Império da Zona Norte

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de SBCC Império da Zona Norte)
Ir para: navegação, pesquisa
Império da Zona Norte
Fundação 20 de março de 1975 (42 anos)[1]
Escola-madrinha Imperadores do Samba[2]
Cores

Amarelo

Branco

Prata

[3]

Símbolo Dois leões alados coroados[3]
Bairro Navegantes[4]
Presidente João Carlos da Silva Martins[5]
Presidente de honra Jacques Machado[6]
Carnavalesco Jeferson Lima[5]
Intérprete oficial Everton Rataiscki[5]
Diretor de carnaval Julião[4]
Diretor de bateria Mestre Chiquinho[5]
Mestre-sala e porta-bandeira Caio e Ana Marilda[5]
Desfile de 2017
Enredo Império em Procissão.

Império da Zona Norte é uma escola de samba do carnaval de Porto Alegre.[7] Sua sede está localizada no bairro Navegantes na zona norte da capital do Rio Grande do Sul.

História[editar | editar código-fonte]

A Império da Zona Norte foi fundada em 20 de março de 1975. Seus fundadores foram: Pedro Guilherme Lopes, Waldir Alves, Oscar Alves, Heitor Lopes, Carlos Alberto, Gildo Lopes e Ana Regina Lopes. Inicialmente localizada no bairro Sarandi, a escola acabou se mudando para outro bairro na zona norte, o Navegantes, onde tem sua quadra na Avenida Sertório.[8]

Após vencer o carnaval de 1982, a escola acabou passando por maus momentos no final da década de 1990. Após conseguir se restabelecer e subir para o grupo especial novamente, em 2005, sob o comando de Antônio Ademir Moraes (o Urso), o Império foi vice-campeã em 2006 e 2007. A Império da Zona Norte conquistou o primeiro lugar do carnaval de Porto Alegre em 2008.[9]

Personagens da escola[editar | editar código-fonte]

  • Antônio Ademir de Moraes (Urso): Presidente que trouxe a escola de volta ao grupo-especial e reestruturou o patrimônio da entidade.[10]
  • Jacques Machado (Jacão): Presidente de honra da escola.
  • Waldir Alves (fundador)[10]
  • Pedro Guilherme Lopes (fundador)[10]
  • Oscar Alves (fundador)[10]
  • Heitor Lopes (fundador)[10]
  • Carlos Alberto (fundador)[10]
  • Gilberto Lopes (fundador)[10]
  • Ana Regina Lopes (fundadora)[10]

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Antônio Ademir de Moraes, o Urso ? - abril de 2016 [11]
Marquinhos Moraes abril de 2016 - atualidade [12]

Presidentes de honra[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Jacques Machado - ? [13]

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2015 Elbdes Rodrigues (Turco) Mestre Chiquinho [3]
2016

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014
2015 Caio e Ana Marilda [3]

Corte de bateria[editar | editar código-fonte]

