Davi de Menévia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de São David)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: São Davi e São David redireciona para este artigo. Para o rei escocês que canonizado como "São David", veja David I da Escócia.
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Davi de Menévia
Davi, padroeiro do País de Gales, representado num vitral do Jesus College Chapel, Oxford.
Nascimento aproximadamente no ano 500 em Gales
Morte 1 de março de 589 em Pembrokeshire, País de Gales
Veneração por Igreja Anglicana e Igreja Católica
Canonização 1123, Roma, Itália por Papa Calixto II
Principal templo Catedral de São David, Pembrokeshire, País de Gales
Festa litúrgica 1 de março
Padroeiro dos pombos e do País de Gales
Gloriole.svg Portal dos Santos
Bandeira de São Davi

Davi (português brasileiro) ou David (português europeu); 500-589; em galês: Dewi Sant) é um santo cristão, padroeiro do País de Gales, festejado em 1 de março. Também é conhecido como Davi, o Bretão.

Vida e ações de santidade[editar | editar código-fonte]

Nasceu em 500 na cidade de Menévia (atual Saint David), País de Gales. Da casa real, era filho do Rei Santo de Gales do Sul e neto de Ceredig, príncipe de Cardigan.

Sob a direção de São Paulino, estudou e recebeu a instrução cristã inicial. Teve influência de diversos monásticos da época e tornou-se bastante rígido em relação à doutrina cristã. Fundou 12 monastérios em Croyland e Pembrokeshire. Esses monastérios tinham regras muito duras, baseadas nos monges egípcios, incorruptíveis e inflexíveis.

Deu notável contribuição ao Sínodo de Brevi, em Cardiganshire, e, por honra, foi escolhido primaz da Igreja de Cambrian. Em seguida indicado Arcebispo de Caerleon, às margens do rio Usk. Diz a tradição que ao ser consagrado Arcebispo uma pomba desceu em seus ombros para mostrar que ele tinha a bênção do Espírito Santo.

Após alguns anos, foi para Jerusalém, a fim de converter pagãos e não- cristãos. Converteu vários pagãos e anti cristãos. Quando o povo não o escutava, ele simplesmente, com orações, curava os doentes e levantava os paralíticos, assim como Jesus fazia. Com esta ação atraiu centenas de fiéis. Daí vem a sua essência divina e que rendeu- lhe a honra de ser incluído no livro dos santos.

Faleceu de causas naturais em 589 em Pembrokeshire, País de Gales. Canonizado pelo Papa Calixto II em 1123, na pintura litúrgica, especialmente na iconografia, é representado pregando sobre um monte com uma pomba nos ombros, rememorando sua vida gloriosa.

Ícone de esboço Este artigo sobre cristianismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Davi de Menévia