Ryan Benoit

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ryan Benoit
Informações
Nascimento 25 de agosto de 1989 (30 anos)
Estados Unidos San Diego, California
Nacionalidade norte-americano
Outros nomes Baby Face
Altura 1,65 m
Peso 57 kg
Divisão Peso-mosca
Peso-galo
Envergadura 173 cm[1]
Luta por Estados Unidos Dallas, Texas
Equipe Janjira Muay Thai
Período em
atividade
2009-presente
Cartel nas artes marciais mistas
Total 14
Vitórias 9
Por nocaute 7
Por finalização 1
Por decisão 1
Derrotas 5
Por finalização 2
Por decisão 3
Ligações externas
Página oficial:
Cartel no MMA pelo Sherdog

Ryan Michale Benoit[2] (San Diego, 25 de agosto de 1989) é um lutador de artes marciais mistas (MMA) dos Estados Unidos, que compete como peso-mosca no Ultimate Fighting Championship (UFC).

Carreira no MMA[editar | editar código-fonte]

Início de carreira[editar | editar código-fonte]

Benoit começou a treinar em 2007 e fez sua estréia profissional no MMA em maio de 2009.[3] Ele lutou extensivamente em várias organizações dos Estados Unidos e uma vez no Canadá, no MFC. Acumulou um cartel de 7-2, antes de ingressar no Ultimate Fighting Championship.

Ultimate Fighting Championship[editar | editar código-fonte]

Benoit fez sua estreia na promoção contra o também estreante Josh Sampo, em 30 de novembro de 2013, no The Ultimate Fighter 18 Finale. Ele perdeu a luta de virada, sendo finalizado com um mata-leão no final do segundo round.[4] Apesar da derrota, foi concedido a Benoit (e ao seu adversário) o bônus de Luta da Noite do evento.[5]

Benoit enfrentaria Ray Borg, em 28 de junho de 2014, no UFC Fight Night: Swanson vs. Stephens.[6] Entretanto, devido a uma lesão, Benoit foi substituído pelo novato na organização, Shane Howell.[7]

Benoit enfrentou Sergio Pettis, em 14 de março de 2015, no UFC 185.[8] Depois de um primeiro round em que Pettis teve vantagem, no segundo round Benoit levou Pettis à knockdown com um gancho de esquerda e o nocauteou com uma enxurrada de golpes no ground and pound.[9] Benoit recebeu críticas de fãs por chutar Pettis depois que o árbitro separou os dois lutadores. Benoit, imediatamente, pediu desculpas por seu comportamento, alegando que ele tinha deixado suas emoções tomarem conta de si. Dana White declarou, mais tarde, na conferência de imprensa pós-luta do UFC 185, que o UFC não faria nenhuma ação disciplinar em direção a Benoit, devido ao seu arrependimento imediato a respeito do incidente.[10]

Benoit enfrentou Ben Nguyen, em 15 de novembro de 2015, no UFC 193.[11] Ele perdeu a luta por finalização no primeiro round.

Benoit enfrentou Fredy Serrano, em 30 de julho de 2016, no UFC 201.[12] Ele ganhou a luta por decisão dividida.[13]

Benoit enfrentou Brandon Moreno, em 3 de dezembro de 2016, no The Ultimate Fighter 24 Finale.[14] Ele perdeu a luta por decisão dividida.[15]

Campeonatos e realizações[editar | editar código-fonte]

Cartel no MMA[editar | editar código-fonte]

