Scream Queens (2015)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Scream Queens
Informação geral
Formato série
Gênero Humor ácido
Mistério
Horror satírico
Duração 42–44 minutos
Criador(es) Ryan Murphy
Brad Falchuk
Ian Brennan
País de origem Estados Unidos
Idioma original inglês
Produção
Produtor(es) Barry M. Berg
Robert M. Williams Jr.
Produtor(es) executivo(s)
  • Ian Brennan
  • Brad Falchuk
  • Ryan Murphy
  • Alexis Martin Woodall
  • Dante Di Loreto
  • James Wong
Editor(es) John Petaja
Andrew Groves
Ishai Setton
Adam Penn
Cinematografia Michael Goi
Joaquin Sedillo
Distribuição 20th Television
Elenco
Tema de abertura "You Belong to Me" por Heather Heywood
Música Mac Quayle
Heather Heywood
Alexis Martin Woodall
Empresa(s) produtora(s)
Localização
Exibição
Emissora original Fox
Formato de exibição 1080i (HDTV)
Formato de áudio Dolby Digital 5.1
Transmissão original 22 de setembro de 2015 – 20 de dezembro de 2016
Temporadas 2
Episódios 23 (lista de episódios)

Scream Queens é uma série de televisão americana de horror e comédia satírica que foi ao ar na Fox de 22 de setembro de 2015 a 20 de dezembro de 2016.[1][2] A série foi criada por Ryan Murphy, Brad Falchuk e Ian Brennan e produzida por Murphy, Falchuk, Brennan e Alexis Martin Woodall e pela 20th Century Fox Television, Ryan Murphy Productions, Brad Falchuk Teley-vision e Prospect Films.

Em 15 de janeiro de 2016, a Fox renovou a série para uma segunda temporada.[3] Emma Roberts, Abigail Breslin, Billie Lourd, Lea Michele, Jamie Lee Curtis, Niecy Nash, Glen Powell e Keke Palmer retornaram para reprisar seus papéis, enquanto Taylor Lautner, John Stamos, James Earl e Kirstie Alley entraram para o elenco.[4] Em vez da universidade, a segunda temporada foi ambientada em um hospital e produzida em Los Angeles, Califórnia.

O programa foi cancelado em 15 de maio de 2017, após duas temporadas.

Em maio de 2020, Murphy confirmou que havia começado a trabalhar na terceira temporada da série.[5]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

1ª Temporada[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Scream Queens (1.ª temporada)

A primeira temporada se concentra na irmandade Kappa Kappa Tau na Wallace University, liderada por Chanel Oberlin (Emma Roberts) e suas seguidoras Chanels #2 (Ariana Grande), #3 (Billie Lourd) e #5 (Abigail Breslin), que são ameaçadas pela reitora Cathy Munsch (Jamie Lee Curtis). Os eventos reacendem um mistério de assassinato de 20 anos, com o ressurgimento do serial killer vestido como o mascote do Red Devil (Demônio Vermelho), que começa a atacar os membros da irmandade.[6][7]

2ª Temporada[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Scream Queens (2.ª temporada)

Após descobrirem a verdadeira identidade do Diabo Vermelho, as Chanels e Zayday são convidadas a se juntar, como estudantes de medicina, ao hospital que a reitora Munsch comprou onde os casos mais bizarros e fascinantes acontecem. A reitora recruta novos doutores, Cassidy Cascade (Taylor Lautner) e Brock Holt (John Stamos). Quando um novo assassino, vestido com uma fantasia de Monstro Verde, começa a matar os pacientes, todos se unem pra juntar pistas e desmascarar o novo assassino.[8]

Elenco e personagens[editar | editar código-fonte]

Elenco de Scream Queens no Paleyfest de 2016.
Da esquerda para a direita: Brad Falchuk, Jamie Lee Curtis, Emma Roberts, Lea Michele, Niecy Nash, Keke Palmer, Abigail Breslin, Billie Lourd

Principal[editar | editar código-fonte]

Recorrente[editar | editar código-fonte]