Ano Rainha Madrinha Ref.
2014 Schanna Juliana Oliveira
2015

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Império da Zona Norte
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Intérprete Ref.
1976 Campeã II Exaltação à Zumbi dos Palmares. [10]
1977 Rainha Ginga e Rei Congo, nas Congadas do Brasil. [10]
1978
1979 I Homenagem a Vicente Rao Valdir Alves
1980 O pensamento. Valdir Alves [10]
1981 Pra não dizer que não falei de flores. Valdir Alves
1982 Campeã I Contatos imediatos do Terceiro Grau. Valdir Alves [10][14]
1983 I Festa da Uva. Valdir Alves [10][15]
1984 5ºlugar I Infinitas sobras do arco-íris. Valdir Alves [10][16]
1985 7ºlugar I Salve, salve Jorge Maravilha. Valdir Alves [10]
1986 Campeã II Maravilhoso Reino do Zodíaco. Carlos Medina [17]
1987 4ºlugar I Mistério do universo na máquina do tempo. Paulo da Silva Dias (Jajá) [10][18]
1988 4ºlugar I Carlos Nobre, um nome, uma figura, uma grande gargalhada. Cláudio Barulho e Meneca [10][19]
1989 6ºlugar I Exaltação à mulata brasileira em festa na ilha da fantasia. Chulepe [10][20]
1990 4ºlugar 1A Plumas e chibatas, louvada seja a arte popular. Guaraci Feijó [7][10]
1991 7ºlugar 1A Através dos tempos, na era da mutação. Pedro Salles [7][10]
1992 4ºlugar 1A Viagem a Ofir, maravilhoso mundo verde. Adoniram Ferreira [7][10]
1993 4ºlugar 1A Império numa grande festa cósmica. Alvino Machado Porto Alex [7][10][21]
1994 9ºlugar 1A Brasil. Império da miscigenação. Erson Paulo “Paulinho” Dodo [7][10]
1995 Campeã 1B Mandela, da África brasileira à ópera da conquista. Walter Luiz Carvalho [7][10]
1996 7ºlugar Especial Pelos corredores do palácio. (As façanhas amorosas de um grande conquistador.) Erson Paulo “Paulinho” Chico Santos [7][10][22]
1997 8ºlugar Intermediário-A Viagem em busca das belezas e riquezas deste país. Eugênio Alencar Chico Santos [7][10][23]
1998 3ºlugar Intermediário-A Através dos tempos passei, hoje sou rei e o espetáculo continua. Marlene Costa Sandrinho Gessé [7][10][24]
1999 3ºlugar Intermediário-A Os baluartes da esperança. Alvino Machado Chico Santos [7][10][25]
2000 6ºlugar Intermediário-A Das telas de Debret, o amanhecer de uma nação. Paulo Fernando Freitas Paulão da Tinga [26][10][27]
2001 7ºlugar Intermediário-A Império anuncia a era de Aquárius. [10][28]
2002 Vice-campeã Intermediário-B Um sonho entre o Porto e o mar. [10][29]
2003 Vice-campeã Intermediário-B Caá-y! Da erva nativa à festa nacional. Chico Santos [10][30][31]
2004 Campeã B No espelho do universo, reflete a luz de uma nova era. Gugu Lacerda Sandrinho Gessé [10][32][33][34]
2005 Campeã A Da Baronesa ao Trensurb, o Império faz uma viagem através da ferrovia. Kaubi Tavares [10][35][36]
2006 Vice-campeã Especial A Trajetória de Um Líder que a Zona Norte Consagrou, Jacão é Povo Sempre Edson Santos (Dico) Kaubi Tavares [10][37][38]
2007 Vice-campeã Especial De Shangrilá a Xangrilá... O Império faz uma fantástica viagem para o paraíso oriental e do sonho descobre a verdadeira Xangrilá. Silvio Oliveira e Dico Kaubi Tavares [10][39][40]
2008 Campeã Especial Da África à Zona Norte, sim senhor. Esta é a história do samba! Sílvio Oliveira e Dico Sandro Ferraz [9][10][41]
2009 Vice-campeã Especial Até Caminha já sabia...Mandou, chegou! Correios: eficiência e credibilidade. Luiz Fernando Reis, Gugu Lacerda, Estevão Rodrigues e Sérgio Ávila Sandro Ferraz [42]
2010 6º lugar Especial É o amor... meu coração Imperiano pulsa de emoção. Fábio Castilhos, Sérgio Ávila e Dico Sandro Ferraz [1][13][43]
2011 Vice-campeã Especial Portugal - Terra Mãe Gentil deste gigante chamado Brasil. Sérgio Ávila e Dico Sandro Ferraz [44][45][46][47]
2012 3º lugar Especial O Império contra-ataca Renato Lage Sandro Ferraz [48][49][50]
2013 4º lugar Especial Um país, um povo, um clube, dois homens e muitos sonhos: Fernando Carvalho e Vitório Píffero Fabio Ferreira Sandro Ferraz [51]
2014 9º lugar Especial Tibiquary. Teu povo te fez Taquari. Chico Passos Alexandre Belo [11][52][53][54][55]
2015 5º lugar Especial Do Coração da África Negra a Luz Dourada que Anuncia Novos Tempos. Nigéria, O Gigante Africano Vem Para a Festa Chico Espuma Everton Rataiscki e Wantuir [56][3]
2016 5º lugar Especial Sua Hora Vai Chegar: Melhor é Morrer de Sambar! Comissão de Carnaval Everton Rataiscki [4][57]
2017 3º lugar Série Ouro Império em Procissão Jeferson Lima Everton Rataiscki [5][58]
2018 Série Ouro Império em Devoção Exalta São João Sérgio Ávila Lú Astral [59]

Títulos[editar | editar código-fonte]

  • Campeã do Grupo Especial: 1982,[1] 2008[60]
  • Campeã do Grupo-A: 1995 (1B),[1] 2005[1]
  • Campeã do Grupo-B: 2004[1]
  • Campeã do Grupo-II: 1976[1]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Estandarte de Ouro
  • 2010: Passista masculino.[61]
  • 2011: Fantasia, comissão-de-frente, ala de passo marcado e 2ª porta-estandarte.[62]
  • 2012: Alegorias e 1ª porta-estandarte.[63]
  • 2013: Bateria, alegorias e ala de baianas.[64]
  • 2014: Bateria e comissão de frente.[65]
  • 2016: Fantasia e ala de baianas.[66]

