SIPOC

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Na melhoria de processos, um SIPOC (às vezes COPIS) é uma ferramenta que resume as entradas e saídas de um ou mais processos em forma de tabela. A sigla SIPOC significa suppliers (fornecedores), inputs (entradas), process (processo), outputs (saídas) e customers (clientes), que formam as colunas da tabela.[1][2] Essa sigla estava em uso pelo menos desde os programas de gestão de qualidade total do final da década de 1980 e continua a ser usada hoje em Seis Sigma, lean manufacturing (manufatura enxuta) e gestão de processos de negócios.

Para enfatizar colocando as necessidades do cliente em primeiro lugar, a ferramenta é às vezes chamada de COPIS e as informações do processo são preenchidas começando com o cliente e trabalhando até o fornecedor.

O SIPOC é muitas vezes apresentado no início dos esforços de melhoria de processos, como em eventos Kaizen ou durante a fase de "definição" do processo DMAIC.[3] Tem três usos mais comuns, dependendo do público-alvo:

  • Para dar uma visão geral de alto nível às pessoas que não estão familiarizados com o processo.
  • Para recordar as pessoas cuja familiaridade com o processo se desvaneceu ou se tornou desatualizada devido às mudanças no processo.
  • Para ajudar as pessoas na definição de um novo processo.

Vários aspectos do SIPOC que podem não ser aparentes de imediato são:

  • Fornecedores (suppliers) e clientes (customers) podem ser internos ou externos à organização que executa o processo.
  • Entradas (inputs) e saídas (outputs) podem ser materiais, serviços ou informações.
  • O foco está em capturar o conjunto de entradas e saídas, e não as etapas individuais do processo.
Exemplo de SIPOC: Reparação de Automóveis
Fornecedor Entrada Processo Saída Cliente
  • Proprietário do veículo
  • Representante do serviço ao cliente
  • Gerente de unidade
  • Partes da janela
  • Inquérito de reparação
  • Veículo para reparo
  • A autorização para prosseguir com recomendações individuais
  • Compartimento aberto
  • Peças para reparos aprovados
  • Observações
  • Agendamento de visita
  • Diagnóstico do problema
  • Preparação da ordem de trabalho
  • Peças de origem
  • Execução dos reparos
  • Notificação de que o serviço está completo
  • Data e hora do compromisso
  • Recomendações de reparo e estimativas de custos
  • Ordem de trabalho
  • Peças para reparos aprovados
  • Notificação por telefone/e-mail/mensagem de texto
  • Veículo reparado
  • Proprietário do veículo
  • Mecânico
  • Representante do serviço ao cliente

Ver também[editar | editar código-fonte]

Mapeamento de processos de negócios

Gestão da Qualidade Total

Kaizen

Sete ferramentas da qualidade

Notas[editar | editar código-fonte]

Página traduzida do original em inglês.

Referências[editar | editar código-fonte]