Res. Cartel Oponente Método Evento Data Round Tempo Local Notas
Vitória 10-5 Austrália Ashkan Mokhtarian Nocaute (chute na cabeça) UFC Fight Night: Werdum vs. Tybura 19/11/2017 3 2:38 Austrália Sydney
Derrota 9-5 México Brandon Moreno Decisão (dividida) The Ultimate Fighter: Tournament of Champions Finale 03/12/2016 3 5:00 Estados Unidos Las Vegas, Nevada
Vitória 9-4 Colômbia Fredy Serrano Decisão (dividida) UFC 201: Lawler vs. Woodley 30/07/2016 3 5:00 Estados Unidos Atlanta, Georgia
Derrota 8-4 Estados Unidos Ben Nguyen Finalização (mata leão) UFC 193: Rousey vs. Holm 15/11/2015 1 2:35 Austrália Melbourne
Vitória 8-3 Estados Unidos Sergio Pettis Nocaute Técnico (socos) UFC 185: Pettis vs. dos Anjos 14/03/2015 2 1:34 Estados Unidos Dallas, Texas
Derrota 7-3 Estados Unidos Josh Sampo Finalização (mata leão) The Ultimate Fighter: Team Rousey vs. Team Tate Finale 30/11/2013 2 4:31 Estados Unidos Las Vegas, Nevada Estreia no peso-mosca; Sampo não bateu o peso (127.5 lbs); Luta da Noite.
Vitória 7-2 Estados Unidos Cody Fuller Nocaute Técnico (socos) Legacy FC 24 11/10/2013 1 4:53 Estados Unidos Dallas, Texas Peso Casado (130 lbs).
Derrota 6-2 Estados Unidos Anthony Birchak Decisão (unânime) MFC 37 10/05/2013 3 5:00 Canadá Edmonton, Alberta
Vitória 6-1 Estados Unidos Joseph Sandoval Nocaute Técnico (socos) Legacy FC 16 14/12/2012 1 1:02 Estados Unidos Dallas, Texas
Vitória 5-1 Estados Unidos Randy Villarreal Nocaute Técnico (socos) Legacy FC 13 16/08/2012 1 1:35 Estados Unidos Dallas, Texas
Vitória 4-1 Estados Unidos Cody Williams Finalização (mata leão) Legacy FC 11 11/05/2012 2 2:52 Estados Unidos Houston, Texas
Vitória 3-1 Estados Unidos Matt Espinoza Nocaute Técnico (socos) Shark Fights 14: Horwich vs. Villefort 11/03/2011 2 2:14 Estados Unidos Lubbock, Texas
Derrota 2-1 Estados Unidos Tim Snyder Decisão (majoritária) SWC 11 - Fury 19/06/2010 3 5:00 Estados Unidos Frisco, Texas
Vitória 2-0 Estados Unidos Davis Sylvester Nocaute Técnico (socos) KOK 7 - Judgement Day 29/08/2009 2 2:41 Estados Unidos Austin, Texas
Vitória 1-0 Estados Unidos LeJerrian Lindley Nocaute Técnico (socos) Xtreme Knockout 4 09/05/2009 1 2:09 Estados Unidos Arlington, Texas

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia tem o portal:

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «Fight Card - UFC 185 Pettis vs. dos Anjos». UFC.com. Consultado em 8 de março de 2015 
  2. «State Of Nevada» (PDF). Boxing.nv.gov. Consultado em 1 de agosto de 2016 
  3. «Ryan Benoit - Official UFC® Fighter Profile». Ufc.com. Consultado em 1 de agosto de 2016 
  4. Ben Fowlkes (30 de novembro de 2013). «TUF 18 Finale results: Joshua Sampo taps out fellow newcomer Ryan Benoit». MMAjunkie.com. Consultado em 19 de setembro de 2014 
  5. Staff (1 de dezembro de 2013). «TUF 18 Finale fighter bonuses: Ryan Benoit scores $100,000 in odd twist on fight of the night». MMAweekly.com. Consultado em 19 de setembro de 2014 
  6. Staff (6 de junho de 2014). «Ryan Benoit vs. Ray Borg added to UFC Fight Night 44 in San Antonio». mmajunkie.com. Consultado em 8 de março de 2015 
  7. John Morgan (18 de junho de 2014). «Ryan Benoit out at UFC Fight Night 44, Ray Borg now meets Shane Howell». mmajunkie.com. Consultado em 8 de março de 2015 
  8. C.J. Tuttle (8 de janeiro de 2015). «Sergio Pettis returns to flyweight, faces Ryan Benoit at UFC 185 in Dallas». sherdog.com. Consultado em 13 de janeiro de 2015 
  9. Tim Burke (14 de março de 2015). «UFC 185 prelims results: Benoit upsets Pettis». bloodyelbow.com. Consultado em 14 de março de 2015 
  10. Steven Marrocco and John Morgan (15 de março de 2015). «Despite late kick to Sergio Pettis' pants, Dana White all good with Ryan Benoit». mmajunkie.com. Consultado em 16 de março de 2015 
  11. Staff (3 de setembro de 2015). «UFC 193 adds Ryan Benoit vs. Ben Nguyen». mmajunkie.com. Consultado em 3 de setembro de 2015 
  12. Rob Tatum (21 de julho de 2015). «Ray Borg Injured, Fredy Serrano Now Meets Ryan Benoit at UFC 201». combatpress.com. Consultado em 21 de julho de 2016 
  13. Steven Marrocco (24 de maio de 2015). «UFC 201 results: Ryan Benoit takes split call from unorthodox Fredy Serrano». mmajunkie.com. Consultado em 24 de maio de 2016 
  14. Danny Segura (26 de outubro de 2016). «Brandon Moreno vs. Ryan Benoit added to TUF 24 Finale in December». mmafighting.com. Consultado em 26 de outubro de 2016 
  15. Ben Fowlkes (3 de dezembro de 2016). «TUF 24 Finale results: Brandon Moreno survives knockdown, takes split call from Ryan Benoit». mmajunkie.com. Consultado em 3 de dezembro de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]