  • Niecy Nash como Denise Hemphill
  • Ariana Grande como Sonya Herfmann / Chanel #2 (1.ª temporada)
  • Nick Jonas como Boone Clemens (1.ª temporada)
  • Breezy Eslin como Jennifer (1.ª temporada)
  • Jeanna Han como Sam (1.ª temporada)
  • Aaron Rhodes como Rodger (1.ª temporada)
  • Austin Rhodes como Dodger (1.ª temporada)
  • Evan Paley como Caulfield Mount Herman (1.ª temporada)
  • Anna Grace Barlow como Bethany Stevens / Mary Mulligan (1.ª temporada)
  • Grace Phipps como Mandy Greenwell (1.ª temporada)
  • Jim Klock como Detective Chisolm (1.ª temporada)
  • Jan Hoag como Ms. Agatha Bean (1.ª temporada)
  • Lo Graham como Co-Ed Girl (1.ª temporada)
  • Trilby Glover como Jane Hollis (2.ª temporada)
  • Jerry O'Connell como Dr. Mike (2.ª temporada)
  • Laura Bell Bundy como Enfermeira Thomas (2.ª temporada)
  • Andy Erikson como Marguerite Honeywell / Chanel #7 (2.ª temporada)
  • Riley McKenna Weinstein como Daria Janssen / Chanel #8 (2.ª temporada)
  • Dahlya Glick como Andrea / Chanel #10 (2.ª temporada)

Participação[editar | editar código-fonte]

Episódios[editar | editar código-fonte]

TemporadaEpisódiosOriginalmente exibido
Estreia da temporada Final da temporada
11322 de setembro de 2015 (2015-09-22)8 de dezembro de 2015 (2015-12-08)
21020 de setembro de 2016 (2016-09-20)20 de dezembro de 2016 (2016-12-20)

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Brad, Ian e eu, nós três, sempre fomos obcecados com o gênero slasher dos anos 80/início dos anos 90 que sempre foi sobre jovens e sempre sobre a idade. Então nós adoramos isso e decidimos ser inspirados por essa ideia. Esse foi o impulso disso.

—Co-creator Ryan Murphy sobre o início da série.[7]

Em 20 de outubro de 2014, a Fox Broadcasting Company anunciou que havia encomendado uma temporada de 15 episódios de Scream Queens (incluindo uma segunda temporada no contrato original), criada por Ryan Murphy, Brad Falchuk e Ian Brennan, que também co-criaram Glee, porém mais tarde foi reduzida para 13 episódios. A série foi produzida por Murphy, Falchuk, Brennan e Dante Di Loreto.[9] A série estreou em setembro de 2015.[10] Murphy afirmou que a cada episódio um membro do elenco será morto, dizendo: "É muito parecido com Ten Little Indians. Há um fator de sintonia real porque é como, quem vai ser escolhido esta semana? E também quem é o assassino? A cada episódio, você tem pistas sobre quem será o assassino e então todas essas pistas se acumulam." A série não é completamente antológica por natureza, com Murphy afirmando: "Quem sobreviver — e haverá pessoas que sobreviverão — irá para a próxima temporada em um novo local e um novo terror. Ao contrário de American Horror Story (série semelhante, também de Murphy e Falchuk), que reinicia completamente, Scream Queens tem alguma continuidade, em que alguns dos personagens e alguns dos relacionamentos continuam em um novo mundo.

Falchuk compartilhou uma visão sobre a tomada de decisão de quem seria o(s) assassino(s), dizendo: "Decidimos logo no início. Nós conversamos sobre o que é isso - Quem é o assassino? O que é? - para que sempre soubéssemos seguir em frente. Nesse processo, tivemos momentos em que pensamos: 'E se, em vez dessa pessoa, seja essa pessoa?' Então falamos sobre isso, e sempre voltamos ao nosso plano original." Elaborando mais sobre a natureza de uma narrativa Quem matou? Falchuk afirmou: "Temos muito cuidado para que alguém leia o roteiro o tempo todo e tente entender quem foi atacado, quando foi atacado, por que foi atacado, e se for possível que estejamos eliminando alguém como suspeito ao fazer isso. A resposta sempre tem que ser não, porque sabemos como são os fãs. Eles fazem grandes gráficos sobre quem é o assassino, e então alguém descobre. Eu acho que é muito divertido [a narrativa] Quem matou?, mas também, alguém vai descobrir isso. No final do episódio um, alguém vai descobrir, porque é isso que as pessoas fazem."[11]

Falchuk falou longamente sobre os processos de tomada de decisão sobre quem morrerá em cada episódio, "É mais difícil escalar e dirigir atores que você sabe que vai ter que matar. Depois de entrar no set e trabalhar com eles, às vezes eles são tão bons que se tornam desafiadores". O criador continuou, "...quando conhecemos a atriz que interpretou a Taylor Swift surda, ela foi tão engraçada que nos reunimos e dissemos: 'Existe uma maneira de não matá-la e talvez matar outra pessoa?' E é tipo não, nós amamos todo mundo, e também meio que se encaixa com a história, então tivemos que seguir em frente." Falando sobre a natureza complicada de terror/comédia do programa, Falchuk afirmou: "A maneira como você encontra o equilíbrio é entendendo que, quando faltam alguns ingredientes, certos ingredientes são superfortes e o sabor é tão forte que se você usar demais, estraga toda a sopa. Horror é algo que tem um sabor muito forte, então apenas pequenas gotas dele é a melhor receita." A série é um comentário sobre "cultura jovem e cultura universitária", com personagens como a reitora Munsch e Wes Gardner fornecendo comentários adultos. "Ele está conectado de uma forma que é mais difícil para ele ser objetivo, porque a filha dele, Grace, está lá. Então você tem a reitora, e ela vive vendo essa cultura se desenvolver ao longo de seus anos como educadora, e ela está reagindo a isso."[11]

