Roverandom

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2018). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Roverandom é uma pequena história escrita por John Ronald Reuel Tolkien em 1925, na qual conta as aventuras de um cãozinho chamado Rover que foi transformado em um brinquedo de porcelana por ter irritado um mago. Para voltar a ser um cão normal, Rover tem de ir até a lua e sob o mar a fim encontrar outra vez o mago, que se chama Artaxerxes. O animal é comprado por um garoto de nome Dois, que o perde. Começa a aventura e Rover começa a se chamar de Roverandom e segue em busca do mago, para que seja transformado novamente em um cão de verdade e possa voltar para seu dono, Dois.

O autor escreveu Roverandom para seu filho Michael Tolkien, para diverti-lo após a perda de seu brinquedo favorito - um cão.

Roverandom - a aventura de um cão, foi enviado para publicação em 1936, mas não foi publicado senão sessenta e dois anos depois, em 1998.

Veja também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a obra de J. R. R. Tolkien é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.