Sandy & Junior (álbum de 2001)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sandy e Junior (2001))
Ir para: navegação, pesquisa
Sandy & Junior
Álbum de estúdio de Sandy & Junior
Lançamento 8 de outubro de 2001 (2001-10-08)
Gravação 2001
Gênero(s) Pop[1]
Duração 55:55
Idioma(s)
Formato(s)
Gravadora(s) Universal Music
Produção Moogie Canazio
Certificação 3× Platina[2]
Cronologia de Sandy & Junior
Quatro Estações - O Show
(2000)
Internacional
(2002)
Singles de Sandy & Junior
  1. "O Amor Faz"
    Lançamento: 27 de setembro de 2001 (2001-09-27)
  2. "A Gente Dá Certo"
    Lançamento: 19 de novembro de 2001 (2001-11-19)
  3. "Quando Você Passa (Turu Turu)"
    Lançamento: 14 de janeiro de 2002 (2002-01-14)
  4. "Não Dá Pra Não Pensar"
    Lançamento: 2002

Sandy & Junior é o nono álbum de estúdio da dupla brasileira Sandy & Junior, lançado em 8 de outubro de 2001. O disco seria nomeado 11, (por tratar-se do décimo-primeiro álbum dos irmãos, considerando os dois álbuns ao vivo anteriormente lançados) porém, o nome foi descartado após os atentados de 11 de setembro, em Nova York.[3] O disco marca o encontro de Sandy com a compositora norte-americana Diane Warren, que entregou à brasileira duas melodias inéditas, que se tornaram duas versões em língua portuguesa: "A Estrela Que Mais Brilhar" (versão de "Wishing on The Same Star") e "Me Leve Com Você" (criada a partir de "Take Me With You (If You Leave)").[3]

Além destas, se destacaram nas rádios outras canções românticas, como "Não Dá Pra Não Pensar" (assinada pelos irmãos), "O Amor Faz", "Quando Você Passa (Turu Turu)" (versão de uma canção italiana, traduzida por Ricardo Moreira, então gerente artístico da gravadora Universal Music); e dançantes, como "Cai a Chuva" e "A Gente Dá Certo" (composições do músico Milton Guedes e Paulinho Galvão). Há ainda as regravações de "Chuva de Prata", sucesso de Gal Costa, e "Endless Love", canção romântica de Lionel Richie.[4]

O álbum custou a Universal Music 430 mil dólares, somente na produção do disco, sem contar com os custos com marketing de lançamento e também prensagem.[5] Para tentar combater a pirataria, foi adicionado ao encarte, um cupom para os fãs concorrerem a viagens aos Parques da Universal, em Orlando.[5]

Em apenas três dias, o álbum chegou ao disco de diamante (na época, mais de 1 milhão de cópias vendidas),[6][7] sendo o 5º CD mais vendido de 2001 (segundo a ABPD). O disco de diamante foi recebido no programa Domingão do Faustão, da Rede Globo.[8][9]

Antecedentes e título[editar | editar código-fonte]

Após o sucesso do segundo álbum ao vivo da carreira, o "Quatro Estações O Show", de 2000, Sandy & Júnior anunciaram, numa entrevista em abril de 2001, que gravariam dois CDs, um nacional e um internacional, e que iriam gravá-los em julho do mesmo ano. A dupla ainda anunciou que iriam lançar o nacional em setembro no Brasil, e o internacional, no começo de 2002.[10] Para o título do álbum, a dupla escolheu "11", mas após a tragédia do 11 de setembro de 2001, a dupla decidiu não colocar mais. "O nome ia ser 11, mas não queríamos que as pessoas veiculassem a nossa imagem com a tragédia ocorrida no dia 11, nos Estados Unidos," conta Sandy.[3] O álbum foi gravado em julho, em Los Angeles, nos Estados Unidos, e também em Campinas, São Paulo.[3]

Estilo e composição[editar | editar código-fonte]

Anteriormente, Sandy havia dito que "[No álbum], há pelo menos duas músicas nossas, que achamos que vão entrar. Nós compusemos juntos."[10] O CD, que contou com a produção de Moggie Canazio e supervisão e arranjos musicais de Junior, traz participações de músicos internacionais que já acompanharam nomes como Christina Aguilera, Sting, Bryan Adams e Céline Dion.[11] Apesar do tema tomar conta da primeira até a última música, Sandy não considera este um disco romântico: "Tem menos músicas românticas que os outros, com muitas canções para dançar".[12]

Canções[editar | editar código-fonte]

Gal Costa
Lionel Richie
O álbum conta com 2 regravações, "Chuva de Prata", de Gal Costa (esquerda) e "Endless Love", de Lionel Richie (direita).