Em setembro de 2015, foi revelado que a rainha do grito Heather Langenkamp estava por trás dos efeitos especiais da série.[12]

Casting[editar | editar código-fonte]

Elenco de Scream Queens na Comic Con de 2015.
Da esquerda para a direita: Jamie Lee Curtis, Emma Roberts, Lea Michele, Skyler Samuels, Keke Palmer, Abigail Breslin, Billie Lourd

É Mean Girls que se encontra com Friday the 13th. Eu acho que é engraçado, é assustador e todo mundo está usando Chanel. Que outras razões você precisa [para assistir]?

Emma Roberts protagonista da série[13]

Em dezembro de 2014, foi relatado que Emma Roberts e Jamie Lee Curtis seriam apresentados como membros regulares da série.[14] Em janeiro de 2015, Lea Michele, Joe Manganiello, Keke Palmer e Abigail Breslin se juntaram ao elenco principal da série, assim como a atriz/cantora Ariana Grande em um papel recorrente.[15] Mais tarde naquele mês, o The Hollywood Reporter confirmou que Nick Jonas apareceria ao longo da primeira temporada.[16] Em fevereiro de 2015, Billie Lourd e Skyler Samuels se juntaram ao elenco principal da série.[17][18] No final do mês, Niecy Nash se juntou ao elenco recorrente como Denise, uma segurança de pontapé inicial;[19] e Lucien Laviscount, Diego Boneta e Glen Powell foram confirmados como regulares.[20][21]

Em março de 2015, Nasim Pedrad foi escalado como membro regular da série.[22] Em 13 de março, Manganiello foi forçado a deixar a série, devido a obrigações de publicidade para seu filme Magic Mike XXL. Oliver Hudson foi contratado como seu substituto.[23] Em 24 de junho, foi anunciado que Charisma Carpenter e Roger Bart interpretariam os pais de Chanel #2.[24] Em agosto de 2015, Philip Casnoff foi escalado como o marido de Cathy.[25][26] Em setembro de 2015, Murphy anunciou, através de seu twitter, que Patrick Schwarzenegger havia se juntado ao elenco.[27] Ele interpretou o irmão mais novo de Chad, Thad.[28] O irmão mais velho de Chad, Brad, foi interpretado por Chad Michael Murray;[29] enquanto Alan Thicke e Julia Duffy foram escalados como Sr. e Sra. Radwell.[30]

John Stamos, Taylor Lautner, e Colton Haynes se juntaram ao elenco para a segunda temporada.[31] Em 28 de julho de 2016, foi anunciado que Jerry O'Connell e Laura Bell Bundy teriam papéis recorrentes.[32]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

Ryan, Brad e Ian são gênios, e eles acertam. Eles acertam como uma dupla, e eles acertam como um trio. Então eu confio no Ryan com a minha vida – literalmente, minha carreira, minha vida, o que quer que seja o que ele quer que eu faça. Quer que eu use uma cinta no pescoço e fale sobre como adoro fazer sexo com cadáveres? Eu sou todo sua.

Lea Michele em trabalhar com os criadores da série.[33]

A série começou a ser gravada em 12 de março de 2015, em New Orleans, Louisiana.[34][35] Cenas exteriores do campus foram filmadas na Universidade de Tulane. O programa completou as filmagens do episódio piloto em abril de 2015, com as filmagens dos demais episódios da primeira temporada começando no início de junho de 2015.[36] Murphy, Brennan, e Falchuk foram considerados os únicos diretores da primeira temporada;[37] no entanto, isso foi mais tarde provado não ser o caso.

