Rolf Harris

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rolf Harris
Harris em novembro de 2010
Nascimento 30 de março de 1930 (90 anos)
Bassendean, Austrália
Cônjuge Alwen Hughes (1958–)[1]
Filho(s) 1[2][3]
Alma mater Universidade da Austrália Ocidental
Ocupação
  • Músico
  • cantor
  • compositor
  • comediante
  • personalidade televisiva
  • apresentador
  • ator
  • pintor
Carreira musical
Período musical 1953–2013

Rolf Harris (Bassendean, 30 de março de 1930) é um artista australiano cuja carreira abrangeu trabalhos como músico, compositor, comediante, ator, pintor e personalidade de televisão.[4] Ele foi condenado em 2014 pelo abuso sexual de quatro meninas menores de idade, o que efetivamente encerrou sua carreira.[5]

Harris é amplamente conhecido por suas composições musicais "Tie Me Kangaroo Down, Sport" (Top 10 na Austrália, Reino Unido e Estados Unidos), "Jake the Peg" e "Two Little Boys" (que alcançou número 1 no Reino Unido). Ele costumava usar instrumentos incomuns em suas performances: ele tocava o didjeridu; é creditado com a invenção da placa de oscilação; e está associado ao stylophone.[6] Durante as décadas de 1960 e 1970, Harris tornou-se uma personalidade popular da televisão no Reino Unido, apresentando posteriormente programas como Rolf's Cartoon Club e Animal Hospital. Em 2005, ele pintou um retrato oficial da rainha Isabel II. Ele viveu em Bray, Inglaterra, por mais de seis décadas.[7]

Em julho de 2014, aos 84 anos, Harris foi condenado a cinco anos e nove meses de prisão por doze acusações de agressão sexual a quatro adolescentes do sexo feminino durante as décadas de 1970 e 1980. Ele foi libertado sob licença em 2017, após cumprir quase três anos. Após sua convicção, ele foi destituído de muitas das honras que recebeu em sua carreira, incluindo a Ordem da Austrália e a Ordem do Império Britânico.[8][9][10]

Referências

  1. Hill, Amelia (1 de janeiro de 2006). «Wizard of Oz». The Observer. Consultado em 11 de janeiro de 2020 
  2. Sweet, Corinne (7 de fevereiro de 2003). «Interview: Bindi Harris». The Guardian. Consultado em 11 de janeiro de 2020 
  3. Miranda, Charles (1 de julho de 2014). «Bindi Nicholls' disillusioned by father Rolf Harris: 'I had him on a pedestal and now I can see him as a man'». News.com.au. Consultado em 11 de janeiro de 2020 
  4. Stephenson, Alison (8 de novembro de 2012). «Rolf Harris presented with Officer of the Order of Australia medal». News.com.au. Consultado em 11 de janeiro de 2020 
  5. «Rolf Harris trial shattered image of avuncular entertainer». The Guardian. 30 de junho de 2014. Consultado em 11 de janeiro de 2020 
  6. stylophone (12 de janeiro de 2013). «Stylophone Sales Center». Stylophone.com. Consultado em 11 de janeiro de 2020 
  7. «A majestic painting». BBC News. 20 de dezembro de 2005. Consultado em 11 de janeiro de 2020 
  8. Harris stripped of honours as purge begins at news.com.au, 1 de julho de 2014.
  9. «Rolf Harris stripped of Australian honours by Governor-General». Sydney Morning Herald. 23 de fevereiro de 2015. Consultado em 11 de janeiro de 2020 
  10. «Disgraced entertainer Rolf Harris stripped of CBE». BBC. 3 de março de 2015. Consultado em 11 de janeiro de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Rolf Harris
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Rolf Harris