Scary Monsters (And Super Creeps) (canção)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
"Scary Monsters (And Super Creeps)"
Single de David Bowie
do álbum Scary Monsters (and Super Creeps)
Lado B "Because You’re Young"
Lançamento 2 de janeiro de 1981
Formato(s) Vinil de sete polegadas e fita cassete
Gênero(s) Pós-punk
Duração 3:27 (versão do single)

5:10 (versão do álbum)

Gravadora(s) RCA Records

BOW 8

Composição David Bowie
Produção David Bowie e Tony Visconti
Cronologia de singles de David Bowie
"Fashion"
(1980)
"Up the Hill Backwards"
(1981)

"Scary Monsters (And Super Creeps)" é uma canção escrita por David Bowie e a faixa-título do seu álbum Scary Monsters (and Super Creeps), de 1980. A faixa também foi lançada como o terceiro single do álbum em janeiro de 1981. Vindo no rastro dos dois singles anteriores de Scary Monsters, "Ashes to Ashes", de agosto de 1981, e "Fashion", de setembro do mesmo ano, Roy Carr e Charles Shaar Murray, críticos da NME, rotularam o terceiro single como um exemplo da "boa e velha tradição de sugar álbuns ao máximo do seu valor."[1]

Musicalmente, a faixa é notável pelo trabalho de Robert Fripp na guitarra principal e pela distinta percussão de sintetizador. A letra, cantada por Bowie com um sotaque cockney exagerado, trata do ostracismo de uma mulher e seu declínio até a loucura ("When I looked in her eyes they were blue but nobody home... Now she's stupid in the street and she can't socialise" - "Quando olhei em seus olhos, eles estavam azuis, mas não havia ninguém ali... Agora ela está como uma besta na rua e não consegue socializar"). Tematicamente, a letra foi comparada a "She's Lost Control" (1979),[1] do Joy Division, e ao "romance claustrofóbico" das colaborações de Iggy Pop com Bowie, The Idiot e Lust for Life, ambos de 1977.[2]

A versão em single chegou ao número 20 nas paradas britânicas. A faixa foi lançada em vinil de sete polegadas e em fita cassete. Desde então, Bowie tocou a canção em várias de suas turnês.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Scary Monsters (And Super Creeps)" (Bowie) – 3:27
  2. "Because You're Young" (Bowie) – 4:51

A versão francesa do single tem "Up the Hill Backwards" como Lado B.

Créditos[editar | editar código-fonte]

Tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Tabela musical (1981) Posição mais alta
Reino Unido - UK Singles Chart 20
Irlanda - Irish Singles Chart 17

Versões ao vivo[editar | editar código-fonte]

  • Uma performance ao vivo gravada em 12 de setembro de 1983 aparece no filme Serious Moonlight, do mesmo ano.
  • Bowie tocou a canção no Saturday Night Live em 8 de fevereiro de 1997. Esta versão posteriormente foi lançada no álbum Saturday Night Live - 25 Years Volume 1.
  • Bowie e Reeves Gabrels tocaram uma versão country acústica da faixa para a estação de rádio WRXT em Chicago II em 16 de outubro de 1997.
  • Bowie tocou a canção com o Nine Inch Nails várias vezes durante a turnê do álbum Outside.

Outros lançametos[editar | editar código-fonte]

  • A canção foi lançada nas seguintes compilações:
    • Golden Years (1983) – versão do álbum
    • The Singles Collection (1993) – versão do álbum
    • Best of Bowie (2002) – edição do single
    • The Platinum Collection – edição do single
    • The Best of David Bowie 1980/1987 (2007) – edição do single
    • Nothing Has Changed (2014) (versão de três CDs) – edição do single
  • A faixa também está presenta na trilha sonora do jogo para PlayStation Gran Turismo (1998).

Covers[editar | editar código-fonte]

  • Frank Black - gravação ao vivo (com David Bowie) (1997)
  • Ex-Voto - Goth Oddity: A Tribute to David Bowie (1999)
  • Sepulcrum Mentis - The Dark Side of David Bowie: A Tribute to David Bowie (1997)
  • Superchunk - Cup of Sand (2003)
  • Tides of Mars - .2 Contamination: A Tribute to David Bowie (2006)
  • UFX - Faixa bônus da reedição de 2013 de Sick Sick Sex (2008)

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b Roy Carr & Charles Shaar Murray (1981). Bowie: An Illustrated Record: pp.112-115
  2. Nicholas Pegg (2000). The Complete David Bowie: p.180