Sara Ramírez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2015). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Translation to english arrow.svg
A tradução deste artigo está abaixo da qualidade média aceitável. É possível que tenha sido feita por um tradutor automático ou por alguém que não conhece bem o português ou a língua original do texto. Caso queira colaborar com a Wikipédia, tente encontrar a página original e melhore este verbete conforme o guia de tradução.
Sara Ramírez
Ramirez em 2008.
Nome completo Sara Elena Ramírez
Nascimento 31 de agosto de 1975 (43 anos)
Mazatlán, Sinaloa, México
Educação Juilliard School (Bacharel em Belas Artes)
Ocupação
  • Atriz
  • Produtora
  • Cantora
  • Compositora
Atividade 1998–presente
Cônjuge Ryan Debolt (2012-presente)
Tonys
Tony Award de Melhor Atriz Coadjuvante em Musical
2005 - Spamalot
Prémios Screen Actors Guild
Melhor Elenco em Série Dramática
2006 - Grey's Anatomy
Outros prêmios
Outer Critics Circle Award - Atriz destaque em destaque em um musical
2005 - Spamalot
Prêmios Satellite - Melhor elenco
2006 - Grey's Anatomy
Página oficial

Sara Elena Ramirez (Mazatlán, 31 de agosto de 1975) é uma atriz e cantora mexicana que atua nos Estados Unidos.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nasceu em Mazatlán, Sinaloa, uma estância balneária na costa do Pacífico do México. Seu pai era mexicano e sua mãe era meio mexicano e meio irlandês-americano. Com oito anos se mudou para San Diego na Califórnia com a mãe. Ela tem três irmãs mais novas, Carla Ramírez, Verónica Ramirez e Alejandra Torrero. Carla e Verónica são filhas do segundo casamento de seu pai, Alberto Ramirez e Alejandra é filha do segundo e atual casamento de sua mãe Luisa Vargas.

"Em 4 de julho de 2012, depois de um ano de noivado, Sara Ramírez e Ryan Debolt se casaram em uma cerimônia íntima em Nova York. O evento privado contou com a presença da família e amigos íntimos", o representante escreveu em um e-mail para o The Huffington Post. Sara e Debolt não tiveram filhos.

Sara ficou mundialmente conhecida por seu papel na série de sucesso Grey's Anatomy (1ª aparição - 19º ep./2ª temp), a Dr.ª Callie Torres, uma grande cirurgiã ortopédica, o qual interpretou até 2016. Callie Torres foi a personagem LGBT atuada por mais tempo na tv. Sara resolveu dar uma pausa. Quando recebeu o convite da CBS para interpretar uma estrategista política chamada Kat Sandoval na série Madam Secrerary e teve sua primeira aparição no 7° episódio da 4ª temporada, Kat é conhecida em Washington pelo seu talento e por ter saído abruptamente da política.

Em 8 de outubro de 2016, Sara assumiu publicamente sua bissexualidade e em seguida esclareceu que havia assumido aos 18 para família e amigos.

Questionada sobre o seu relacionamento com Ryan após tal declaração, Ramirez tranquilizou os fãs: "Hubby is like love is love", deixando claro o total apoio vindo da parte do seu marido.

Sara e Ryan estão casados há 6 anos.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ela estreou na Broadway ao atuar em Wahzinak O Paul Simon's Capeman (1998). Em 1999, ela apareceu em fascinantes do Gershwin Rhythm (1999) e recebeu um Outer Critics Circle Award por seu papel. Ela também apareceu em um ato de classes (2001) e Dreamgirls (2001), e atuou em Os Monólogos da Vagina com Tovah Feldshuh e Bertish Suzanne.

Em 1998, ela interpretou a voz do Lammy no vídeo game UmJammer Lammy, um spin-off de PaRappa the Rapper, tanto no console da Sony PlayStation. Mais tarde, ela repete seu papel como Lammy novamente no PlayStation 2 video game sequel PaRappa the Rapper 2, e tem um papel menor, ao contrário de The Game, que a precedeu.

Em 2005 Sara levou para casa o prêmio Tony de Melhor Performance de uma Atriz em Musical, por sua excelente performance em Monty Python's Spamalot. O Tony Award é o prêmio mais importante do teatro dos Estados Unidos, equivalente ao Oscar no cinema, Grammy na música e Emmy na televisão.

