Schering-Plough

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Schering-Plough
Nome nativo Schering-Plough Corporation
Atividade Indústria farmacêutica
Fundação 1971
Sede Kenilworth (Nova Jérsei)
Presidente Fred Hassan
Acionistas Rhuan Pedroza (maior acionista individual)
Receita AumentoUS$ 18.502.000.000 (2008)
Lucro AumentoUS$ 1.903.000.000 (2008)
Website oficial www.schering-plough.com

A Schering-Plough foi um empresa estadunidese do ramo farmacêutico que tem suas origens em 1851, fazendo parte do grupo Schering. A empresa anteriormente era chamada de SCHERING com origem na Alemanha.

Após o final da segunda guerra mundial, os bens alemães, fora do território alemão, foram levados a hasta pública nos países aliados e nos países do terceiro eixo, mantendo tanto o nome SCHERING bem como sua estrutura societária. Já nos países aliados,em sua grande maioria, a Shering foi adquirida pelos acionistas americanos dando-se o nome de SCHERING PLOUGH. No Brasil a aquisição foi feita pelo grupo capitaneado por Assis Chateaubriand e sendo vendido aos americanos na década de 60, tornando-se assim uma filial americana da SCHERING-PLOUGH americana.

Em 9 de março de 2009 foi anunciado que a Schering-Plough e Merck se uniram. Em 4 de novembro de 2009 Schering-Plough foi comprada pela Merck & Co e por meio de uma fusão deixou de ser uma empresa-chave e tornou-se uma subsidiária.

História[editar | editar código-fonte]

Farmacêuticos e produtos de consumo[editar | editar código-fonte]

A Schering foi fundada em 1851 por Ernest Christian Friedrich Schering com o nome Schering AG na Alemanha.[carece de fontes?]Plough, Incorporated foi fundada por um empresário de Memphis, Tennessee chamado Abe Plough (1892–1984) em 1908. Ele pegou $125 de seu pai para iniciar o negócio ao seus dezesseis anos. Como um negócio de um homem só, ele misturou "óleo de cura anti-séptico de Plough",[1] uma "cura certa para qualquer doença de homem ou animal", e vendeu-o com um carrinho puxado por cavalos.[2] As aquisições da Plough incluíram Aspirina de São José para crianças, Maybelline cosméticos, e Coppertone produtos de pele. Plough também operava uma divisão de radiofusão, atuando em Atlanta, Georgia; Baltimore, Maryland; Boston, Massachusetts; Chicago, Illinois; e Memphis, Tennessee.[3]

Seguindo a entrada dos Estados Unidos na Segunda Guerra Mundial em 1941, o presidente dos Estados Unidos Franklin Delano Roosevelt ordenou que os produtos da Schering AG fossem apreendidos. A Schering AG se tornaria Schering Corporation. Ela foi administrada pelo governo estatal até 1952, quando foi vendida ao setor privado.[carece de fontes?]Em 1957, a Schering adquiriu a White Laboratories.[4] Em 1971, a Schering Corporation foi fundida com a Plough, Incorporated. No tempo da fundição, Abe Plough foi o presidente da empresa recém fundida. Em 2000, a Schering Plough comprou um novo campus em Summit, New Jersey, da Novartis.[carece de fontes?]Em 9 de março de 2009 foi anunciado que a Schering-Plough e a Merck deveriam se fundir. Em 4 de novembro de 2009, a Schering-Plough fundiu-se à Merck & Co. e, por meio de uma fusão reversa, a Merck tornou-se uma subsidiária da Schering-Plough, que se renomeou Merck.[5][6][7][8]

Referências

  1. «Abe Plough | Tennessee Encyclopedia». Tennessee Encyclopedia (em inglês) 
  2. «Prescription Products & Prescribing Information». merck.com 
  3. «Toledo Blade - Google News Archive Search». news.google.com. Consultado em 16 de março de 2018 
  4. «Schering-Plough Corp facts, information, pictures - Encyclopedia.com articles about Schering-Plough Corp». www.encyclopedia.com. Consultado em 16 de março de 2018. Cópia arquivada em 16 de setembro de 2016 
  5. Singer (10 de março de 2009). «Merck to Buy Schering-Plough for $41.1 Billion». The New York Times. Consultado em 14 de novembro de 2009. Cópia arquivada em 12 de maio de 2011 
  6. «Merck and Schering-Plough to Complete Merger Today» (Nota de imprensa). Merck & Co. 3 de novembro de 2009. Consultado em 13 de novembro de 2009. Arquivado do original em 7 de novembro de 2009 
  7. «New Merck Begins Operations» (Nota de imprensa). Merck & Co. 4 de novembro de 2009. Consultado em 13 de novembro de 2009. Arquivado do original em 8 de novembro de 2009 
  8. Merck & Company, Inc. (12 de novembro de 2009). «Notice of Reorganization Event» (PDF). Posted on Thomson Reuters web site. Consultado em 13 de novembro de 2009