Santa Isabel (Goiás)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outras cidades contendo este nome, veja Santa Isabel.
Município de Santa Isabel
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Aniversário 14 de maio
Fundação 14 de maio de 1982 (37 anos)
Gentílico santa-isabelense
Prefeito(a) Cássia Dourado (PSDB)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Santa Isabel
Localização de Santa Isabel em Goiás
Santa Isabel está localizado em: Brasil
Santa Isabel
Localização de Santa Isabel no Brasil
15° 17' 52" S 49° 25' 37" O15° 17' 52" S 49° 25' 37" O
Unidade federativa Goiás
Mesorregião Centro Goiano IBGE/2008 [1]
Microrregião Ceres IBGE/2008 [1]
Distância até a capital 187 km
Características geográficas
Área 806,814 km² [2]
População 3 686 hab. IBGE/2015[3]
Densidade 4,57 hab./km²
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,72 alto PNUD/2000 [4]
PIB R$ 36 266,294 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 10 130,25 IBGE/2008[5]
Página oficial
Prefeitura santaisabel.go.gov.br

Santa Isabel é um município brasileiro do interior do estado de Goiás, Região Centro-Oeste do país. Situado na região do Vale do São Patrício, sua população é de 3 686 habitantes, de acordo com estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2015.[3] A área é de 806,814 km², o que resulta numa densidade demográfica de 4,57 hab/km².

Situa-se na Mesorregião do Centro Goiano e na Microrregião de Ceres.

Histórico[editar | editar código-fonte]

O povoamento de Santa Isabel teve início por volta de 1947, quando José Camelo de Faria, alcunhado ″José Cearense″, procedente de Castrinópolis — Jaraguá, adquiriu parte da fazenda Terra Branca, estabelecendo-se ali com sua família.

Posteriormente, vieram várias famílias, procedentes de Minas Gerais e Bahia, atraídas pela fertilidade das terras e pelas notícias da promissora região, formando-se o lugarejo voltado para a exploração da agropecuária.

Em 1949, já com vários estabelecimentos comerciais, José Camelo de Faria procedeu ao loteamento de parte de suas terras para a fundação do povoado que recebeu o nome de ″Santa Isabel″, em homenagem à esposa do fundador e à padroeira local.

Mais tarde deu-se nova doação para edificação da Igreja Católica de Santa Isabel. E, em 16 de novembro de 1960, o povoado passou à condição de distrito, através da Lei Municipal nº 21, integrando o Município de Jaraguá.

Depois de vários movimentos em prol da emancipação, através de abaixo-assinados com centenas de eleitores, o distrito alcançou sua autonomia político-administrativa, pela Lei Estadual nº 9187, de 14 de maio de 1982,atraves do deputado federal Anisio de Souza e instalado oficialmente em 1º de fevereiro de 1983.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Santa Isabel fica localizada a 188 km da capital Goiânia. Seus limites são São Luís do Norte a norte, Goianésia a leste, Jaraguá a sudeste, Rianápolis a sul, Rialma a oeste e Nova Glória a noroeste.

Possui dois distritos: Cirilândia e Natinópolis.

Educação[editar | editar código-fonte]

A cidade possui nove escolas. Seis de ensino fundamental, duas pré-escolas e uma de ensino médio.

Saúde[editar | editar código-fonte]

O Município de Santa Isabel possui 3 unidades do SUS, sendo que uma delas é o posto de saúde Almerinda Carvalho na cidade de Santa Isabel.

Religião[editar | editar código-fonte]

Evangélica ( Adventista, Assembléia de Deus, Igreja Batista, Congregação Cristã no Brasil, Presbiteriana, Igreja o Brasil para Cristo, Igreja Universal do Reino de Deus, Igreja Deus é Amor, Igreja Mundial do Poder de Deus);

Segundo o IBGE, em 2010, a população residente, adeptas a alguma religião era de:

Religião Católica Apostólica Romana: 2.699 pessoas.

Religiões Evangélicas: 720 pessoas.

Esportes[editar | editar código-fonte]

O município de Santa Isabel possui Estádios de futebol, Centro Poliesportivo e Quadras de Esporte. Além de Pista para caminhada e Ginástica ao ar livre.

Pecuária[editar | editar código-fonte]

Bovinos - efetivo dos rebanhos 60.500 cabeças

Equinos - efetivo dos rebanhos 1.300 cabeças

Bubalinos - efetivo dos rebanhos 30 cabeças

Asininos - efetivo dos rebanhos 10 cabeças

Muares - efetivo dos rebanhos 80 cabeças

Suínos - efetivo dos rebanhos 2.560 cabeças

Caprinos - efetivo dos rebanhos 35 cabeças

Ovinos - efetivo dos rebanhos 550 cabeças

Aves - efetivo dos rebanhos 6.700 cabeças

Fonte: IBGE, Produção da Pecuária Municipal 2011.

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  3. a b «IBGE Cidades Goiás». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1º de julho de 2015. Consultado em 2 de outubro de 2015 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Goiás é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.