Ramírez se juntou ao elenco de Grey's Anatomy em um papel recorrente como a Dr.ª Calliope Torres (Callie) na segunda temporada, mais precisamente no 19° episódio da série. Para a terceira temporada em diante seu papel se tornou regular, hoje em dia a série está na sua 14ª temporada e a Sara é uma das estrelas, interpretando uma Dr.ª bissexual e casada com a Dr.ª Arizona Robbins (Jessica Capshaw[2]). Em 2007 Sara fez parte do elenco que concebeu a série o Screen Actors Guild Award por Performance de um Elenco em Série Drama com Grey's Anatomy. Sara atuou em Grey's Anatomy por 10 anos, fazendo sua ultima aparição na Season Finale da 12ª temporada. Entretanto, esperamos que esse não tenha sido o fim da Dr.ª Callie Torres.

Ramirez atualmente interpreta Kat Sandoval na série Madam Secrerary da CBS, uma estrategista política de Washington, sua personagem também é bissexual e traz consigo um belíssimo e único estilo, composto por terno, gravata e botas, além de seu marcante corte de cabelo.

Sara Elena Ramirez não é só atriz, como também é cantora e tem um EP que foi lançado em 27 de março de 2011, seu EP tem 4 músicas incluindo "The Story", música da Brandi Carlile que fez sucesso em sua voz em ocasião do episódio musical de Grey's Anatomy.

Sara Ramirez não só trabalhou como produtora na Web Série Send Me como também no filme Loserville.

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

  • 2005 – Prêmio Tony de Melhor Performance de uma Atriz em Musical – Monty Python's Spamalot
  • 2005 – Outer Critics Circle Award de Melhor Atriz em Musical - Monty Python's Spamalot
  • 2007 – Screen Actors Guild Award por Performance de um Elenco em Série Drama – Grey's Anatomy
  • 2007 – Golden Globe Awards de Melhor Série Dramática – Grey's Anatomy
  • 2013 – People's Choice Awards de Melhor Série Dramática – Grey's Anatomy
  • 2014 – People's Choice Awards de Melhor Série Dramática – Grey's Anatomy
  • 2015 - People's Choice Awards de Melhor Série Dramática – Grey's Anatomy

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem Notas
1998 You've Got Mail Rose
1999 UmJammer Lammy Lammy (voz) Video Game
2000 Star Patrol Lieutenant Vena Filme de TV
2000 Spin City Carol Quinn Episódio: "About Last Night"
2000 Third Watch Gwen Girard Episódio: "The Tys That Bind"
2000 Welcome to New York Linda Episódio: "The Crier"
2000 Law & Order: Special Victims Unit Mrs. Barrera Episódio: "Baby Killer"
2001 PaRappa the Rapper 2 Lammy (voz) Video game
2002 Spider-Man Policial
2002 Washington Heights Belkis
2002 Baseball Wives Gabriella Martinez TV movie
2002 Law & Order: Special Victims Unit Lisa Perez Episode: "Chameleon"
2002 Chicago Conjunto Feminino (Vocais)
2003 Naked Hotel Desconhecido Filme de TV
2003 As the World Turns Hannah Bulut 1 Episódio
2003 When Ocean Meets Sky Peggy Fears (voz)
2004 NYPD Blue Irma Pacheco Episódio: "Who's Your Daddy?"
2014 Dora the Explorer Queen of Hearts Episódio: "Dora in Wonderland"
2006–2016 Grey's Anatomy Callie Torres 241 episódios;
Recorrente (Temporada 2)
Elenco principal (temporadas 3–12)
2016 Elena and the Secret of Avalor Rainha Miranda (voz) Filme de TV
2012–2018 Sofia the First Rainha Miranda (voz) 54 episódios;
Elenco principal
2017-2019 Madam Secretary Kat Sandoval 36 episódios;
Elenco principal (temporadas 4-5)

Produções teatrais[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem Teatro
1998 The Capeman Wahzinak Marquis Theatre; 29 de janeiro – 28 de março de 1998
1999 The Gershwins' Fascinating Rhythm Artista Longacre Theatre; 25 de abril – 9 de maio de 1999
2001 A Class Act Felicia Ambassador Theatre; 11 de março – 10 de junho de 2001
2001 Dreamgirls Conjunto Ford Center for the Performing Arts; 24 de setembro de 2001
2002 The Vagina Monologues Artista Westside Theatre; 12 de novembro – 1 de dezembro de 2002
2005 Spamalot The Lady of the Lake Shubert Theatre; 14 de fevereiro – 18 de dezembro de 2005


Referências

  1. «Sara Ramirez: A Career Retrospective». Sara Ramirez. Latina. 30 de março de 2011. Consultado em 4 de fevereiro de 2018 
  2. «Jessica Capshaw». Wikipédia em português