Russell Doolittle

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Russell Doolittle
Nascimento 10 de janeiro de 1931 (88 anos)
New Haven
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade Harvard, Universidade Wesleyan
Ocupação biólogo, bioquímico, professor universitário
Prêmios Bolsa Guggenheim, Prêmio John J. Carty, Prêmio Paul Ehrlich e Ludwig Darmstaedter, Membro da Academia Americana de Artes e Ciências
Empregador Universidade da Califórnia em San Diego

Russell F. Doolittle (New Haven, 10 de janeiro de 1931)[1] é um bioquímico estadunidense.

Doolittle estudou biologia na Universidade Wesleyan, onde obteve um bacharelado em 1952, obtendo um mestrado em 1957 em pedagogia no Trinity College (Connecticut), e um doutorado em bioquímica em 1962 na Universidade Harvard (enquanto era instrutor de biologia no Amherst College). A partir de 1964 trabalhou na Universidade da Califórnia em San Diego, inicialmente como pesquisador, a partir de 1969 como professor assistente e a partir de 1972 como professor de bioquímica.

É membro da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos (1984), da Academia de Artes e Ciências dos Estados Unidos (1985) e da American Philosophical Society (1992).[2] recebeu em 1989 o Prêmio Paul Ehrlich e Ludwig Darmstaedter, em 2006 o Prêmio John J. Carty.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Of Urfs and Orfs: A Primer on how to Analyze Derived Amino Acid, University Science Books, Dezembro de 1986
  • com John N. Abelson, Melvin I. Simon, Computer Methods for Macromolecular Sequence Analysis (Methods in Enzymology), Academic Press, 1996
  • com John N. Abelson, Melvin I. Simon Molecular Evolution: Computer Analysis of Protein and Nucleic Acid Sequences (Methods in Enzymology), Academic Press, 1990
  • Editor com Michael W. Mosesson, Molecular biology of fibrinogen and fibrin, Annals of the New York Academy of Sciences, 1983

Referências

  1. American Men and Women of Science, Thomson Gale 2004
  2. «Member History: Russell F. Doolittle» (em alemão). American Philosophical Society. Consultado em 24 de janeiro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Peter Klaus Vogt
Prêmio Paul Ehrlich e Ludwig Darmstaedter
1989
com Stuart Aaronson e Thomas Graf
Sucedido por
Robert John Collier e Alwin Max Pappenheimer