São Jerónimo e Maria Madalena (Bernini)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
São Jerónimo e Maria Madalena
Saints Jerome and Mary Magdalen (Bernini).jpg
Autor Gian Lorenzo Bernini
Data 1661–63
Género Escultura
Técnica Mármore
Localização Catedral de Siena, Siena

São Jerónimo e Maria Madalena são duas esculturas de mármore produzidas pelo artista italiano Gian Lorenzo Bernini entre 1661 e 1663, sob encomenda do Papa Alexandre VII. As estátuas fazem parte da Capela Chigi (projetada por Bernini), na Catedral de Siena, onde estão em exibição até hoje. Lá estão também obras de outros artistas da oficina de Bernini, como uma escultura de Santa Catarina de Siena, de Ercole Ferrata, e outra de São Bernardo de Siena, de Antonio Raggi.[1][2]

Bernini começou a trabalhar nas obras em 1661, em Roma, concluindo-as em 1663 com a entrega das estátuas em Siena. Recebeu 2 185 escudos romanos pelo seu trabalho, embora provavelmente tenha recebido ajuda considerável na produção das esculturas.[2]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre a Capela Chigi

Referências

  1. Baldinucci, Filippo (1682). Vita del cavaliere Gio: Lorenzo Bernini. [S.l.: s.n.] 
  2. a b Wittkower, Rudolf (1997). Bernini, the Sculptor of the Roman Baroque 4 ed. [S.l.: s.n.] 


Ícone de esboço Este artigo sobre escultura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.