Sayyid

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Sayyid (em árabe: سيد; "senhor") é um título honorífico dado aos homens aceitos como descendentes do profeta islâmico Maomé, através de seus netos, Hasan ibn Ali e Hussein ibn Ali, que eram os filhos de sua filha Fatima Zahra e de Ali ibn Abi Talib.[1] Na fase pré-islâmica, o termo sayyid significava "orador".

As filhas dos sayyids' recebem os títulos sayyida, alawiyah, syarifah ou sharifah.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Ho, Engseng. 2006. Graves of Tarim. University of California Press. Berkeley. p. 149

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Nallino, C. A. Sulla costituzione delle tribù arabe prima dell'Islamismo, in: Raccolta di scritti editi e inediti, Roma, Istituto per l'Oriente, 1939-48.


Ícone de esboço Este artigo sobre o Islamismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.