A primeira faixa "Não Dá pra Não Pensar" é de autoria da própria dupla[11], enquanto que a segunda faixa, "O Amor Faz", composta por Maurício Gaetani, foi escolhida como o primeiro single do álbum.[3] Já a faixa "Cai a Chuva / Me Diz é a primeira faixa mais agitada do álbum, e foi composta por Milton Guedes.[3] O ator Rodrigo Santoro faz uma participação especial em um diálogo com Sandy na música "Baby, Liga pra Mim", também de Milton Guedes.[11] O romantismo fica evidente na faixa "Quando Você Passa (Turu Turu)".[3] O álbum também tem a releitura de "Chuva de Prata", de Ed Wilson e Ronaldo Bastos, gravada por Gal Costa, uma sugestão de Max Pierre, vice-presidente da Universal. Mas a "ousadia", termo utilizado por Junior, vem acompanhada de um pedido de desculpas. "A gente não tem a mínima pretensão de ser melhores do que a Gal. Só queríamos apresentar a nossa versão", justificou Sandy.[12] "Adeus", também composta pela dupla, foi feita com a colaboração de Allen. C. Lima.[12]

Em "A Gente dá Certo", os irmãos cantam, "Vira pra lá/vira pra cá/fica por cima/vira de lado/ não fica de fora/ e corre pra dentro." Para Sandy, "As pessoas interpretam o que quiserem, mas a letra só me faz lembrar da coreografia."[12] A parceria mais festejada pela dupla foi a de Sandy com a americana Diane Warren (que já ganhou Grammy de melhor música por "Because You Loved Me", gravada por Celine Dion) nas músicas "A Estrela que Mais Brilhar" e "Me Leve com Você". "Ela me deu as músicas, eu fiz as letras e mandei pra ela, que aprovou", disse Sandy.[11] "Ela ofereceu seis músicas de cara e disse sei que você é compositora então você se encarregue de fazer as letras em português", contou Sandy, em entrevista coletiva.[12] Outro destaque é a regravação da canção "Endless Love (canção)", hit dos anos 80 nas vozes de Lionel Richie e Diana Ross,[4] que era um antigo desejo da dupla.[12] O álbum encerra com a balada "O Lugar Perfeito Para o Amor Viver".[3]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Crítica[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
JC Online (positivo)[3]

Rosário de Pompéia do JC Online, disse que o álbum "é o mais diferente de todos os seus discos." Ela também destacou que "O amadurecimento profissional da dupla é perceptível. No novo trabalho, o som dos irmãos ganhou tons mais dance, com letras românticas e grande predominância de solos de guitarras." E destacou as faixas, "Chuva de Prata", "A gente dá Certo" e "Cai a Chuva", como as faixas que devem cair no gosto do público.[3]

Comercial[editar | editar código-fonte]

O álbum foi um sucesso absoluto, saindo com tiragem inicial de 1 milhão de cópias, que esgotou em apenas três dias[12], o que deu ao álbum o "disco de diamante". No entanto o álbum só foi certificado 3 vezes platina pela ABPD, por mais de 750 mil cópias vendidas.[13] A revista Billboard publicou uma nota dizendo que o álbum atingiu a posição de #5 entre os discos mais vendidos em 28 de abril de 2002.[14]

Singles[editar | editar código-fonte]

O primeiro single do álbum, "O Amor Faz",[3] foi lançado no final de setembro de 2001, e se tornou a única canção do álbum a ter um videoclipe. A canção foi um sucesso nas paradas do Brasil, alcançando o pico de número 3, no dia 3 de novembro de 2001.[15]

Já o segundo single, "A Gente Dá Certo", foi lançado ainda em novembro, mas não contou com um videoclipe. A canção conseguiu alcançar a posição de número 36, no dia 15 de dezembro de 2001.[15]

O terceiro single do álbum, "Quando Você Passa", foi lançado início de janeiro de 2002, e mesmo sem ter um videoclipe oficial, a canção se tornou o maior sucesso do álbum, estourando nas rádios, e alcançando o pico de número 2 nas paradas de sucesso do Brasil, no dia 23 de março de 2002.[15]

Faixas[editar | editar código-fonte]

