Royston Drenthe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Royston Drenthe
Royston Drenthe
Informações pessoais
Nome completo Royston Ricky Drenthe
Data de nasc. 8 de abril de 1987 (30 anos)
Local de nasc. Roterdã,  Países Baixos
Altura 1,67 m[1]
Canhoto
Apelido RRD
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Número 11
Posição Meio-Campista
Clubes de juventude
19922000
20002003
20032005
Países Baixos Neptunus
Países Baixos Feyenoord
Países Baixos Excelsior
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
20052007
20072012
20102011
20112012
2013
20132015
20142015
2015
20152016
Total
Países Baixos Feyenoord
Espanha Real Madrid
Espanha Hércules (emp.)
Inglaterra Everton (emp.)
Rússia Alania Vladikavkaz
Inglaterra Reading
Inglaterra Sheffield Wednesday (emp.)
Turquia Kayseri Erciyesspor
=Emirados Árabes Unidos Baniyas
0037 0000(0)
0065 0000(4)
0019 0000(4)
0027 0000(4)
0006 0000(3)
0024 0000(2)
0015 0000(1)
0011 0000(3)
0018 0000(0)
00186 0000(18)
Seleção nacional3
20062007
2008
2010
Países Baixos Países Baixos Sub-21
Países Baixos Países Baixos B
Países Baixos Países Baixos
0017 0000(4)
00011 0000(3)
00018 0000(0)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 1 de Julho de 2015.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 17 de Novembro de 2011.

Royston Ricky Drenthe (Roterdã, 8 de abril de 1987) é um ex-futebolista holandês que atuava como lateral-esquerdo e meia.

Descendente de familiares vindos do Suriname, Drenthe possui a estatura de 1,68 m, é virtuoso no quesito da versatilidade e da potencia de remate, já que pode jogar lateral, meia, ponta ou até improvisado como atacante (pelo lado esquerdo). Um fato curioso é que Drenthe também é rapper nas horas vagas. Tem registrada uma música com Ryan Babel, também holandês que atua pelo Hoffenheim.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Feyenoord[editar | editar código-fonte]

Começou sua carreira no Feyenoord, onde jogou 29 partidas em sua única temporada no clube, 2006-07. Mas de fato despertou o interesse dos grandes clubes europeus após o excelente desempenho na Eurocopa Sub-21 de 2007, principalmente o Real Madrid.

Real Madrid[editar | editar código-fonte]

Em agosto de 2007, após muitas especulações, Drenthe foi finalmente contratado pelo Real Madrid, que pagou 14 milhões de euros ao Feyenoord pelo jogador. Foi apresentado no dia 13 de agosto, junto ao seu compatriota Wesley Sneijder, que também estava chegando ao clube. No Real, entretanto, teve suas chances reduzidas devido a uma grande concorrência no seu setor do campo.

Em 31 de agosto de 2010, foi anunciado o seu empréstimo (futebol) de uma temporada ao Hércules, clube recém-promovido à La Liga.

Carreira Pós Real[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2013 assinou pelo Reading, da Football League Championship. Mudou o clube, mas não o destino. Agora, com 27 anos, o jogador holandês acaba de ser dispensado e está novamente sem clube.[3]

Seleção nacional[editar | editar código-fonte]

Depois de sua primeira temporada no Feyenoord, Drenthe foi convocado para o Sub-21 da Seleção Holandesa que disputaria a Eurocopa Sub-21 de 2007, realizado em território holandês. Ele foi o principal jogador na campanha do segundo título consecutivo da Oranje no torneio, sendo escolhido pela UEFA como o melhor jogador da competição. Em 2008, defendeu seu país nos Jogos Olímpicos de Pequim, onde a Holanda terminou eliminada nas quartas-de-final pela Argentina.[4]

Em 14 de novembro de 2010, Drenthe foi convocado pelo treinador Bert van Marwijk para fazer sua estreia pela seleção principal. Três dias depois, ele fez sua estreia num amistoso contra a Turquia. Drenthe entrou no segundo tempo da partida e os holandeses venceram por 1-0.

Referências

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Royston Drenthe

Ligações externas[editar | editar código-fonte]