Saíde

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sayyid)
Ir para: navegação, pesquisa

Saíde (em árabe: سيد; transl.: Sayyid , lit. "senhor"; não deve ser confundido com o antropônimo aportuguesado homograficamente (transliterado como Said), que significa "feliz", "afortunado"[1]) é um título honorífico dado aos homens aceitos como descendentes do profeta islâmico Maomé, através de seus netos, Haçane ibne Ali e Huceine ibne Ali, que eram os filhos de sua filha Fátima e de Ali.[2] Na fase pré-islâmica, o termo saíde significava "orador". As filhas dos saídes recebem os títulos saída (sayyida), alawiyah, siarifa (syarifah) ou xarifa (sharifah).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Alves 2014, p. 761.
  2. Ho, Engseng. 2006. Graves of Tarim. University of California Press. Berkeley. p. 149

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Alves, Adalberto (2014). Dicionário de Arabismos da Língua Portuguesa. Lisboa: Leya. ISBN 9722721798 
  • Nallino, C. A. Sulla costituzione delle tribù arabe prima dell'Islamismo, in: Raccolta di scritti editi e inediti, Roma, Istituto per l'Oriente, 1939-48.
Ícone de esboço Este artigo sobre o Islamismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.