Sérgio Abreu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para luthier brasileiro, veja Sérgio Abreu (luthier).
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde junho de 2010). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Sérgio Abreu
Abreu em 2011.
Nome completo Sérgio Luis Coutinho Abreu
Nascimento 16 de outubro de 1975 (43 anos)
Rio de Janeiro, RJ
Nacionalidade brasileiro
português[1]
Ocupação Ator
Atividade 1996–presente
IMDb: (inglês)

Sérgio Luis Coutinho Abreu (Rio de Janeiro, 16 de outubro de 1975) é um ator brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido no Rio de Janeiro, participou de pequenas peças de teatro quando pequeno. Foi modelo durante o período anterior ao seu trabalho na televisão. É formado em Direito pela PUC-RJ. Sérgio também tem nacionalidade portuguesa, adquirida graças a um avô materno português, nascido em Marco de Canaveses.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Seu primeiro papel foi em 1996, como Rubinho em O Campeão. Logo interpretou Guilherme em 1998 na novela Brida, na extinta Rede Manchete. Também apresentou o programa Tour TNT (canal TNT). Retornou em 2001 na televisão,no seriado teen Malhação. Ele deu vida a Beto, que era dono do point da escola, e junto com Solene (Renata Dominguez), tratou de temas complexos, sendo o principal a azoospermia. Foi um dos primeiros atores a formar um casal homossexual na novela brasileira Paraíso Tropical, ao lado de Carlos Casagrande, seu companheiro na novela. Foi um dos poucos atores a trabalhar nas cinco principais emissoras de teledramaturgia do país, uma delas, a já extinta Rede Manchete. Por isso é considerado um ator experiente. Em 2008, o ator, a convite de Iris Abravanel, foi chamado para fazer a novela Revelação, e veio seu primeiro protagonista na TV, com seu personagem Lucas Nogueira.

No cinema, participou de dois filmes: Vinte e Cinco,de Maria Ribeiro e Zuzu Angel, de Sérgio Rezende. Em 2009 o ator continuou a ser contratado do SBT e participou da novela Vende-se um Véu de Noiva. Em 2010, assinou com a Rede Record para participar do reality show A Fazenda 3. Mesmo tendo ido a cinco roças, o ator retornou de todas e chegou à final do programa ao lado de Daniel Bueno e Lisi Benitez. Porém acabou a competição em segundo lugar, com uma diferença de apenas 4% dos votos em relação ao vencedor Daniel Bueno. Ganhou um KIA Sorrento como prêmio por sua colocação.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem Nota
1996 O Campeão Rubinho
1998 Brida Guilherme
2001–03 Malhação Alberto Bandini (Beto) Temporadas 810
2005 Prova de Amor Murilo Vilaça
2007 Paraíso Tropical Tiago Batista
2008 Revelação Lucas Nogueira
2009 Vende-se um Véu de Noiva Leonardo Carvalho
2010 A Fazenda Participante Temporada 3
2013 Pecado Mortal Enfermeiro Episódios: "26–27 de setembro"
2014 Milagres de Jesus Jaime Episódio: "Milagres à Beira do Mar"
2014 Conselho Tutelar Ronaldo Episódio: "1 de dezembro"
2018 Jesus Rafael Episódios: "26 de dezembro–21 de janeiro"

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem Notas
2002 Vinte e Cinco Rafa Curta-metragem
2006 Zuzu Angel Repórter
2009 Até Mais Tarde Ipanema Branco

Referências

  1. a b cmjornal.pt (6 de fevereiro de 2018). «Sérgio Abreu: "Tenho nacionalidade portuguesa, porque o meu avô era português"». Consultado em 13 de janeiro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.