Referências

  1. a b c d e f g «Império vai mostrar o amor pulsando a emoção». Prefeitura de Porto Alegre. 5 de fevereiro de 2010. Consultado em 5 de fevereiro de 2010 
  2. «Império da Zona Norte». Correio do Povo. 25 de fevereiro de 2006. Consultado em 27 de março de 2012 
  3. a b c d e Renato Dornelles (22 de janeiro de 2015). «Império mira na África». Porto Alegre: Grupo RBS. Diário Gaúcho (em Língua portuguesa). 15 (4597). 8 páginas. Consultado em 22 de janeiro de 2015 
  4. a b c «Império da Zona Norte mostrará como os povos percebem a morte». Porto Alegre: Grupo RBS. Diário Gaúcho (em Língua portuguesa). 16 (4911). 4 páginas. 26 de janeiro de 2016. Consultado em 26 de janeiro de 2016 
  5. a b c d e f «Encarte - Carnaval 2017». Porto Alegre: Grupo RBS. Diário Gaúcho (em Língua portuguesa). 17 (5247): 2 e 3. 24 de março de 2017 
  6. «Patrono da escola Império da Zona Norte morre aos 73 anos no RS». G1 RS. 3 de junho de 2016. Consultado em 26 de junho de 2016 
  7. a b c d e f g h i j k Maia, Sandra (2000). Escolas de Samba e Tribos do Carnaval de Porto Alegre (PDF). Porto Alegre: Prefeitura Municipal de Porto Alegre/SMC. p. 155. Consultado em 22 de setembro de 2008 
  8. «Império da Zona Norte». ClicRBS. Consultado em 22 de Setembro de 2008 
  9. a b «Império da Zona Norte vence o Carnaval de Porto Alegre». Zero Hora. 5 de fevereiro de 2008. Consultado em 14 de março de 2010 
  10. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab ac ad ae af ag ah ai aj ak «Império da Zona Norte». Portal Brasil Carnaval. Consultado em 29 de abril de 2013. Cópia arquivada em 3 de março de 2009 
  11. a b «Taquari, a Império aposta em ti». Porto Alegre. Diário Gaúcho. 14 (4306). 12 páginas. 14 de fevereiro de 2014. Consultado em 14 de fevereiro de 2014 
  12. Novidades no 2º posto de Império da Zona Norte
  13. a b «Escolas do Grupo Especial 2010». ClicRBS. Consultado em 10 de outubro de 2009 
  14. «Puxadores de Samba - Vozes que Marcaram Época». Camarote Cultural. Consultado em 23 de janeiro de 2016 
  15. «LP 1983». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  16. «LP 1984». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  17. «Morre o sambista Carlos Medina». Correio do Povo. Consultado em 7 de Dezembro de 2016 
  18. «LP 1987». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  19. «LP 1988». Porto na Folia. Consultado em 10 de dezembro de 2016 
  20. «LP 1989». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  21. «LP 1993». Porto na Folia. Consultado em 10 de dezembro de 2016 
  22. «Sandro Ferraz: "Desfilar só pra aparecer não vale a pena!"». Setor1 rs. 8 de junho de 2016. Consultado em 11 de dezembro de 2016 
  23. «CD 1997». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  24. «Carnaval 98». PMPA. Consultado em 3 de dezembro de 2016 
  25. «CD 1999». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  26. «Carnaval 2000 - Império da Zona Norte». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 3 de abril de 2011. Cópia arquivada em 18 de fevereiro de 2003 
  27. «Império da Zona Norte». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 13 de janeiro de 2016 
  28. «Escolas». Correio do Povo. 26 de fevereiro de 2001. Consultado em 27 de março de 2012 
  29. «Grupo B disputa o sonho de integrar o A». Correio do Povo. 10 de fevereiro de 2002. Consultado em 27 de março de 2012 
  30. «Escolas». Correio do Povo. 2 de março de 2003. Consultado em 27 de março de 2012 
  31. «CD 2003». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  32. «Beleza das alegorias é o diferencial das escolas». Correio do Povo. 24 de fevereiro de 2004. Consultado em 27 de março de 2012 
  33. «CD 2004». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  34. «Da série "Com que Roupa eu Vou?" - Especial Gugu Lacerda». Setor 1 rs. 30 de agosto de 2014. Consultado em 3 de abril de 2017 
  35. «Desfile das escolas de samba do Grupo A empolga público no Porto Seco». 8 de fevereiro de 2005. Consultado em 3 de abril de 2011. Cópia arquivada em 2005 
  36. «CD 2005». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  37. «Campeãs do Grupo Especial encerram desfiles no Complexo Cultural do Porto Seco». Prefeitura Municipal de Porto Alegre. 5 de março de 2006. Consultado em 26 de abril de 2012 
