SIC 10 Horas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde julho de 2018). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
SIC 10 Horas
File:Sic10horas.jpg
Informação geral
Formato Talk show
Duração ± 180 minutos
País de origem Portugal Portugal
Idioma original Português
Produção
Produtor(es) Manolo Bello
Apresentador(es) Fátima Lopes
Júlia Pinheiro
Exibição
Emissora de televisão original SIC
Transmissão original 26 de Abril de 1999 - 23 de Novembro de 2005
N.º de temporadas 1
N.º de episódios 1627
Cronologia
Fátima

SIC 10 Horas foi um talk-show matinal português da SIC que foi apresentado por Júlia Pinheiro, e posteriormente por Fátima Lopes. Depois, da primeira passar para outros programas da SIC e depois para a concorrência, a RTP, e depois para a TVI, Fátima Lopes, foi a grande cara deste programa. Em 2005, o SIC 10 Horas deu lugar a um novo programa de Fátima Lopes, Fátima. Com início a 22 de Fevereiro de 1999, o então SIC 11 Horas manteve-se no ar perto de seis anos, tendo assistido a algumas interrupções pontuais e a uma mudança de nome – a 26 de Abril de 1999 surge com o nome SIC 10 Horas. O programa terminou a 23 de Novembro de 2005.

Formato[editar | editar código-fonte]

Este programa era constituído por música, histórias de vida, passatempos e muitas rubricas como a Tertúlia Cor de Rosa, a Crónica Policial, a rubrica de astrologia apresentada por Maya, entre outras rubricas. Durante algum tempo também existiu a rubrica Vou Ser Uma Estrela para descobrir novos talentos na área da música que até teve direito a um CD. O programa também tinha passatempos mas o mais famoso e duradoiro passatempo deste programa foi a Árvore das Patacas, que no programa Fátima também aparecia. Para além disso, havia momentos de humor e um dos humoristas residentes deste programa foi Camacho Costa, conhecido por participar no programa da SIC Os Malucos do Riso, que faleceu a 1 de Março de 2003, vítima de cancro.

Colaboradores e Tertulianos[editar | editar código-fonte]

Tertulias de sociedade[editar | editar código-fonte]

Crónica Policial[editar | editar código-fonte]

  • Hernâni Carvalho

Humor[editar | editar código-fonte]

  • Camacho Costa
  • Óscar Branco
  • Fernando Rocha

Outros Colaboradores[editar | editar código-fonte]

  • José Freixo e o boneco "Donaltim"

Apresentadores Substitutos[editar | editar código-fonte]

  • Henrique Mendes
  • José Figueiras
  • Ana Marques
  • Maya
  • Sílvia Alberto

Audiências[editar | editar código-fonte]

Ao longo de mais de quatro anos, o programa obteve uma audiência média de 3.1% e um share de audiência de 39%. A sua melhor emissão deu-se no dia 21 de Dezembro de 2000, quando obteve uma audiência média de 6.4%. Mas no dia 12 de Agosto de 2002 obteve a sua melhor quota de mercado, ao registar 57.7% de share de audiência.

Na sua primeira emissão, o então SIC 11 Horas registou 2.9% de audiência média e 33.7% de share de audiência e na sua emissão especial 1000º programa, obteve 3.7% de audiência média e 41.4% de share de audiência, valores acima da referida média.

Com a entrada do programa Você na TV da TVI o SIC 10 Horas manteve a liderança. Nos primeiros meses do programa da TVI de 13 de Setembro de 2004 a 21 de Janeiro de 2005 o SIC 10 Horas liderou o horário com uma audiência média de 3.2% (301 200 espectadores) e 30.4% de share.

O final[editar | editar código-fonte]

O último programa foi exibido no dia 23 de Novembro de 2005 e foi substituído por Fátima, um programa onde Fátima Lopes passou a protagonizar manhãs intimistas, centradas na sua "sensibilidade". A cara era conhecida, o local também era o do costume, mas com o toque da equipa de Francisco Penim, então novo director de programas da SIC.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre televisão em Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.