Setor primário

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Sector primário)
Disambig grey.svg Nota: Para a terminologia sociológica que se refere ao setor público, veja Primeiro setor.

Na macroeconomia, o setor primário da economia é um setor econômico, na teoria dos três setores, que descreve o papel de qualquer atividade social envolvida na extração e produção de matérias-primas a partir de materiais orgânicos ou inorgânicos. Isto implica, geralmente, a transformação de recursos naturais em produtos primários, divididos em bens de consumo e bens intermediários. Muitos produtos do setor primário são considerados como matérias-primas levadas para outras indústrias, a fim de se transformarem em produtos industrializados. As atividades importantes neste setor incluem a agricultura, o extrativismo vegetal, a caça, a pesca, a pecuária e a mineração artesanal.

Divisões[editar | editar código-fonte]

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) calcula o produto interno bruto dos municípios brasileiros a partir de quatro setores da atividade econômica (agropecuária, indústria, serviços e administração pública) e estabelece que o subsetor agropecuária subdivide-se em:[1]

  • Lavoura permanente;
  • Lavoura temporária;
  • Pecuária;
  • Horticultura;
  • Extrata vegetal;
  • Silvicultura;
  • Investimentos em matas plantadas e em culturas permanentes;
  • Indústria rural;
  • Produção particular do pessoal residente no estabelecimento rural;
  • Serviços auxiliares da agropecuária.

Outras divisões sub-setoriais incluem:

Referências

  1. Produto Interno Bruto dos Municípios. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Série Relatórios Metodológicos Vol. 29. Rio de Janeiro, IBGE, 2004. 49 p. Consultado em outubro de 2016.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.