Ropálio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Medusa-da-lua (Aurelia aurita) com ropálio visível em recortes nas bordas

Ropálios são órgãos sensoriais das medusas, principalmente das classes Scyphozoa e Cubozoa.[1]

Os ropálios estão localizados em pequenas reentrâncias ao longo da margem do disco e são compostos por ocelos, estatólitos e uma grande aglomeração de terminais nervosas.[2]

Os ocelos dos cubozoários são os mais complexos dos cnidários, com uma estrutura aproximada aos olhos das lulas, polvos e vertebrados. Algumas espécies possuem diferentes tipos de olhos.[3]

Referências

  1. «Universidade Federal do Espírito Santo – Filo Cnidaria» (PDF) 
  2. «Morandini, André C.; Denise Ascher; Sergio N. Stampa e João Fernando V. Ferreira. 2005. Cubozoa e Scyphozoa (Cnidaria: Medusozoa) de águas costeiras do Brasil. Iheringia, Sér. Zool. vol.95 no.3 Porto Alegre Sept. 2005» 
  3. «A. Garm, M. O'Connor, L. Parkefelt and D.-E. Nilsson (2007). Visually guided obstacle avoidance in the box jellyfish Tripedalia cystophora and Chiropsella bronzie. Journal of Experimental Biology 210, 3616-3623 (2007). (em inglês)» 🔗 
Ícone de esboço Este artigo sobre Anatomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.