Ronald Sanson Stresser

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ronald Stresser
Nome completo Ronald Sanson Stresser
Nascimento 16 de abril de 1933
Curitiba / PR
Morte 7 de setembro de 2012 (79 anos)
Curitiba / PR
Nacionalidade Brasil
Ocupação jornalista e advogado

Ronald Sanson Stresser, (Curitiba, 16 de abril de 1933 - Curitiba, 7 de setembro de 2012[1]) foi um jornalista e advogado brasileiro. Destacou-se como pioneiro da televisão no estado do Paraná. Era o pai da atriz[2] Guta Stresser.

Foi o fundador a Rádio Colombo e a Rádio Ouro Verde AM[3], ambas em Curitiba e junto com seu pai, o jornalista Adherbal Stresser, fundou o jornal Diário do Paraná[1]. Foi diretor das emissoras da Rede Tupi no Paraná: TV Paraná canal 6 de Curitiba e TV Coroados canal 3 de Londrina. [4]

Como jornalista, foi diretor do jornal Diário do Paraná, fundado por seu pai, e filiado aos Diários Associados de Assis Chateubriand. [4]

Foi professor do curso de jornalismo da UFPR[4] e em 1973, com a derrocada dos Diários Associados, Ronald desligou-se definitivamente das empresas e do meio de comunicação, deixando suas finanças em ordem .[5] Foi diretor da Paraná Companhia de Seguros Germano-Brasileira, do Conglomerado Banestado, de onde após retirar-se, voltou a advogar[4], profissão para a qual se formou pela UFPR.

Aposentou-se como consultor jurídico do Tribunal de Contas do Estado do Paraná e passou a residir em sua cidade natal. Era um grande apreciador de jazz, tendo sido membro do Grupo de Jazz do Paraná.[1] Faleceu por falência múltipla de órgãos.[1]

Família[editar | editar código-fonte]

Ronald Sanson Stresser é filho do jornalista Adherbal Stresser e neto do maestro Augusto Stresser, autor da Ópera Sidéria, primeira ópera paranaense. Ronald também é pai da atriz Guta Stresser[6] e do produtor e arquiteto da informação Ronald Sanson Stresser Jr.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.