari nasceu e foi criado em Livingston, Nova Jersey.[1] Começou a estudar piano clássico aos oito anos, e tornou-se tão hábil como pianista que ele começou a se apresentar em competições nacionais por 10 anos. "Foi emocionante tocar nestes concursos de piano", lembrou Fusari. "Os primeiros três finalistas que iriam tocar um recital no Carnegie Hall, e eu tive a oportunidade de tocar no Carnegie por três anos seguidos".[2] Foi durante seus anos de faculdade na William Paterson University, em Nova Jersey, que Fusari começou a escrever músicas.[3] Ele começou a gravar demos, e posteriormente conheceu o compositor Irwin Levine,[4] que era conhecido por escrever "Tie a Yellow Ribbon Round the Ole Oak Tree" e vários outros sucessos de Tony Orlando & Dawn. Em meados dos anos 90, começou a colaborar com Fusari outro compositor, Josh Thompson, cujos principais trabalhos eram com influência R&B. "Josh e eu trabalhamos juntos por dois ou três anos", disse Fusari. "Nós acababamos escrevendo cerca de 300 músicas juntos". Também afirma que: "Um dos destaques, foi quando chegamos a gravar uma música com George Benson."[5]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Em 2001, Fusari produziu Bootylicious para Destiny's Child, terceiro álbum de estúdio Survivor. A canção chegou ao número 1 na parada Billboard Hot 100. Ele produziu em 2003 o hit "Train on a Track" de Kelly Rowland.

Fusari trabalhou pela primeira vez com Britney Spears, em 2003, em uma faixa intitulada "Loves Suppose 2 Be", que deixou de ser incluído em In The Zone.[6][7] Mais tarde, em 2008, Fusari trabalhou como produtor co-executivo para o álbum de estreia de Lady Gaga, The Fame, que venceu o Grammy.[8]

Ele co-escreveu e produziu e é creditado por cinco músicas: "Paparazzi", "Beautiful, Dirty, Rich", "Again Again", "Brown Eyes" e "Disco Heaven". Fusari também produziu e co-escreveu, "Vanity", "Glitter & Grease", e "Retro Dance Freak".[9]

Referências

  1. Rose, Lisa. "Lady Gaga files lawsuit of her own against Rob Fusari", The Star-Ledger, 20 de março de 2010. Acessado em 24 de fevereiro de 2011. "The 42-year-old Livingston native, who helped pen and produce such hits as 'Bootylicious' by Destiny's Child and 'Wild Wild West' by Will Smith, was singing a different tune during a taped interview with The Star-Ledger in January."
  2. Kawashima, Dale. Rob Fusari Co-Writes & Produces Top Hits For Destiny's Child, Will Smith And Other Artists, SongWriterUniverse.com. Acessado em 24 de fevereiro de 2011.
  3. William Paterson University - News
  4. «Irwin Levine, 58; Wrote 'Yellow Ribbon'». The New York Times. 27 de janeiro de 1997 
  5. «Rob Fusari Co-Writes & Produces Top Hits For Destiny's Child, Will Smith & Other Artists». SongwriterUniverse. Consultado em 27 de outubro de 2008 
  6. «Rob Fusari Co-Writes & Produces Top Hits For Destiny's Child, Will Smith & Other Artists». Singer Universe. 2003. Consultado em 10 de janeiro de 2012 
  7. «ROB FUSARI PRODUCTIONS». Rob Fusari's Official Website. 2003. Consultado em 10 de janeiro de 2012. Cópia arquivada em 25 de abril de 2003 
  8. Taylor Swift, Lady Gaga Win Early Grammys - Billboard
  9. «Names and Faces: Kathy Griffin speaks out against 'don't ask, don't tell'». The Washington Post. 20 de março de 2010. Consultado em 21 de março de 2010 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]