Curtis filmou uma intrincada homenagem à cena clássica do chuveiro de sua mãe, Janet Leigh, em Psycho. Falchuk falou sobre hesitar em incluir a cena: "Eu pensei: 'Posso fazer isso? Eu preciso perguntar a ela?' Então eu escrevi e então recebi uma mensagem dela muito rapidamente depois que ela leu o roteiro. A mensagem dela era: 'Nós precisamos fazer isso shot-for-shot. Então, típica de Jamie Lee, ela começou a me enviar todos os sites e tumblrs com cada cena apresentada e esboçada." Curtis comprou uma empresa de cartões comemorativos que tinha a imagem de sua mãe gritando e colocou uma perto do monitor. Ela viu a cena Psycho várias vezes entre as tomadas, combinando os menores detalhes, como qual mão alcança a barra de sabão e contrações do olho. "É um grande negócio e não levo isso a sério", concluiu Falchuk, "... o fato de ela ter ido dessa forma foi muito comovente para mim."[38]

A segunda temporada viu a produção mudar de New Orleans, Louisiana, para Los Angeles, Califórnia; depois de marcar um crédito fiscal significativo. As filmagens começaram em julho de 2016.[39]

Sequência de abertura[editar | editar código-fonte]

A sequência de abertura da série apresenta Roberts, Michele, Samuels, Palmer, Boneta, Powell, Breslin e Lourd em uma homenagem aos filmes de terror dos anos 80. A canção de fundo, trata-se de uma canção original feita especialmente para a série, chamada "You Belong To Me", que é cantada pela cantora Heather Heywood. A canção foi composta por Heather Heywood e Mac Quayle e produzida por Alexis Martin Woodall.[40]

Marketing[editar | editar código-fonte]

Em 13 de fevereiro de 2015, a FOX lançou o primeiro teaser trailer da série no YouTube.[41] Em 13 de março, foi lançado um segundo teaser trailer, com a participação de Roberts,[42] e outro teaser foi ao ar durante a final da primeira temporada da série Empire, com a participação de Palmer.[43] Em 9 de abril de 2015, outro teaser foi lançado com a participação de Roberts, e mais um teaser em 27 de abril.[44] Mais tarde no mesmo mês, Entertainment Weekly divulgou uma série de cartazes exclusivos. Em abril de 2015, a Six Flags lançou uma arte exclusiva do poster da série.[45] Em 19 de maio de 2015, o primeiro trailer da série foi lançado. Em 1 de julho de 2015, posteres de todos os atores da série foram liberados.[46]

Exibição[editar | editar código-fonte]

A série teve sua estreia mundial na Comic-Con de 2015, em julho.[47] No final de agosto, exibições gratuitas do piloto junto com outros dois novos episódios pilotos da Fox foram realizadas em cidades selecionadas.[48] Nos Estados Unidos, estreou na Fox em 22 de setembro de 2015.[37][49]

No Brasil, Scream Queens teve estreia simultânea com os Estados Unidos, através do canal pago de TV, FOX, em versão legendada. A exibição simultânea com a americana ocorreu até o episódio "Chainsaw", a partir do episódio "Haunted House" a série foi ao ar às quartas-feiras em versão legendada e às segundas-feiras em versão dublada.[carece de fontes?]

Dublagem[editar | editar código-fonte]

A dublagem da série no Brasil é feita pelo estúdio Dubbing & Mix.[carece de fontes?]

Ator Personagem Brasil Dublador(es)
Emma Roberts Chanel Oberlin Kate Kelly
Skyler Samuels Grace Gardner Tarsila Amorim
Lea Michele Hester Ulrich / Chanel #6 Fernanda Bullara
Glen Powell Chad Radwell Spencer Toth
Diego Boneta Pete Martínez Diego Lima
Abigail Breslin Libby Putney / Chanel #5 Priscila Ferreira
Keke Palmer Zayday Williams Priscilla Concepcion (até episódio 8)
Carol Valença (a partir do episódio 9)
Oliver Hudson Weston Gardner Felipe Grinnan
Nasim Pedrad Gigi Caldwell / Jess Meyer Tatiane Keplmair
Billie Lourd Sadie Swenson / Chanel #3 Letícia Bortoletto
Jamie Lee Curtis Cathy Munsch Cecília Lemes
Recorrente
Nick Jonas Boone Clemens Robson Kumode
Niecy Nash Denise Hemphill Alessandra Merz
Breezy Eslin Jennifer Maíra Paris
Jeanna Han Sam Lia Mello
Jan Hoag Agatha Bean Arlete Montenegro
Ariana Grande Sonya Herfmann / Chanel #2 Flora Paulita
Jim Klock Detetive Chisholm Wilken Mazzei

Recepção[editar | editar código-fonte]

Resposta da crítica[editar | editar código-fonte]

