Santi di Tito

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
As Irmãs de Faetonte

Santi di Tito (15361602 ou 1603) foi um pintor italiano do final do Maneirismo e começo do Barroco, época que é, muitas vezes, chamada de Contra-Maniera.

Nascido em Borgo San Sepolcro, na Toscana. Alguns acreditam que tenha estudado com Bronzino ou Baccio Bandinelli. De 1558 a 564, trabalhou em Roma em afrescos no Palazzo Salviati e na Grande Sala do Belvedere do Vaticano, junto com Giovanni de' Vecchi e Niccolò Circignani.

Tinha um traço clássico, bem diferente das obras ornamentadas de Federico Zuccari, Taddeo Zuccari, Vasari, Alessandro Allori ou Bronzino. Entre seus alunos estava Cigoli.

Ver também[editar | editar código-fonte]