Samuel Isaac Weissman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Samuel Isaac Weissman
Nascimento 25 de junho de 1912
South Bend
Morte 12 de junho de 2007 (94 anos)
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade de Chicago
Ocupação químico
Empregador Universidade Washington em St. Louis

Samuel Isaac Weissman (South Bend, Indiana, 25 de junho de 191212 de junho de 2007) foi foi um químico e professor norte-americano mais conhecido pelo seu trabalho no Projecto Manhattan.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Formou-se em Ciências pela Universidade de Chicago em 1933 e doutorou-se pela mesma universidade em 1938.

Weissman trabalhava num projecto com lasers na Universidade da Califórnia em Berkeley, quando foi convidado a juntar-se ao Projecto Manhattan de desenvolvimento da Bomba Atómica, em 1943.

Depois deste cargo, Weissman foi para a Universidade de Washington em St. Louis, em 1946 tornando-se professor em 1955.

Weissman foi membro da United States National Academy of Sciences.[2]

Weissman aposentou-se da Universidade de Washington em 1980 e morreu poucos dias antes de fazer 95 anos.

Referências