Saudades de casa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Saudades de casa (derivada de Homesickness) é uma saudade causada por uma separação real ou prevista de casa.[1] Sua principal característica cognitiva são os pensamentos preocupantes de casa e a fixação em objetos.[2] Os sofredores normalmente relatam uma combinação de sintomas depressivos e ansiosos, comportamento retraído e dificuldade em focalizar sobre temas não relacionados com a casa.[3][4][5]

Em sua forma mais leve, as saudades de casa solicitam o desenvolvimento de habilidades de enfrentamento e motivam comportamentos de apego saudáveis, como renovar o contato com entes queridos. Na verdade, quase todas as pessoas perdem alguma coisa relacionada a sua casa quando estão longe, fazendo com que as saudades de casa seja uma experiência quase universal.[6] No entanto, uma intensa saudade de casa pode ser dolorosa e debilitante.[7][8]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Kerns, Brumariu, Abraham. Kathryn A., Laura E., Michelle M.(2009/04/13). Homesickness at summer camp. Merrill-Palmer Quarterly, 54.
  2. Thurber, C.A. & Walton, E.A. (2007). Preventing and treating homesickness. Pediatrics, 119, 843-858.
  3. Thurber, C.A., Sigman, M.D., Weisz, J.R., & Schmidt, C.K. (1999). Homesickness in preadolescent and adolescent girls: Risk factors, behavioral correlates, and sequelae. Journal of Clinical Child Psychology, 28, 185-196.
  4. Thurber, C.A. (1999). The phenomenology of homesickness in boys. Journal of Abnormal Child Psychology, 27, 125-139.
  5. Fisher, S. (1989). Homesickness, Cognition, and Health. Hove, UK: Lawrence Erlbaum.
  6. van Tilburg, M.A.L. & Vingerhoets, A. (Eds.) (1997). Acculturation stress and homesickness. Tilburg, The Netherlands: Tilburg University Press.
  7. Thurber, C.A. & Walton, E.A. (2012). Homesickness and adjustment in university students. Journal of American College Health, 60, 1-5.
  8. Fisher, S. & Hood, B. (1987). The stress of the transition to university: A longitudinal study of psychological disturbance, absent-mindedness and vulnerability to homesickness. British Journal of Psychology, 78, 425-441.