Sega 32X

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, comprometendo a sua verificabilidade (desde maio de 2016).
Por favor, adicione mais referências inserindo-as no texto. Material sem fontes poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Sega 32X
Sega 32X
Fabricante Sega
Tipo Console de videogame
Geração 4ª geração
Lançamento Estados Unidos 19 de Novembro de 1994 (EUA)
Japão 3 de dezembro de 1994 (JAP)
União Europeia 12 de Janeiro de 1995 (UE)
Brasil 6 de maio de 1995 (BRA)
Descontinuado 30 de outubro de 1995
Unidades
vendidas
200.000[1]
Mídia Cartucho
CPU 2x SH-2 - 32-bit RISC (23 MHz)[2]
Controladores Gamepad
Conectividade Mega Drive
Retrocompa-
tibilidade
Mega Drive
Antecessor Sega CD
Sucessor Sega Saturn

Sega 32x é um acessório para o console da Sega, o Mega Drive, Genesis Na América do Norte.

No Japão, foi distribuído com o nome Sega Super 32X. Na América do Norte, Sega Genesis 32X. Na Europa, Austrália, e Brasil, era chamado Mega 32X.

O acessório deveria ser inserido na entrada de cartucho do Mega Drive, recebendo cartuchos próprios ou do Mega Drive. Para caber em todas as versões do console, possuía diferentes fundos.

História[editar | editar código-fonte]

O 32X nasceu como um dos projetos da Sega para ultrapassar o Super Nintendo tecnologicamente, e seu codinome durante o desenvolvimento era Project Mars (Projeto Marte).

O console teve apenas 39 jogos lançados, dos quais 2 são exclusivos da Europa (DarXide e Fifa 96) e um, do Japão (Sangokushi IV, em inglês Romance of the Three Kingdoms IV). 6 dos 39 jogos eram utilizados junto com o Sega CD,[3] sendo o mais famoso o Night Trap, que apresentava 32,768 cores na tela ao invés das 64 do Sega CD.

O console acabou enfrentando diversos problemas, como a existência paralela do console Sega Saturn, que apresentava-se como um videogame mais adequado a nova geração de consoles considerando as especificações técnicas, e mais adequado também para competir com a nova geração de videogames da Sony e Nintendo.

Pouco antes do lançamento do acessório, a Sega havia lançado Multi-Mega CDX (SEGA CDX na América do Norte) que combinava Mega Drive e SEGA CD em um único hardware. A compatibilidade do Multi-Mega CDX com o Mega 32X foi testada pela Sega, mas reprovada para o consumidor de último minuto. É possível observar nas embalagens do Sega Genesis 32X adesivos colados referenciando que o "32X é compatível com todos os variantes de Mega Drive, exceto o CDX".

Porém, os consumidores descobriram que o 32X funciona perfeitamente em conjunto com o Multi-Mega CDX, com a ressalva de que as laterais do 32X "vazam" para fora da área do CDX -- provável motivo pelo qual a Sega havia reprovado a compatibilidade oficial.

Sega Neptune[editar | editar código-fonte]

O Sega Neptune foi um console Genesis e 32X dois em um que a Sega planejou lançar no outono de 1995, com o preço de varejo planejado para ser menor que US$200.[4] O Neptune foi adiado até 1996, e então foi completamente cancelado com o anúncio do cancelamento da produção do 32X.[5] Electronic Gaming Monthly usaram o Sega Neptune como brincadeira de dia da mentira na edição de Abril de 2001. Essa edição incluiu um pequeno artigo em que os escritos anunciaram que a Sega encontrou um depósito cheio de Sega Neptunes, e estava os vendendo por somente $50.[6]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Blake Sow (4 de maio de 2007). «The 10 Worst-Selling Consoles of All Time». GamePro.com. Consultado em 25 de novembro de 2007. Cópia arquivada em 18 de agosto de 2008 🔗 
  2. «Mega Drive 32X Hardware Information». Sega Mega Drive 32X instruction manual. [S.l.]: Sega Enterprises. 20 páginas 
  3. Pop, Lee (15 de Agosto de 2012). «6 Sega CD 32X Games (is all they made)». p. poprewind.com. Consultado em 10 de Março de 2014 
  4. «CES ProNews Flashes!». IDG. GamePro (68): 156. Março de 1995 
  5. Beuscher, David. «Sega Genesis 32X — Overview». Allgame. Consultado em 7 de junho de 2013. Cópia arquivada em 14 de novembro de 2014 
  6. «Sega's Neptune Finally Surfaces». EGM Media, LLC. Electronic Gaming Monthly abril de 2001