Scream Queens teve uma recepção mista positiva por parte da crítica especializada. O Rotten Tomatoes deu a primeira temporada a classificação de 68% com base em 56 comentários críticos, com o consenso crítico "Muito mau gosto para os telespectadores regulares e muito bobo para os entusiastas de horror, Scream Queens não satisfaz."[50] O Metacritic deu a primeira temporada 59 de 100 pontos baseados em 33 comentários críticos, indicando "comentários mistos ou médios".[51] O revisor do IGN, Terri Schwartz, deu uma avaliação muito positiva da estréia de duas horas, dando-lhe um 9.7 dos 10 e dizendo: "Ryan Murphy trabalhou sua mágica na TV novamente com um início matador para Scream Queens. A partir da atuação, do figurino à escrita, tudo sobre esse conceito e execução funciona. Scream Queens é tão engraçado e autoconsciente quanto deve ser para não entediar o público, mas também oferece mistério e intriga o suficiente para manter até o maior dos céticos entretido."[52] Ed Power, do The Telegraph, também deu à estreia uma crítica positiva, premiando-a com quatro de cinco estrelas.[53] Brian Lowry, da Variety, comentou em sua análise do episódio final, "O verdadeiro gênio de Murphy vem da capacidade de promover seus programas por meio da concepção e do elenco, a desvantagem é que essas qualidades têm o mau hábito de superar a execução", antes observando "A grande revelação no final não foi particularmente reveladora, principalmente porque a narrativa tinha sido uma bagunça tão louca nas semanas anteriores que qualquer suspense havia se dissipado há muito tempo."[54]

A segunda temporada coletou apenas seis avaliações no Rotten Tomatoes, todas analisando apenas a estreia, relatando um índice de aprovação de 83% com uma classificação média de 7.1/10, e não forneceu consenso crítico.[55] As classificações de visualização médias da Nielsen para a segunda temporada foram cerca de metade da primeira temporada, incluindo uma redução de 48% na visualização ao vivo e de 51,2% na visualização "ao vivo + 7 dias DVR".[56][57] Orly Greenberg, do Observer, fez uma avaliação mista da estreia da segunda temporada, elogiando a adição de John Stamos como uma adição positiva, mas notou problemas na execução geral, afirmando que "a segunda temporada parece um pouco mais forte do que o semi-desastre anterior de uma temporada no ano passado... Seu tom é disperso [e] sua atuação é inconsistente na melhor das hipóteses. "[58] Em sua análise do final, ela declarou: "Este final de temporada não resolveu nada, principalmente porque não havia nada a resolver. Esta foi honesta e verdadeiramente a temporada mais anticlímax que já vi... nem misteriosa nem intrigante. Em vez disso estava vagamente apenas... presente." Brian Moylan do Vulture comentou em sua revisão final que "nada nesta temporada fazia sentido. [Scream Queens] no seu melhor [é] um deleite exagerado que não precisa de lógica porque tem inteligência, atrevimento e muita malícia para manter tudo zumbindo. Esta temporada faltou tudo isso. Parecia uma recauchutagem esfarrapada de uma ideia que perdeu força 15 episódios atrás." Ele deu ao final duas de cinco estrelas.[59]

Audiência[editar | editar código-fonte]

Temporada Horário (ET) N.º Ep. Estreia Final Temporada de
TV
Média de audiência
Data Audiência
(em milhões)
Data Audiência
(em milhões)
Rank Ao vivo+7 Ao vivo
1 Terça-feira 21:00. 13
22 de setembro de 2015
4.04[60]
8 de dezembro de 2015
2.53[61] 2015–16 #103[56] 4.72 2.79
2 10
20 de setembro de 2016
2.17[62]
20 de dezembro de 2016
1.37[63] 2016–17 #115[57] 2.28 1.45

Prêmios e nomeações[editar | editar código-fonte]

Ano Premiação Categoria Indicados Resultado
2015 Critics' Choice Television Awards Nova série mais emocionante Scream Queens Venceu
2016 Dorian Awards[64] Programa de TV Exagerado do ano Indicado
People's Choice Awards[65] Nova comédia de TV favorita Venceu
Atriz favorita em nova série de TV Emma Roberts Indicado
Lea Michele Indicado
Jamie Lee Curtis Indicado
Golden Globe Awards[66] Melhor Atriz - Série Musical ou Comédia de TV Indicado
Satellite Awards[67] Melhor Atriz - Série Musical ou Comédia de TV Indicado
Fangoria Chainsaw Awards[68] Melhor atriz coadjuvante na TV Indicado
Make-Up Artists & Hair Stylists Guild Awards[69] Mini-série de TV (MOW) - Melhor maquiagem contemporânea Eryn Krueger Mekash, Kelley Mitchell, Melissa Buell Indicado
Teen Choice Awards Série de televisão: Comédia Scream Queens Indicado
Atriz de televisão: Comédia Emma Roberts Indicado
Lea Michele Indicado
Vilã(o) de televisão Indicado
2017 Make-Up Artists & Hair Stylists Guild Awards[70] Série de televisão e novas mídias - Melhor estilo de cabelo contemporâneo Crystal Cook, Anna Quinn, Ai Nakata Indicado
Teen Choice Awards Atriz de televisão: Comédia Emma Roberts Indicado
Ladrão de cena Taylor Lautner Indicado

