Robles Monteiro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Robles Monteiro
Nome completo Felisberto Manuel Teles Jordão Robles Monteiro
Nascimento 9 de setembro de 1888
São Vicente da Beira
Nacionalidade Português
Morte 28 de novembro de 1958 (70 anos)
Lisboa
Ocupação Encenador e ator
Cônjuge Amélia Rey Colaço

Felisberto Manuel Teles Jordão Robles Monteiro (São Vicente da Beira, 9 de Setembro de 1888 - Lisboa, 28 de Novembro de 1958) foi um encenador e ator português, marido de Amélia Rey Colaço.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho de Felisberto Coelho Falcão Telles Jordão Monteiro e Marianna Augusta Ribeiro Robles, naturais de São Vicente da Beira[1].
Estudou no Seminário da Guarda, no Colégio de São Fiel e depois, como voluntário, no Curso Superior de Letras, em Lisboa.

Actor, discípulo de Augusto Rosa, iniciou no Teatro D. Amélia a carreira que continuou no Ginásio e depois no Teatro Nacional, à frente do qual esteve durante muitos anos, como societário, juntamente com a mulher Amélia Rey Colaço[2].

Robles Monteiro casou-se com Amélia Schmidt Lafourcade Rey Colaço, em Dezembro de 1920.

Fundaram a companhia de teatro Companhia Rey Colaço-Robles Monteiro.

Referências

  1. http://dosenxidros.blogspot.pt/search/label/robles%20monteiro
  2. Revista COLÓQUIO/Letras n.º 140/141 (Abr. 1996). Oito cartas de José Régio a seu pai sobre Teatro, pág. 144.