Santo Antônio do Caiuá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados de Santo Antônio, veja Santo António.
Disambig grey.svg Nota: Para outras cidades com este nome, veja Caiuá (desambiguação).
Município de Santo Antônio do Caiuá
Bandeira de Santo Antônio do Caiuá
Brasão de Santo Antônio do Caiuá
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 25 de janeiro
Fundação 1961 (56 anos)
Gentílico caiuaense
Lema "Quem Vem, Sempre Volta!"
Prefeito(a) Osmar Stachovski (PP)
(2017–2020)
Localização
Localização de Santo Antônio do Caiuá
Localização de Santo Antônio do Caiuá no Paraná
Santo Antônio do Caiuá está localizado em: Brasil
Santo Antônio do Caiuá
Localização de Santo Antônio do Caiuá no Brasil
22° 44' 06" S 52° 20' 31" O22° 44' 06" S 52° 20' 31" O
Unidade federativa  Paraná
Mesorregião Noroeste Paranaense IBGE/2008[1]
Microrregião Paranavaí IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Teodoro Sampaio (SP), São João do Caiuá, Inajá e Paranavaí
Distância até a capital 526 km km
Características geográficas
Área 219,066 km² [2]
População 2 732 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 12,47 hab./km²
Altitude 380 m m
Clima Subtropical Úmido CFA
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,75 elevado PNUD/2000[4]
PIB R$ 23 655,404 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 8 608,23 IBGE/2008[5]
Página oficial

Santo Antônio do Caiuá é um município brasileiro do estado do Paraná. Sua população estimada em 2004 era de 2.758 habitantes.

História[editar | editar código-fonte]

A Companhia Melhoramentos Norte do Paraná, com sede em São Paulo e filiais em Maringá e Londrina deu início à implantação do povoado de Santo Antônio do Caiuá, em 12/12/51, determinando a planta da cidade, que inicialmente foi denominada de Patrimônio Santo Antônio do Caiuá, sob responsabilidade administrativa do município mais próximo que era Mandaguari. Em 1953, Santo Antônio do Caiuá passou à jurisdição do recém criado município de Nova Esperança. Em março de 1954, passou à jurisdição do município de Alto Paraná e em 31/01/56 passou a subordinar-se administrativamente a São João do Caiuá.

Os pioneiros da colonização foram os irmãos Silvio Rubens, Fernandes Gutierrez, Luiz Carlos e Alberto Luiz Monteiro Carneiro. Em seguida chegaram as famílias de Hagem Schoerock, José Maria Alves, Primo Rossato e Domenico Ernesto Carniel.

Na área rural, as primeiras clareiras na mata foram abertas pelas famílias de Antonio Sobrinho, Sebastião Sobrinho, José Xavier de Carvalho, Natal Piastrelli, Rafael Schenatto, Willy Hardth, Arlindo dos Santos, José Maria Portes e José Penna.

Pela Lei Estadual no 4338, de 25 de janeiro de 1961, foi criado o município de Santo Antônio do Caiuá, com território desmembrado de São João do Caiuá. A instalação oficial ocorreu no dia 25/11/61, sendo primeiro prefeito municipal o senhor Stersa Maximiliano Ângelo.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Etimologicamente, Caiuá provém do Guarani “cai’guara”, ou seja, “o que habita os montes”. Caiuá, Caaguá ou Cainguás são variantes do nome dos índios guaranis da margem esquerda do rio Paraguai.

Localização[editar | editar código-fonte]

O município de Santo Antônio do Caiuá localiza-se no Terceiro Planalto Paranaense, na microrregião de Paranavaí (001) e mesorregião Noroeste Paranaense (01) do IBGE. Santo Antônio do Caiuá também está congregado a AMUNPAR - Associação dos Municípios dos Noroestes do Paraná.

Clima[editar | editar código-fonte]

O clima de Santo Antônio do Caiuá, segundo a classificação climática de Wladimir Köeppen, é do tipo CFA, clima subtropical úmido mesotérmico, com verões quentes e geadas pouco frequentes, com tendência de concentração das chuvas nos meses de verão, sem estação seca. A média das temperaturas dos meses mais quentes é superior a 22 °C e a dos meses mais frios é inferior a 18 °C.

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

O município de Santo Antônio do Caiuá está situado na bacia Paranapanema, sub-bacia Paranapanema IV e tem toda a sua divisão Norte com o Estado de São Paulo formada pelo próprio Rio Paranapanema, à montante do reservatório da barragem da Usina Hidroelétrica de Rosana. Os outros rios mais importantes locais correm em direção perpendicular ao Rio Paranapanema, sendo eles o Ribeirão Caiuá, o Rio Diabo e Córrego São Miguel.

Destaca-se também o Rio Marabá que é afluente do Rio do Diabo.

Vegetação[editar | editar código-fonte]

Na área urbana há pouca cobertura vegetal original, mas são expressivas a arborização pública e a arborização nos terrenos particulares de espécies frutíferas. Todas as ruas da cidade são arborizadas com Sibipiruna, em ambos os alinhamentos, raramente há substituição de uma árvore de Sibipiruna por uma outra de Ficos ou Oiti.

As principais áreas verdes públicas são a praça Dom Benjamim de Souza Gomes, em frente à Igreja Matriz e a praça Pioneiro Primo Rossato

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Paraná é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.