N.º Título Compositor(es) Duração
1. "Não Dá pra Não Pensar"   Sandy, Junior 3:53
2. "O Amor Faz"   Mauricio Gaetani 4:21
3. "Cai a Chuva / Me Diz" (Tease Me) Milton Guedes, Paulinho Galvão / J. Taylor, J. Bonner,E. Bonner,L.Willis,S. Dunbar,R. Shakespeare; Versão: Milton Guedes 4:15
4. "Baby, Liga pra Mim"   Milton Guedes, Lu Leal 3:23
5. "Quando Você Passa" (Turuturu Turuturu) Francesco Boccia, Gianfranco Calliendo, Ciro Esposito; Versão: Ricardo Moreira 3:41
6. "Chuva de Prata"   Ed Wilson, Ronaldo Bastos 3:32
7. "Adeus"   Sandy, Junior, Allen C. Lima 4:19
8. "A Gente Dá Certo"   Milton Guedes 3:36
9. "Nada É por Acaso"   Lia Soares, Marcio Cruz, Pedro Barezzi, Danimar 4:16
10. "A Estrela Que Mais Brilhar" (Wishing on The Same Star) Diane Warren, Sandy 4:22
11. "Deixa Eu Tentar"   Otávio de Moraes 3:55
12. "Endless Love" (I Love You) Lionel Richie 4:11
13. "Me Leve Com Você" (Take Me With You (If You Leave)) Dianne Warren, Sandy 4:07
14. "O Lugar Perfeito Pro Amor Viver"   Mauro Motta, Dudu Falcão 4:00
Duração total:
55:55

Relançamento[editar | editar código-fonte]

2 por 1
Coletânea musical de Sandy & Junior
Lançamento 2002
Gênero(s) Pop
Idioma(s) Português
Gravadora(s) Universal Music

Em 2002 a Universal Music lançou um CD duplo chamado "2 por 1",que incluía esse CD e mais o As Quatro Estações de 1999. O CD não traz o encarte completo dos dois lançamentos, apenas duas páginas com créditos das faixas e algumas fotos utilizadas no encarte dos CDs, foram utilizadas na contracapa e no verso da compilação. Nenhuma canção inédita foi adicionada a tracklist, em nenhum dos dois discos.[16] [17]

Certificações[editar | editar código-fonte]

País Certificação Vendas
 Brasil - ABPD 3× Platina[2] 1.500,000[18]

Referências

  1. Sandy & Junior (2001) de Sandy & Junior no iTunes Apple Inc.
  2. a b «Certificados de Sandy & Junior pela ABPD». Consultado em 16 de Agosto de 2012 
  3. a b c d e f g h i j k «Sandy e Júnior na balada do dance». 2 de outubro de 2001. Consultado em 3 de Fevereiro de 2013 
  4. a b Sérgio Martins (31 de outubro de 2001). «Vai dar certo? Os preparativos da dupla Sandy & Junior para o lançamento no mercado americano». Revista Veja. Consultado em 29 de Agosto de 2012 
  5. a b Vanessa Mauri (6 de novembro de 2001). «"Sandy e Junior" lançam CD repleto de músicas que falam de amor». Unorp Notícias. Consultado em 9 de julho de 2015 
  6. Lar, doce lar Revista Quem (22 de outubro de 2001)
  7. «Site Internacional da dupla Sandy e Junior de 2002». Consultado em 5 de Setembro de 2012 
  8. «Sandy e Júnior recebendo disco de diamante, no Domingão do Faustão». 4 de dezembro de 2001. Consultado em 9 de maio de 2015 
  9. Ver no Youtube o video:2001 Sandy recebe disco de diamante por 1 milhão de cópias vendidas do CD SeJ
  10. a b c Vitor Casimiro (Abril de 2001). «Cinco minutos com Sandy e Júnior». Consultado em 15 de outubro de 2013 
  11. a b c d Carla Nascimento (3 de outubro de 2001). «Sandy & Junior tem participações internacionais em novo CD». Consultado em 15 de outubro de 2013 
  12. a b c d e f g Vanessa Mauri (6 de novembro de 2001). «"Sandy e Junior" lançam CD repleto de músicas que falam de amor». Consultado em 15 de outubro de 2013 
  13. «ABPD - Certificações». Consultado em 16 de outubro de 2013 
  14. Gomes, Tom (28 de abril de 2001). «Billboard - Latin Notas». Estados Unidos: Nielsen Business Media, Inc. Billboard. Consultado em 7 de fevereiro de 2016 
  15. a b c «Hot 100 Brasil» (PDF). Consultado em 2 de outubro de 2013 
  16. «Serie 2 por 1: As Quatro Estacoes/Sandy & Junior (Allmusic)». Consultado em 5 de Setembro de 2012 
  17. «Serie 2 por 1: As Quatro Estacoes/Sandy & Junior (Discogs)». Consultado em 9 de maio de 2015 
  18. «Sandy não quer mais ser pura». Tio Oda. Consultado em 5 de Julho de 2015 
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Sandy & Junior é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.