Roberto Kovalick

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Roberto Kovalick
Nascimento 24 de março de 1965 (55 anos)
Santana do Livramento, RS
Ocupação jornalista
repórter
apresentador de televisão
Principais trabalhos

Roberto Kovalick (Santana do Livramento, 24 de março de 1965) é um jornalista,repórter e apresentador de televisão brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido no Rio Grande do Sul, Kovalick é graduado em jornalismo em 1986 pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Começou como estagiário da Rádio da Universidade da UFRGS. Em seguida começou a trabalhar na Rádio Gaúcha de Porto Alegre como repórter, participando de grandes coberturas como a do motim Presídio Central de Porto Alegre em 1987. Depois transferiu-se para a RBS TV, onde atuou na reportagem por três anos. Foi capa da Revista Vitrine em 2009, revista de maior circulação na comunidade brasileira no Japão.[carece de fontes?]

Permaneceu cinco anos como repórter em Brasília (de 2000 a 2004) e dez anos na cidade do Rio de Janeiro (de 1990 a 2000). Foi também correspondente da Rede Globo nos Estados Unidos durante quatro anos, em Nova York, de 2005 a 2008. Foi o correspondente da Rede Globo na Ásia, Tóquio, produzindo matérias com suporte da equipe da IPCTV (primeira afiliada da rede no exterior).

A partir de meados de 2013 transfere-se para Londres, como correspondente da Globo.[1] Em janeiro de 2016, retornou ao Brasil como repórter especial em São Paulo. Em abril de 2017, assume como apresentador eventual do SPTV[2], e em fevereiro de 2019, torna-se apresentador eventual do Bom Dia São Paulo e do Bom Dia Brasil, na participação de São Paulo. Em 27 de abril de 2019, assume a apresentação eventual do Jornal Hoje.

Em 3 de setembro de 2019, a Rede Globo anunciou que ele assumiria a bancada do Hora Um a partir de 9 de setembro, substituindo Monalisa Perrone que deixaria a emissora e ainda, assumindo a apresentação eventual do Jornal Nacional,[3][4] onde estreou em 11 de janeiro de 2020.[5]

Referências

  1. «Roberto Kovalick se despede do Japão e parte para Londres». Consultado em 14 de outubro de 2013. Arquivado do original em 14 de outubro de 2013 
  2. TV, Notícias da (16 de março de 2017). «Contra domínio feminino, Globo lança novo apresentador em São Paulo». Notícias da TV 
  3. «Kovalick estréia no hora 1 já promovido para bancada do "Jornal Nacional"». tvefamosos.uol.com.br. Consultado em 4 de setembro de 2019 
  4. «Roberto Kovalick assumirá bancada do Hora 1». G1. Consultado em 3 de setembro de 2019 
  5. Arthur Pazin - Observatório da Televisão. «Roberto Kovalick estreia como âncora no Jornal Nacional». Consultado em 11 de janeiro de 2020