Rodolfo Mayer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Abril de 2014). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Rodolfo Mayer
Em 1957.
Nome completo Rodolfo Jacob Mayer
Nascimento 4 de fevereiro de 1910
São Paulo, SP
Nacionalidade Brasileiro
Morte 1 de agosto de 1985 (75 anos)
Niterói, RJ
Ocupação Ator
Cônjuge Lourdes Mayer (1936-1959)

Rodolfo Jacob Mayer (São Paulo, 4 de fevereiro de 1910Niterói, 1 de agosto de 1985) foi um ator brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Estreou em 1927 fazendo radionovelas na Rádio Record e depois na Rádio Jornal do Brasil.

Trabalhou por mais de 60 anos, estreando no cinema na primeira versão da obra "A Escrava Isaura", nos anos 30 e em TV na novela "Os Quatro Filhos" de Jota Silvestre, na TV Excelsior, em 1965.

Ele foi um dos monstros sagrados do teatro brasileiro, atuando durante vinte anos no monólogo "As Mãos de Eurídice" de Pedro Bloch, com grande sucesso no Brasil e no exterior. Ele fez mais de quatro mil apresentações desse espetáculo.

Participou de mais de quatrocentas radionovelas, 110 peças de teatro, dezesseis filmes e 25 telenovelas. Foi casado com a atriz, também já falecida, Lourdes Mayer com quem teve dois filhos, Ricardo e Rodolfo.

Se aposentou após 56 anos de atividades artísticas e foi um dos fundadores da Associação dos Amigos do Teatro Municipal de Niterói - ATEM. Ele morreu em Niterói vítima de uma insuficiência respiratória.

Atuação no cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel
1929 Escrava Isaura Jovem
1931 Casa de Caboclo Zé Caboclo
O Mistério do Dominó Negro Tenente Renato
1935 Favela dos Meus Amores Roberto [1]
1937 O Samba da Vida Rodolfo
1938 Tererê Não Resolve[2] Rodolpho
Maridinho de Luxo Amigo de Marcos
1939 Está Tudo Aí
Onde Estás Felicidade? Paulo
1941 A Sedução do Garimpo Vilão espanhol
1948 Obrigado, Doutor Dr. Maregal
Inconfidência Mineira Tiradentes
1949 O Homem que Passa Mário
1955 Leonora dos Sete Mares Ricardo
Mãos Sangrentas
1964 Viagem aos Seios de Duília José Maria
1972 A Marcha Xisto Bahia
1974 O Signo de Escorpião Professor Alex - Escorpião

Atuação na televisão[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Cinemateca Brasileira Favela dos Meus Amores [em linha]
  2. «Tererê não Resolve». Cinemateca Brasileira. Consultado em 9 de março de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]