Santa Ágata dos Godos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para para a comuna, veja Sant'Agata de' Goti. Para a outra igreja em Roma de mesmo nome, veja Sant'Agata in Trastevere.
Santa Ágata dos Góticos
Sant'Agata dei Goti
Fachada principal na Via Mazzarino
Estilo dominante Neoclássico (fachada)
Início da construção século V
Fim da construção século V
século XVIII
Religião Igreja Católica
Diocese Diocese de Roma
Ano de consagração 460
Geografia
País Itália
Região Roma
Local Rione Monti
Coordenadas 41° 53' 47.35" N 12° 29' 22.17" E

Santa Ágata dos Godos (em latim: Sant'Agata dei Goti) é uma igreja titular de Roma, Itália, dedicada a mártir Santa Águeda de Catânia.

O cardeal-diácono da diaconia de Santa Ágata dos Góticos é Raymond Leo Burke, o patrono da Soberana Ordem Militar de Malta e arcebispo de Saint Louis, nos Estados Unidos.

História[editar | editar código-fonte]

Esta igreja foi construída por Ricimero para os godos por volta de 460. Como eles eram arianos, depois que esta heresia foi suprimida em Roma, o edifício foi tomado pela Igreja Católica (592/3) e reconsagrada pelo papa Gregório Magno. Foi reformada no século IX e um mosteiro beneditino foi fundado ao seu lado. A abside ruiu em 1589 e foi parcialmente reconstruída em 1633, sem grandes alterações ao restante do edifício. Um pequeno pátio do lado de fora foi construído nesta época. Desde 1926, Santa Ágata é servida pelos estigmatinos, cuja sede está localizada no edifício adjacente.

Santa Ágata é hoje a única igreja ariana preservada na capital italiana.

Exterior[editar | editar código-fonte]

A fachada foi reconstruída por Francesco Ferrari em 1729 e o relevo esculpido acima da porta mostra Santa Ágata segurando num prato seu seio que lhe foi arrancado quando ela se recusou a renunciar à sua fé.

A entrada a partir da Via Mazzarino se abre para um pátio do século XVII. Entre 1836 e 1926, estava ali instalado a Faculdade Irlandesa. O Cardeal Paul Cullen, um antigo reitor, baseou seus planos para a igreja do Holy Cross College, em Clonliffe, Dublin, nos planos de Santa Ágata. O campanário românico foi construído no século XII.

Interior[editar | editar código-fonte]

Embora tenha sido redecorada no estilo barroco e recebido novos elementos no século XIX, é possível discernir ainda hoje traços do plano original do século V, uma basílica com três naves. As colunas de granito separando as três são antigas.

O afresco na abside mostra a "Glória de Santa Ágata", de Paolo Gismondi, do século XVII. Sobre o altar-mor está um baldaquino do século XII ou XIII, remontado e colocado ali em 1933. Ele tem quatro colunas de mármore pavonazzetto inteiramente decoradas com mosaicos cosmatescos e encimadas por um teto de templo. O antigo baldaquino foi destruído em 1589 e fragmentos podem ser vistos no teto da capela principal, do lado esquerdo.

O piso cosmatesco do século XV da nave tem um design pouco usual, um exemplo tardio de seu estilo. As janelas retangulares foram instaladas no século XVII a pedido dos cardeais Francesco e Antonio Barberini. No altar de Santa Ágata está uma grande estátua da santa.

Ricimero, que foi enterrado na igreja, mandou instalar um mosaico, que, infelizmente, se perdeu em 1589 quando a abside ruiu. O humanista grego João Láscaris (m. 1535) também está enterrado ali e, muito provavelmente, está também o coração de Daniel O'Connell, o "Libertador" (m. Gênova, 1847).

Liturgia[editar | editar código-fonte]

Em 2 de dezembro se celebram os mártires gregos cujas relíquias estão preservadas em Santa Ágata. A festa é geralmente celebrada com uma missa noturna utilizando a liturgia do rito bizantino católico. Outras festas importantes são a de Santa Ágata, em 5 de fevereiro, e São Gaspar Bertoni, fundador dos estigmatinos, em 12 de junho.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Ancient Churches of Rome from the Fourth to the Seventh Century: The Dawn of Christian Architecture in the West, by Hugo Brandenburg, Brepols, 2005.
  • Le chiese medievali di Roma, by Federico Gizzi, Newton Compton, Rome, 1994

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Santa Ágata dos Godos