Referências

  1. «TV Premiere Dates 2015: The Complete Guide». The Hollywood Reporter. Consultado em 25 de junho de 2015 
  2. Andreeva, Nellie (11 de maio de 2015). «Fox Fall 2015 Schedule: 'Minority Report' On Monday, 'New Girl' Held For Midseason». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de maio de 2015 
  3. Fox press release (15 de janeiro de 2016). «"Scream Queens" Renewed For a Second Season». The Futon Critic. Consultado em 16 de janeiro de 2016 
  4. Andreeva, Nellie (15 de janeiro de 2016). «'Scream Queens': Who Is Coming Back For Season 2?». Twitter. Consultado em 15 de janeiro de 2016 
  5. Marshall, Andrew (8 de maio de 2020). «Ryan Murphy Says He's Now Working On Scream Queens Season 3». We Got This Covered (em inglês). Consultado em 6 de junho de 2020 
  6. «Ryan Murphy & His 'Glee' Co-Creators Get Fox Series Order For Comedy-Horror Anthology 'Scream Queens'». Deadline. 20 de outubro de 2014. Consultado em 18 de janeiro de 2015 
  7. a b Stack, Tim (23 de abril de 2015). «Scream Queens First Look: Ryan Murphy Reveals His New Horror Comedy». Entertainment Weekly. Consultado em 23 de abril de 2015 
  8. Strause, Jackie. «'Scream Queens': Kirstie Alley, Taylor Lautner and a Nude John Stamos Scrub In on Season 2 Premiere». The Hollywood Reporter. Consultado em 14 de outubro de 2016 
  9. «Fox Gives Series Order to 'Scream Queens' From 'Glee' Creators». Variety. 20 de outubro de 2014. Consultado em 18 de janeiro de 2015 
  10. «Scream Queens exclusive: See three new posters for fall's horror comedy». Entertainment Weekly. 17 de abril de 2015. Consultado em 17 de abril de 2015 
  11. a b Upadhyaya, Kayla Kumari (22 de setembro de 2015). «'Scream Queens' Co-Creator on the Premiere: "Everyone Is a Suspect"». The Hollywood Reporter. Consultado em 26 de setembro de 2015 
  12. «"Scream Queens": Did You Know Heather Langenkamp Is Behind the Devil Mask?!». Bloody Disgusting. 23 de setembro de 2015. Consultado em 21 de setembro de 2016 
  13. Stack, Tim (28 de abril de 2015). «Emma Roberts talks Scream Queens: 'It's Mean Girls meets Friday the 13th'». Entertainment Weekly. Consultado em 28 de abril de 2015 
  14. Goldberg, Lesley (8 de dezembro de 2014). «Emma Roberts, Jamie Lee Curtis to Star in Ryan Murphy's Fox Horror-Comedy Series». The Hollywood Reporter. Consultado em 11 de maio de 2015 
  15. Goldberg, Lesley (17 de janeiro de 2015). «Lea Michele, Joe Manganiello, More Join Ryan Murphy's 'Scream Queens'». The Hollywood Reporter. Consultado em 11 de maio de 2015 
  16. Goldberg, Lesley (26 de janeiro de 2015). «Nick Jonas Boards Fox's Ryan Murphy Comedy 'Scream Queens' (Exclusive)». The Hollywood Reporter. Consultado em 11 de maio de 2015 
  17. Andreeva, Nellie (2 de fevereiro de 2015). «Billie Lourd Joins Fox's 'Scream Queens'». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de maio de 2015 
  18. Wagmeister, Elizabeth (11 de fevereiro de 2015). «'Scream Queens': Skyler Samuels Cast as Series Regular». Variety. Consultado em 11 de maio de 2015 
  19. Harnick, Chris (23 de abril de 2015). «Niecy Nash Joins Scream Queens and She's Going to Kick Butt». E! Online. Consultado em 23 de fevereiro de 2015 
  20. Petski, Denise (23 de fevereiro de 2015). «Lucien Laviscount Joins Fox's 'Scream Queens'». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de maio de 2015 
  21. Andreeva, Nellie (25 de fevereiro de 2015). «Diego Boneta To Co-Star In Fox Series 'Scream Queens'; Glen Powell Also Cast». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de maio de 2015 
  22. Andreeva, Nellie (10 de março de 2015). «Nasim Pedrad Joins 'Scream Queens'». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de maio de 2015 
