Sérgio Henrique Ferreira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sérgio H. Ferreira
Sérgio Ferreira em 1995.
Nascimento Sérgio Henrique Ferreira
4 de outubro de 1934
Franca, São Paulo
Morte 17 de julho de 2016 (81 anos)
Ribeirão Preto, São Paulo
Ocupação Médico , professor e cientista
Prêmios relevantes Prêmio Príncipe Mahidol (2008)

Sérgio Henrique Ferreira (Franca, 4 de outubro de 1934 - Ribeirão Preto, 17 de julho de 2016) foi um médico e farmacologista brasileiro,[1] notável pela sua descoberta o fator de potenciação da bradicinina, um peptídeo extraído do veneno da Bothrops jararaca (Jararaca-da-mata),[2] o que possibilitou o desenvolvimento do captopril, um medicamento usado no tratamento da hipertensão arterial.[3]

Foi eleito membro da Academia Brasileira de Ciências em 29 de março de 1984. Foi presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) no período de 1997 a 1999, tendo recebido da entidade o título de seu presidente de honra.[3]

Morreu em 17 de julho de 2016, aos 81 anos, de insuficiência respiratória.[4][5]

Referências

  1. Por Redação Universidade. «Morre o Professor Emérito Sérgio Henrique Ferreira». Jornal USP. Consultado em 19 de julho de 2016 
  2. Enrique Ravina (2011). The Evolution of Drug Discovery: From Traditional Medicines to Modern Drugs (em inglês). [S.l.]: John Wiley & Sons. p. 408. 504 páginas. ISBN 3527326693 
  3. a b «Morre o farmacologista Sérgio Henrique Ferreira». Agência FAPESP. 19 de julho de 2016. Consultado em 28 de março de 2017 
  4. Maurício Tuffani (18 de julho de 2016). «Mortes: Premiado cientista descobridor de remédios». Folha de S. Paulo. Consultado em 20 de julho de 2016 
  5. «Morre cientista Sergio Henrique Ferreira, aos 81 anos». Estadão. 19 de julho de 2016. Consultado em 20 de julho de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.