  38. «CD 2006». Porto na Folia. Consultado em 29 de janeiro de 2016 
  39. «Império da Zona Norte». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 27 de março de 2011. Cópia arquivada em 19 de janeiro de 2007 
  40. «Império da Zona Norte faz uma viagem a Shangri-lá». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 23 de janeiro de 2016 
  41. «Império da Zona Norte exaltará o samba na avenida». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 27 de março de 2012 
  42. «Império passeou na história dos Correios». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 27 de março de 2012 
  43. «Império vai mostrar o amor pulsando a emoção». PMPA. Consultado em 15 de janeiro de 2016 
  44. «Império da Zona Norte: a escola que inventou o luxo». Porto Alegre: Grupo RBS. Diário Gaúcho (em Língua portuguesa). 11 (3371). 6 páginas. 14 de fevereiro de 2011. Consultado em 14 de fevereiro de 2011 
  45. «O que balançará o Porto Seco». Diário Gaúcho. 26 de novembro de 2010. Consultado em 27 de novembro de 2010 
  46. «Império da Zona Norte homenageia Portugal». Prefeitura de Porto Alegre. 27 de fevereiro de 2011. Consultado em 28 de fevereiro de 2011 
  47. «Império da Zona Norte: a escola que inventou o luxo». Diario Gaucho. Consultado em 15 de janeiro de 2016 
  48. Roberta Schuler (13 de fevereiro de 2012). «A Império tem a força». Porto Alegre: Grupo RBS. Diário Gaúcho (em Língua portuguesa). 12 (3683). 5 páginas. Consultado em 13 de fevereiro de 2012 
  49. Fabiano Carvalho (15 de fevereiro de 2012). «Império da Zona Norte contra-ataca». Pedro Fernando Garcia de Macedo. Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 15 de fevereiro de 2012 
  50. «Império da Zona Norte pede em enredo que o bem vença o mal». G1. 14 de janeiro de 2012. Consultado em 14 de janeiro de 2012 
  51. Waskow, Denise (14 de janeiro de 2013). «Império da Zona Norte faz festa para vitórias coloradas». Diário Gaúcho. 4 páginas. Consultado em 14 de janeiro de 2013 
  52. Assessoria de Imprensa (29 de março de 2013). «Taquari é apresentada como tema do Carnaval 2014 da Império da Zona Norte». Prefeitura Municipal de Taquari. Consultado em 25 de maio de 2013 
  53. Daniel Bittencourt (31 de janeiro de 2014). «Império da Zona Norte cantará a história de Taquari no Porto Seco». G1. Consultado em 5 de fevereiro de 2014 
  54. Caetanno Freitas (4 de março de 2014). «Por um décimo, Imperadores do Samba vencem em Porto Alegre». G1. Consultado em 4 de março de 2014 
  55. «Taquari, a Império aposta em ti». Diario Gaucho. Consultado em 15 de janeiro de 2016 
  56. «Império da Zona Norte - Enredo: Do Coração da África Negra a Luz Dourada que Anuncia Novos Tempos. Nigéria, O Gigante Africano Vem Para a Festa». Samba Sul. Consultado em 8 de janeiro de 2015 
  57. «A grande campeã do carnaval 2016 é Imperatriz Dona Leopoldina». LIESPA. 8 de fevereiro de 2016. Consultado em 8 de fevereiro de 2016 
  58. «Imperadores do Samba é a campeã do Carnaval de Porto Alegre». Correio do Povo. 27 de março de 2017. Consultado em 27 de março de 2017 
  59. Leandro Amarante (3 de agosto de 2017). «Turbilhão de informações no setor 1». Setor 1 rs. Consultado em 30 de outubro de 2017 
  60. «Império da Zona Norte é a campeã do Carnaval 2008 em Porto Alegre». ClicRBS. Consultado em 25 de março de 2008 
  61. «AECPARS agradece a presença da comunidade carnavalesca na festa da entrega do Estandarte de Ouro 2010.». AECPARS. Consultado em 2 de maio de 2012 
  62. Glaucio Guterres (9 de maio de 2011). «Conheça os vencedores do Estandarte de Ouro em Porto Alegre». Samba Sul. Consultado em 9 de maio de 2011 
  63. «Estandarte de Ouro é entregue aos melhores do Carnaval de Porto Alegre». G1. 1 de maio de 2012. Consultado em 1 de maio de 2012 
  64. «Os vencedores do Estandarte de Ouro 2103». AECPARS. Consultado em 10 de abril de 2013 
  65. Luciano Medina Martins e Vanessa Oppelt Conte (1 de maio de 2014). «Estandarte de Ouro reuniu 1,2 mil carnavalescos». Prefeitura de Porto Alegre. Consultado em 1 de maio de 2014 
  66. «Estandarte de Ouro 2016, os vencedores». LIESPA. 11 de abril de 2016. Consultado em 11 de abril de 2016. Cópia arquivada em 11 de abril de 2016 
Ícone de esboço Este artigo sobre carnaval, integrado ao Projeto Carnaval é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.