  23. Andreeva, Nellie (13 de março de 2015). «Oliver Hudson Joins 'Scream Queens' As Joe Manganiello Has To Pull Out». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de maio de 2015 
  24. Santos, Kristin (25 de junho de 2015). «Scream Queens Scoop! Ariana Grande's Dad Will Be Played By This Revenge Star ...». Entertainment Weekly. Consultado em 30 de setembro de 2015 
  25. Derschowitz, Jessica (9 de agosto de 2015). «Scream Queens exclusive: Meet the man playing Jamie Lee Curtis' husband». Entertainment Weekly. Consultado em 9 de agosto de 2015 
  26. «Episode Title: (SQ-107) "Beware of Young Girls (If No World Series Game #6)"». The Futon Critic. Consultado em 14 de outubro de 2015 
  27. Murphy, Ryan (11 de setembro de 2015). «Happy to announce that PATRICK SCHWARZENEGGER has joined the cast of SCREAM QUEENS». Twitter. Consultado em 11 de setembro de 2015 
  28. Tierney, Brickner (11 de setembro de 2015). «NEWS/ Eye Candy Alert! Scream Queens' Cast Gets Even Hotter as Patrick Schwarzenegger Joins the Show». E! Online. Consultado em 11 de setembro de 2015 
  29. Tim Stack (17 de setembro de 2015). «Scream Queens exclusive: Chad Michael Murray to appear on Fox horror comedy». Entertainment Weekly. Consultado em 18 de setembro de 2015 
  30. Lauren Piester; Kristin Dos Santos (17 de setembro de 2015). «NEWS/ Scream Queens Casts Alan Thicke and Julia Duffy as Patrick Schwarzenegger's Parents». E! Online. Consultado em 18 de setembro de 2015 
  31. Stack, Tim (22 de julho de 2016). «Scream Queens exclusive: Colton Haynes checking into season 2». Entertainment Weekly. Consultado em 22 de julho de 2016 
  32. Gelman, Vlada (28 de julho de 2016). «'Scream Queens' Casts Jerry O'Connell, Laura Bell Bundy in Season 2». TVLine.com. Consultado em 19 de agosto de 2016 
  33. Stack, Tim (24 de setembro de 2015). «Lea Michele talks Scream Queens: 'I think the killer is a girl'». Entertainment Weekly. Consultado em 27 de setembro de 2015 
  34. «Joe Manganiello, Lea Michelle, Abagail Breslin & Keke Palmer Join FOX's 'Scream Queens'» (em inglês). TV by The Numbers. 17 de janeiro de 2015. Consultado em 28 de fevereiro de 2015. Arquivado do original em 18 de janeiro de 2015 
  35. Goi, Michael (12 de março de 2015). «Rode the trolley to the set of the first day filming for @ScreamQueens this morning. Let the screaming start ...». Twitter. Consultado em 13 de março de 2015 
  36. Abigail, Breslin (25 de abril de 2015). «.missin dat @ScreamQueens life rn». Twitter. Consultado em 27 de abril de 2015 
  37. a b Andreeva, Nellie (11 de maio de 2015). «Fox Fall 2015 Schedule: 'Minority Report' On Monday, 'New Girl' Held For Midseason». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de maio de 2015 
  38. Stack, Tim (25 de setembro de 2015). «On the set of Scream Queens for Jamie Lee Curtis' Psycho recreation». Entertainment Weekly. Consultado em 25 de setembro de 2015 
  39. Patton, Dominic (9 de março de 2016). «'Scream Queens' 'Good Girls Revolt' & 'American Horror Story' Among 9 TV Projects Awarded California Tax Credits». Deadline Hollywood. Consultado em 9 de março de 2016 
  40. «'Scream Queens' Title Song 'You Belong to Me' Revealed». Film Music Reporter. 2 de setembro de 2015. Consultado em 25 de setembro de 2015 
  41. David Fox, Jesse (13 de fevereiro de 2015). «Ryan Murphy's Scream Queens Teaser Is Cruel». Vulture. Consultado em 14 de fevereiro de 2015 
  42. «Watch Emma Roberts in the new Scream Queens teaser». Entertainment Weekly. 13 de março de 2015. Consultado em 14 de março de 2015 
  43. Swift, Andy (18 de março de 2015). «Scream Queens: Meet Keke Palmer's Creepy Co-Ed Character in New Promo». TV Line. Consultado em 19 de março de 2015 
  44. Stack, Tim (9 de abril de 2015). «New Scream Queens teaser features Emma Roberts wielding a big knife -- and killer lipstick». Entertainment Weekly. Consultado em 9 de abril de 2015 
  45. «Check Out the Hair-Raising New 'Scream Queens' Poster (Exclusive)». The Hollywood Reporter. Consultado em 15 de julho de 2015 
  46. Andy Swift. «'Scream Queens' Cast Photos — Ariana Grande & More In Season 1 - TVLine». TVLine. Consultado em 2 de julho de 2015 
  47. Elizabeth Wagmeister. «Comic-Con 2015: 'Scream Queens' Premiere, 'AHS,' 'Sleepy Hollow' & More – Variety». Variety. Consultado em 25 de junho de 2015 
  48. «Free Advance Screening of FOX New Comedies "Scream Queens", "GrandFathered", And "The Grinder"». Hit Shows To Watch. 7 de agosto de 2015. Consultado em 30 de maio de 2016. Arquivado do original em 8 de agosto de 2015 
  49. «TV Premiere Dates 2015: The Complete Guide». The Hollywood Reporter. Consultado em 25 de junho de 2015 
  50. «Scream Queens: Season 1». Rotten Tomatoes (em inglês). Consultado em 23 de setembro de 2015 
  51. «Scream Queens (2015) - Season 1 Reviews». Metacritic (em inglês). CBS Intercative. Consultado em 30 de outubro de 2020 
  52. Terri Schwartz (19 de setembro de 2015). «Scream Queens: "Pilot/Hell Week" Review». IGN. Consultado em 21 de setembro de 2015 
  53. «Scream Queens: 'an air of gleeful queasiness'». The Telegraph. 26 de outubro de 2015 
  54. «'Scream Queens' Finale is Nothing To Shout About». Variety. 8 de dezembro de 2015. Consultado em 22 de julho de 2018 
  55. «Scream Queens: Season 2». Rotten Tomatoes. Consultado em 29 de novembro de 2016 
  56. a b «Full 2015–16 TV Season Series Rankings». Deadline Hollywood. Estados Unidos: Penske Media Corporation. 26 de maio de 2015. Consultado em 26 de maio de 2016 
  57. a b «Final 2016-17 TV Rankings». Deadline Hollywood. Estados Unidos: Penske Media Corporation. 25 de maio de 2017. Consultado em 25 de maio de 2017 
  58. «'Scream Queens' Season 2 Premiere: Losing Your Patients». Observer.com. 21 de setembro de 2016 
  59. «Scream Queens Season Finale Recap: The Bitter End». Observer. 21 de dezembro de 2016. Consultado em 22 de julho de 2018 
  60. Kondolojy, Amanda (23 de setembro de 2015). «Tuesday Final Ratings: 'The Voice', 'NCIS', 'Limitless' & 'The Muppets' Adjusted Up; 'Best Time Ever' Adjusted Down». TV by the Numbers. Consultado em 23 de setembro de 2015. Arquivado do original em 25 de setembro de 2015 
  61. Porter, Rick (9 de dezembro de 2015). «Tuesday final ratings: 'The Flash' and 'The Voice' adjust up». TV by the Numbers. Consultado em 9 de dezembro de 2015. Arquivado do original em 10 de dezembro de 2015 
  62. Porter, Rick (21 de setembro de 2016). «Tuesday final ratings: 'NCIS,' 'Brooklyn Nine-Nine' adjust up, 'This Is Us' & 'Bull' steady». TV by the Numbers. Consultado em 21 de setembro de 2016 
  63. Porter, Rick (21 de dezembro de 2016). «'The Year,' 'Terry Crews Saves Christmas' and others unchanged: Tuesday final ratings». TV by the Numbers. Consultado em 21 de dezembro de 2016 
  64. «GALECA 2015/16 Dorian Awards». Gay and Lesbian Entertainment Critics Association. Consultado em 21 de janeiro de 2016. Arquivado do original em 14 de abril de 2016 
  65. «2016 Nominees & Winners». People's Choice Awards. Consultado em 21 de janeiro de 2016 
  66. «Winners & Nominees 2016». Hollywood Foreign Press Association. Consultado em 21 de dezembro de 2015 
  67. «Scream Queens». International Press Academy. Consultado em 21 de janeiro de 2016 
  68. Fangoria Staff (14 de janeiro de 2016). «Never mind Oscar, here's the 2016 FANGORIA Chainsaw Awards Nominees Ballot!». Fangoria. Consultado em 20 de janeiro de 2016 
  69. Tapley, Kristopher (13 de janeiro de 2016). «'Mad Max,' 'American Horror Story' Lead Makeup and Hair Stylists Guild Nominations». Variety. Consultado em 13 de janeiro de 2016 
  70. «2017 nominees» (PDF). local706.org. Consultado em 26 de fevereiro de 2017